Dor de dente em crianças

17 de agosto de 2018
Em algum momento da infância, quase todas as crianças passam por uma época de dor de dente. Você sabe quais são as causas e o que fazer para aliviar o mal-estar?

Todo mundo sabe como a dor de dente pode ser incômoda. Geralmente, sentimos dor de dente na infância, durante a dentição, mas também quando somos adultos por diversos motivos. A seguir, vamos analisar tudo que está relacionado à dor de dente em crianças, uma fase tão difícil e dolorosa para os pequenos.

Em algum momento da infância, é extremamente provável que a criança vá sentir dor de dente. Na maioria dos casos, as causas são naturais. No entanto, os pais sempre devem prestar atenção, conversar com a criança e consultar o dentista caso suspeitem que possa se tratar de algo mais sério.

Sintomas secundários da dor de dente

Além dos incômodos nos dentes em si, podem aparecer outros sinais que vão afetar o bem-estar das crianças. Estes são:

  • Mal-estar e apatia devido à dor.
  • Dificuldade para mastigar e engolir.
  • Dor contínua.
  • Inflamação da região afetada.
  • Febre.

Causas da dor de dente em crianças

As razões mais frequentes que levam à dor de dente são:

  • Cáries.
  • Sensibilidade nos dentes.
  • Crescimento de um novo dente.
  • Bruxismo.
  • Traumatismos.
  • Mordida desalinhada.
  • Dor de ouvido ou otite – é normal que a criança não saiba distinguir exatamente de onde vem a dor.
  • Sinusite.
  • Inflamações ou outros problemas nas gengivas.
dor de dente em crianças

O que fazer em caso de dor de dente em crianças

Dependendo da origem da dor, poderemos tomar diferentes medidas para aliviar o sofrimento. Portanto, a primeira coisa a fazer é observar a boca da criança, além de perguntar especificamente o que ela sente e em quais momentos.

Em primeiro lugar, se a dor ocorre por causa de um dente mole, o melhor a se fazer é deixar como está e não forçar. Isso pode fazer com que o dente permanente cresça desalinhado.

Uma boa técnica para aliviar a dor é enxaguar a boca com água morna e sal. Essa medida contribui para diminuir a inflamação. Também pode ser efetivo passar gelo na área dolorida.

Por outro lado, é possível aplicar alguns remédios, como um gel específico para gengivas ou dar algum analgésico, sempre, é claro, com recomendação médica. Os remédios costumam ser necessários quando um novo dente está crescendo e causando a dor.

Por fim, nos casos de cáries não resta outra opção a não ser ir ao dentista. Especificamente, as cáries significam uma destruição dos tecidos duros do organismo – como os dentes e os ossos – que, em casos extremos, podem chegar a afetar os nervos. São causadas por germes que, aderidos aos dentes por muito tempo, corroem o esmalte dos dentes.

Em relação às consultas com o dentista, é recomendável ter esse costume desde cedo, pelo menos para realizar um acompanhamento. Assim, evitaremos que a criança desenvolva um medo irracional de ir ao dentista.

Existem outras situações nas quais pode ser necessário recorrer a um profissional, seja um dentista ou um pediatra. Aqui, nos referimos aos casos em que um dente quebra ou quando a dor é provocada por uma causa maior, como dor de ouvido ou sinusite.

Outras soluções caseiras

Além das soluções já citadas, que são as formas convencionais de tratamento para a dor de dente em crianças, também podemos recorrer a certas estratégias caseiras e efetivas. Elas são muito úteis porque as crianças ainda não têm idade suficiente para fazer uso de analgésicos fortes.

A primeira opção é a água oxigenada. Aplicar esse produto com um algodão ou cotonete na região inflamada pode trazer alívio, pelo menos temporariamente.

Por outro lado, também se pode recorrer ao alho como anti-inflamatório natural. Não é o método mais agradável, já que requer que a criança fique com um dente de alho na boca por alguns segundos. Entretanto, é uma técnica com bons resultados para esses casos.

Por fim, os géis congeláveis indicados para batidas também podem ser úteis para tratar a inflamação e a dor nos dentes. O lado positivo desses produtos, diferentemente do gelo, é que não causam sensação de queimação ao ficar em contato direto com a pele.

dor de dente em crianças

A importância da escovação

Não é nenhuma novidade que a escovação é essencial para prevenir a dor de dente em crianças. Através desse simples cuidado diário, podemos manter a higiene bucal e acabar com as chances de desenvolvimento de bactérias na boca.

Por esse motivo, também é essencial que os pais ofereçam um bom apoio no momento de ensinar as crianças a escovar os dentes. Além disso, é claro, é preciso contar com todos os elementos necessários para uma boa escovação e, se possível, consultar o dentista sobre as particularidades que possam ser necessárias em cada caso como, por exemplo, uma pasta ou escova de dentes específicos.