Para que serve soro fisiológico em bebês e crianças?

Saiba mais sobre esse medicamento básico, que muitas vezes ajuda a salvar vidas. Você conhece os seus benefícios?
Para que serve soro fisiológico em bebês e crianças?

Última atualização: 13 Outubro, 2021

O soro fisiológico é um líquido medicinal que simula o plasma contido em nosso sangue. Também é conhecido como solução salina isotônica ou solução fisiológica.

Na área da saúde, esse fluido é utilizado para diversos fins, devido às suas propriedades e composição. Continue lendo e descubra o quais são essas propriedades.

O que é o soro fisiológico?

Como mencionamos anteriormente, esse soro é uma solução em estado líquido que tenta reproduzir algumas propriedades do plasma sanguíneo. Por isso, é composto de água e alguns minerais em concentrações equivalentes às do fluido humano.

O soro fisiológico também é denominado solução isotônica ou soro fisiológico a 0,9%, devido à quantidade de sódio que contém: é composto por 9 gramas de cloreto de sódio para cada litro de água.

Quando é usado?

O soro fisiológico é um produto farmacêutico amplamente utilizado na área da saúde.

Em algumas ocasiões, colabora com as medidas de reanimação que são praticadas em condições muito severas que comprometem a vida. Mas, em outras, é uma alternativa muito simples e eficaz para o manejo de patologias leves em casa.

Descreveremos alguns de seus usos mais comuns a seguir.

Substituição de fluidos corporais

fluidoterapia tratamento endovenoso fisiológico soro fisiológico baxter via túbulo leito infantil internação hospitalar

A solução salina isotônica é muito útil quando se precisa repor as perdas de fluidos do corpo. Por exemplo, em casos de desidratação, sangramento ou infecção grave que desestabiliza o corpo (sepse).

Na maioria desses exemplos, o quadro clínico é de gravidade considerável. Por esse motivo, a solução salina costuma ser administrada pelas veias (por via intravenosa) e em ambiente hospitalar. Isso é conhecido como terapia de fluidos.

Limpeza de feridas

Quando a pele sofre um ferimento, o cuidado da ferida é fundamental para evitar complicações mais graves, como infecções. Portanto, as lavagens iniciais desse tecido têm um papel fundamental.

Por muitos anos, foi recomendado praticar essas limpezas com soro fisiológico estéril. Não só porque é inócuo (não causa dor ou irritação), mas também porque é um fluido livre de germes.

Atualmente, as evidências científicas afirmam que não há diferenças significativas no risco de infecção, quando se usa soro fisiológico ou água da torneira. Por esse motivo, a escolha do uso de solução salina para limpeza de feridas está sujeita às preferências de cada família.

Lavagens nasais em caso de resfriado

A congestão nasal causada por resfriados é um sintoma muito comum na infância. Além de incomodar, causa uma obstrução nasal capaz de condicionar a respiração dos bebês. Por esse motivo, as lavagens nasais com soro fisiológico são uma alternativa para o alívio da criança.

Essa prática é muito simples de realizar em casa e, em geral, é muito bem tolerada pelos pequenos.

Você pode realizá-la aplicando de 1 a 2 mililitros de soro fisiológico em cada narina (um de cada vez), com o objetivo de amolecer as secreções do nariz e promover sua liberação. Após alguns minutos, elas podem ser aspirados suavemente com um aspirador nasal manual ou podem escorrer pela garganta para que a criança as engula.

O uso dessas soluções nesse contexto tem se mostrado um método seguro, eficaz e útil para limitar o consumo desnecessário de diversos medicamentos.

Você pode estar interessado em: Higiene nasal nos bebês: 6 dicas

Nebulizações para o tratamento de condições das vias aéreas inferiores

Quando a medicação é necessária para tratar doenças das vias aéreas inferiores, as nebulizações são uma boa alternativa para conseguir isso:

  • No caso da laringite, as nebulizações com solução salina e corticosteroides inalatórios ou adrenalina melhoram a inflamação e os sintomas desagradáveis.
  • No caso da bronquiolite, a eficácia das nebulizações é um assunto controverso.

De acordo com uma revisão sistemática da Cochrane Collaboration, as nebulizações com solução salina hipertônica reduziram modestamente o risco de hospitalização para essas crianças. Da mesma forma, encurtaram o tempo de internação em alguns casos de bronquiolite moderada a grave.

No entanto, esse efeito não foi comprovado com o uso de soro fisiológico isotônico.

nebulização inalação inalação solução fisiológica salina patologia respiratória vapor umidade brônquios laringe laringite bronquiolite

Outros usos de soro fisiológico

A solução salina também é usada para limpar as secreções oculares dos bebês, devido à sua condição de fluido estéril (livre de germes). No entanto, isso também pode ser feito com o leite materno, que não é totalmente isento de microrganismos.

Sobre a importância do soro fisiológico para a saúde

A solução salina é um medicamento muito útil. Além disso, geralmente é um produto barato, bem aceito pelas crianças e suas famílias e seguro o suficiente para uso doméstico.

Em qualquer caso, antes de usá-la, é aconselhável conversar com o seu pediatra. O profissional é quem determinará a conveniência de seu uso e indicará a forma de administração mais adequada para cada caso.

Pode interessar a você...
Hemorragia nasal: por que o nariz do seu filho sangra?
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Hemorragia nasal: por que o nariz do seu filho sangra?

Quando o nariz do seu filho sangra, pode parecer assustador. Além da urgência para conter o sangue, você se pergunta qual é a origem dessa hemorrag...