Com quantos meses posso levar meu bebê à praia?

· 11 de novembro de 2017

Depois de completar 8 meses de nascido, é a idade mais recomendada para levar o seu bebê à praia. Os especialistas da Associação Espanhola de Pediatria afirmam que especialmente os bebês e as crianças com menos de 3 anos são os mais sensíveis aos efeitos nocivos das radiações ultravioleta.

Talvez você esteja se perguntando: com quantos meses o meu bebê pode ir à praia?  A resposta é que deve ser por volta dos 8 meses após o nascimento. Os bebês com menos de 6 meses de idade não deveriam ser expostos de maneira direta ao sol nem devem utilizar filtros solares.

Antes dessa idade a pele é muito fina e os mecanismos de proteção ainda não estão completamente desenvolvidos. Essa informação é fornecida em um artigo publicado pela Associação Espanhola de Pediatria.

Os especialistas também recomendam que, de maneira geral, se deve evitar a exposição ao sol entre 12 e 17 horas. Além disso, é ideal aumentar o tempo de exposição de forma lenta e progressiva e usar sempre medidas de proteção solar.

Também é preciso levar em consideração que os protetores solares ou os cremes de proteção solar devem ser utilizados de maneira correta e sempre associados a outras medidas voltadas ao cuidado com a pele do seu bebê.

proteção solar

Conselhos para proteger a pele de seu bebê na praia

A Associação Espanhola de Pediatria e Atenção Primária (AEPAP) e a Sociedade Espanhola de Pediatria Extra-hospitalar e Atenção Primária (SEPEAP) dão os seguintes conselhos para proteger a pele do sol:

  • É importante usar protetor solar de fator 15 durante os 18 primeiros anos de vida.

Essa medida simples pode reduzir em até 78 por cento o risco de sofrer câncer de pele.

  • Evita expor as crianças ao sol entre 12 h-17 h.
  • Se as crianças tiverem pele clara, olhos claros ou forem ruivas devem usar protetor solar com fator de proteção maior do que 15.
  • Sempre passe protetor solar no seu filho meia hora antes de sair de casa. O protetor deve ser aplicado frequentemente a cada duas horas.
  • Nos lugares onde houver muito sol, é importante usar bonés ou chapéus com abas e óculos de sol com filtros.

Seja amiga da proteção solar

Outro artigo de pediatria propõe que a roupa é a melhor forma de se proteger do sol. Por isso, é recomendável que você e seu bebê usem camisetas folgadas, de algodão ou com tecido transpirável, com mangas, e calças compridas. Além disso, é preciso ter cuidado com a roupa molhada, pois ela favorece a passagem da radiação UVB.

Também é recomendável ter camisetas de reserva, assim como proteger a cabeça com bonés ou chapéus que protejam o pescoço, as orelhas, os olhos, a testa e o nariz. Além disso, é importante ficar embaixo do guarda-sol ou buscar lugares com sombras.

A partir de uma certa idade, o uso de óculos de sol com filtros para evitar radiações ultravioleta pode ser um complemento divertido. E também é bastante útil e imprescindíveis para cuidar seus olhos.

Todas as medidas de prevenção não só são válidas para ir para a praia ou piscina durante o verão, mas também para ir para regiões de montanha, neve ou sempre que realizar atividades ao ar livre.

proteção solar

Você deve levar em consideração que a água, a areia ou a neve refletem os raios ultravioletas. Pois essas superfícies apresentam um efeito multiplicador. Não se esqueça de que também é preciso se proteger durante os dias nublados, pois as radiações atravessam as nuvens.

As medidas de proteção solar mais importantes são:

  • Evitar a exposição prolongada ao sol, especialmente entre 12h-16h.
  • Buscar sombras nos espaços ao ar livre ou sempre ter um guarda-sol.
  • Usar cremes e loções com filtro solar que sejam resistentes à água (caso não forem, aplicar várias vezes). É recomendável que tenham fator de proteção 15 ou superior.
  • Usar bonés ou chapéus com abas.
  • Utilizar roupas que cubram boa parte do corpo, como camisetas com mangas e calças tipo bermudas quando estiverem em locais com sol.
  • Usar óculos escuros, com filtro para raios UV. Isso protege a pele delicada ao redor dos olhos e também evita o aparecimento precoce de cataratas.
  • Em qualquer caso, é conveniente que a exposição ao sol durante a época do verão seja feita de maneira progressiva. Aumentando aos poucos o tempo ao sol.