Ser mãe e estudar ao mesmo tempo

· 16 de janeiro de 2019
Quem disse que as mães não podem estudar como qualquer outra pessoa? Com muita dedicação e planejamento, toda mulher pode cumprir seus objetivos e, também, desempenhar o papel de mãe.

Nunca é tarde demais para cumprir os propósitos que estabelecemos em nossas vidas. Seguindo essa premissa, muitas mães decidem embarcar na missão de concluir seus estudos ou ter uma carreira universitária. Ao mesmo tempo, elas cumprem seu trabalho como mãe. Mas é possível alguém ser mãe e estudar ao mesmo tempo?

Se você está considerando essa possibilidade, ou mesmo se você já começou esse projeto, saiba que não irão faltar pessimistas dizendo que você não conseguirá, que não terá tempo ou que você vai acabar morrendo – não literalmente, é claro – mas em sua tentativa.

Embora você certamente já saiba, não dê ouvidos a eles. Ninguém melhor do que você conhece as suas capacidades, a força de vontade e as circunstâncias que tornam esse objetivo possível. No entanto, é evidente que não é um objetivo simples. Ser mãe e estudar requer muito sacrifício e, sem dúvida, colaboração.

Como ser mãe e estudar ao mesmo tempo?

Muitas mulheres podem desistir apenas ao pensar nessa pergunta. É lógico: nem todas as crianças são iguais e, portanto, nem todas as mães poderão considerar tal objetivo.

No entanto, tudo é possível com planejamento e perseverança. Você gostaria de conhecer alguns detalhes que você deve levar em conta para iniciar esse projeto? Abaixo, listaremos alguns:

1. Organização e disciplina

Claro, as horas de tranquilidade e concentração não serão abundantes. Por esta razão, é essencial que o aluno aproveite o tempo que tem para fazer o dever de casa, estudar e frequentar as aulas que lhe correspondem.

Que momentos são esses? Por exemplo, durante as manhãs. Muitas mães deixam seus bebês em berçários para trabalhar. Alguém que estuda pode perfeitamente fazer isso também. De fato, existem bolsas que subsidiam creches particulares e estaduais em diversos países.

Por outro lado, você pode contar com ajuda da família em determinados momentos. Antes das provas ou em datas específicas, solicite a colaboração de avós ou tios. Logicamente, você também deve aproveitar os momentos em que o bebê fica com o pai.

mãe estudando com o bebê

2. Disposição para fazer sacrifícios

Uma tarefa de tal dimensão pode ser duas vezes mais recompensadora, uma vez alcançada, sem dúvida. No entanto, muito esforço será necessário no caminho. Nós também teremos que deixar de lado certas coisas.

Por exemplo, as mães muitas vezes não conseguem acompanhar os colegas 100% dedicados aos estudos. Isso tanto no sentido acadêmico como no recreativo. As comemorações e festas típicas das universidades estão excluídas.

Além disso, você deve saber que o estudo consome uma grande parte do tempo livre de uma pessoa. Isso se traduz em menos atividades físicas – não as abandone por nada no mundo – menos filmes, séries e saídas e, infelizmente, menos tempo em família.

3. É importante fazer pausas

Tantas responsabilidades podem te sobrecarregar e te fazer mergulhar em um ritmo de vida que você pode pensar que não irá conseguir dar conta. Portanto, trace metas realistas e incorpore momentos de descanso obrigatórios em suas rotinas.

Esses são o combustível que você necessitará para enfrentar seus compromissos com energia, além de ser essencial para sua saúde. Se você não fizer isso, acabará doente ou abandonará seus estudos mais cedo ou mais tarde.

“Ninguém melhor do que você conhece as suas capacidades, a força de vontade e as circunstâncias que tornam esse objetivo possível”

4. A melhor versão de si mesma

Primeiramente, quando você tiver dúvidas sobre ter sucesso ou não ao ser mãe e estudar, tenha a convicção de que o que você está fazendo é um grande gesto de coragem e amor-próprioSe você se dispuser a trabalhar para isso, não duvide que você vai alcançar seu objetivo.

Por outro lado, ser mãe e estudar tornará impossível que você se destaque como gostaria em todas as áreas. Não se pressione ou se culpe por isso: leve tudo com calma e lembre-se de que nem todos enfrentam desafios na mesma condição. Não se compare com ninguém. Conheça a melhor versão de si mesma.

Mulher estudando

5. Aprecie sua família

É totalmente compreensível que você queira fazer o melhor em relação aos seus estudos, mas isso não deve ser um impedimento para desfrutar do seu filho e do seu parceiro. Nesses casos, você deve evitar os dois extremos negativos:

  • Não é verdade que você deva dedicar 100% da sua vida à sua família e ao seu bem-estar.
    • Os objetivos e propósitos da vida não precisam ser postos de lado em nenhum momento. Portanto, não se sinta culpada.
  • Também não é verdade que as obrigações devem reprimir sua vontade de passar um tempo com as pessoas de quem gosta.
    • O segredo é o equilíbrio: você encontrará tempo para tudo.

Além disso, o mais importante é que você se sinta satisfeita consiga mesma e aproveite a vida que leva. Se você estudar ou parar de estudar devido à pressão de outras pessoas ou críticas que possa receber, estará errando. Ninguém melhor que você conhece suas prioridades e desejos: dedique-se a eles!