A importância do relaxamento na gravidez

· 28 de junho de 2018
Quando estamos grávidas somos um poço de estresse e muitas vezes não diferenciamos a causa. Mas são sintomas de que uma vida está crescendo dentro de nós, por isso devemos conhecer a importância do relaxamento durante a gravidez.

O relaxamento durante a gravidez é importante para nos sentirmos bem e fazer todo o processo ser mais suportável. Já ouvimos muitas vezes um ditado popular que diz “você está grávida, não doente”. E é verdade. Mas também precisamos ter consciência de que não somos as mesmas de antes e que o cuidado deve ser maior porque seremos mamães.

Se somos muito independentes e não paramos de trabalhar ou de fazer serviços diários de casa, é o momento certo de saber que nós precisamos parar duas horas por dia para dar espaço aos exercícios de relaxamento.

Você e seu filho em gestação precisam disso. Não é para deixar a rotina habitual. É para reservar um tempo para você ter um encontro íntimo com o seu bebê. Uma maneira de conseguir fazer isso é através de exercícios ou de rotinas de relaxamento.

Relaxamento na gravidez: físico

Em seguida serão mencionados os benefícios físicos mais importantes que são alcançados quando se realiza rotineiramente os exercícios de relaxamento:

  • Sua pressão arterial e a frequência cardíaca diminuem.
  • No final da gravidez, geralmente a respiração fica acelerada. Através das rotinas de relaxamento, mais oxigênio é fornecido ao cérebro fazendo com que a respiração volte ao normal e nos sintamos muito melhor.
  • A tensão muscular diminui quando você reserva um tempo para os exercícios de relaxamento.
  • Os níveis de colesterol e gordura no sangue são reduzidos.
  • Será possível conciliar o sono e alcançar um descanso profundo e de qualidade tanto para você quanto para o bebê.
  • Aumenta o nível de produção de leucócitos o que fortalece o sistema imunológico. Assim, evita qualquer risco de contaminação por vírus ou infecções.
  • Aumenta a dilatação dos vasos proporcionando maior oxigenação periférica.
relaxamento na gravidez

Estar grávida envolve muitas mudanças no nosso corpo. O sangue pode apresentar alterações que podem nos fazer sentir mal ou desanimadas. Por isso, é altamente recomendável incluir métodos de relaxamento que diminuirão significativamente qualquer desconforto.

Atualmente, existem muitas técnicas de relaxamento que podem ser facilmente realizadas a partir do conforto de casa e outras que são facilitadas ou guiadas por profissionais da área. É apenas uma questão de estar consciente dos benefícios e agir diariamente em prol do nosso bem-estar.

Relaxamento na gravidez: técnicas

A seguir, apresentaremos um conjunto de técnicas que irão nos ajudar em todo o processo de relaxamento:

Respiração. Tente respirar com o diafragma quando estiver fazendo exercícios de relaxamento ou em situações estressantes.

Relaxamento muscular. Deite-se por um tempo e identifique o músculo que você sente mais tenso. Comece a fazer movimentos de tensão e relaxamento em pequenas doses e você sentira uma sensação agradável de alívio.

Treinamento autógeno. Esta técnica psicoterapêutica é muito parecida com a meditação. Consiste basicamente em realizar uma respiração profunda com um conjunto de exercícios de alongamento. Para executar este tipo de técnica, é melhor recorrer à ajuda de um profissional especializado.

relaxamento na gravidez
Outras fontes de relaxamento

Podemos conseguir algumas fontes de relaxamento por meio de:

  • Música. Ouça música clássica, instrumental, etc. Elas ajudam significativamente no processo de relaxamento do corpo e da mente.
  • Yoga pré-natal. Há inúmeros benefícios gerados pela prática de yoga, não só para relaxar mas também para facilitar o trabalho de parto natural.
  • Caminhar ou nadar. Esses exercícios são muito completos e os benefícios são integrais para o organismo em geral.

É importante lembrar que antes de tomar a decisão de implementar qualquer rotina de exercício, você deve fazer uma consulta prévia com o obstetra. Dessa forma, ele pode te guiar e dar as devidas recomendações em função do estágio de gravidez no qual você se encontra.

A prática de exercícios e técnicas de relaxamento rotineiras irão minimizar os sintomas tradicionais de gravidez, tais como:

  • Cansaço
  • Fadiga
  • Dificuldade de caminhar
  • Tonturas ou sensações de desmaio
  • Dores musculares
  • Batimento cardíaco acelerado
  • Hemorragia vaginal
  • Contrações
  • Perda de fluido vaginal

Evitar o estresse pré-natal vai proporcionar qualidade durante todo o período de gestação, além da força necessária para receber e cuidar do seu bebê. Então, não procrastine mais e comece a sua rotina de relaxamento o mais cedo possível.