Benefícios dos jogos de videogame nas crianças

· 5 de janeiro de 2018

Os jogos de videogame são capazes de produzir muitas sensações nas crianças e permitem que elas desenvolvam muitas habilidades. Muitas mães provavelmente já reclamaram que o filho passa muitas horas na frente do computador ou da televisão. No entanto, isso nem sempre é uma perda de tempo. Para a surpresa de muitos, essa atividade traz benefícios sim. A seguir vamos ver alguns benefícios do videogame que você provavelmente não sabia.

Hoje em dia, uma atividade que com certeza prende a atenção das crianças é jogar videogame. Os efeitos especiais, a evolução na jogabilidade e a possibilidade de manipular personagens virtuais sem sequer ter um controle na mão (no caso dos videogames com sensores de movimento) são irresistíveis para qualquer criança.

Além disso, a variedade de jogos também aumentou muito de alguns anos para cá. Atualmente, praticamente todos os esportes, filmes, séries ou atividades possuem pelo menos uma versão de jogo para computador, celular ou outro tipo de console. Existem até mesmo alguns que simulam algum tipo de trabalho, como ser caminhoneiro, agricultor ou prefeito de uma cidade. É muita coisa!

Os pais muitas vezes se preocupam com a quantidade de horas que as crianças passam na frente das telas e as consequências da estimulação excessiva. Mas atenção: nem tudo é ruim. Este mundo também traz vantagens que você nunca iria imaginar.

Os jogos de videogame estimulam as habilidade da criança

Os 7 principais benefícios do videogame para as crianças

1. Estimula a imaginação

As crianças exploram novos mundos, diferentes formas de ver a vida e até têm uma perspectiva (mesmo que virtual) da realidade que as rodeia. Elas vão poder conhecer mais sobre a atrocidade das guerras, a complexidade do mundo do trabalho, os benefícios do esporte, entre outras coisas.

2. Permite socializar

Hoje em dia, jogar videogame ou jogos no computador de forma online é uma coisa bastante comum para as crianças. Claro, há sempre a limitação de não ter uma internet com uma conexão boa ou o fato de que alguns jogos são pagos e caros. Apesar disso, muitos jogos exigem um verdadeiro trabalho em equipe.

Os jogos em equipe proporcionam a possibilidade de a criança interagir com jogadores de outras cidades e até de países diferentes. Além disso, os pequenos podem jogar com os amigos fisicamente no mesmo lugar, seja em casa ou na casa deles. Essa atividade possibilita estabelecer vínculos de competição de forma saudável.

3. Desenvolve as capacidades

Nos jogos de videogame nem sempre se ganha. Então, de certa forma, é uma maneira de aumentar a tolerância ao fracasso. Para ganhar é preciso esforço, prática, aprendizagem e perseverança. Essas qualidades podem ser reforçadas através dos jogos de videogame e serem aplicadas em outras áreas da vida.

4. Estimula a coordenação motora

A reação física aos estímulos audiovisuais do videogame estimula a coordenação motora, seja através de um controle ou do movimento do próprio corpo. Os reflexos e as reações também são exercitados, assim como a atenção e a memória.

5. Ajuda a desenvolver as habilidades matemáticas

Em vários jogos de videogame é preciso praticar adição, subtração, multiplicação e divisão. Por exemplo, jogos de futebol (e outros esportes) exigem longas negociações e cálculos para conseguir ter os jogadores que a criança quer no seu time.

Os jogos de simulação são outro exemplo das aplicações matemáticas. O jogo The Sims por exemplo, simula a vida cotidiana e é preciso fazer o orçamento doméstico. Há também os jogos em que se deve administrar o dinheiro da cidade ou de uma empresa. Até mesmo o conhecido Banco Imobiliário possui uma versão digital.

6. Pratica o raciocínio e a lógica

Como foi comentado, muitos jogos de videogame exigem um trabalho mental difícil e uma estratégia bem elaborada para alcançar o objetivo. A capacidade de raciocinar é exigida em vários tipos de jogos, de modo que a criança vai exercitar quase sem perceber.

os jogos de videogame é ótimo para dias chuvosos

7. Não expõe a perigos

É praticamente impossível que uma criança se machuque jogando na frente do computador ou da televisão. Além disso, é uma atividade ideal para os dias chuvosos ou frios.

Os jogos de videogame promovem a socialização das crianças e alguns jogos exigem um verdadeiro trabalho em equipe.

Outros aspectos a serem considerados

Apesar dos benefícios dos jogos de videogame nas crianças que acabamos de mencionar, é preciso lembrar que qualquer coisa em excesso é prejudicial. O videogame é uma forma de entretenimento oposta à atividade física, portanto é necessário encontrar um equilíbrio para evitar problemas de obesidade ou de um estilo de vida sedentário.

Além disso, a criança não pode adiar ou deixar de cumprir as obrigações e as atividades sociais para ficar em casa jogando videogame. Da mesma forma, é preciso controlar o conteúdo dos jogos. Você verá que todos os jogos têm a indicação da idade adequada.

Nos jogos de videogame nem sempre se ganha. De certa forma isso é uma forma de aumentar a tolerância ao fracasso

E finalmente, nunca se esqueça que apesar dos benefícios do videogame nas crianças, ele não pode ser o foco central da vida dela. Ou seja, ela não pode “viver para jogar”. Se você observar um comportamento individualista excessivo, um indício de vício ou um comportamento violento, é hora de estabelecer limites.