Cores para o quarto do seu filho, quais são as ideais?

· 2 de janeiro de 2017

O melhor para os quartos dos recém-nascidos são as cores suaves que refletem tranquilidade e harmonia.

Um tom suave como base não é limitante para brincar com as cores e dar vida a um quarto, você bem pode combinar a base com cores vivas cujas variantes podem ressaltar em outros itens do quarto como o mobiliário.

Especialmente o amarelo claro transmite tranquilidade, gera a paz, assim como o azul e o verde. Estas cores ajudam a tranquilizar as crianças.

Se o seu filho é calmo o mais recomendável é usar cores quentes como vermelho e laranja, este tipo de tons, os fortes, contribuem para estimular a criatividade, que justamente você pode explorar por meio de combinações divertidas. As cores ajudam a promover isto.

Tenha em conta que o verde água ajuda a relaxar, por isso é muito utilizado nos hospitais. Você pode misturá-lo com cores vivas como fúcsia, por exemplo.

Cores para o quarto do seu filho, luz e ventilação

Há outros aspectos que você deve levar em conta ao decorar um quarto de criança, por exemplo, os materiais devem ser naturais, com tintas não tóxicas e fáceis de limpar e lavar.

Também é preciso levar em conta que a temperatura deve ser de cerca de 22 °C durante o dia e cerca de 18 °C durante a noite.

A iluminação pode ser de dois tipos: uma no centro do teto e outra a partir de uma das paredes laterais do quarto. Seria conveniente usar controladores de iluminação, que são muito úteis para os cuidados do bebê durante a noite. Deve-se aproveitar a luz natural utilizando cortinas finas e claras.

Definitivamente, não é recomendado o uso de cores como o cinza, porque não permitem uma expressão emocional forte, mas também não oferecem tranquilidade ou motivação.

O preto também não porque é a ausência de luz e qualquer estímulo é perdido, explica uma designer em um artigo.

O tamanho do lugar a ser decorado é determinante para selecionar a cor. As cores frias não podem ser utilizadas em espaços escuros, deve-se tentar encontrar um equilíbrio entre luz e cor.

Branco e cores crus ajudam a aliviar o quarto.

As cores falam

Gladys López Galvis, terapeuta ocupacional e especialista em cromoterapia, sustenta que cada cor traz seus benefícios. Ela fez uma lista que aqui compartilhamos com vocês:

  • O vermelho melhora a circulação e a parte sanguínea, e os processos inflamatórios; também é bom para as condições pulmonares e da pele.
  • O verde é a cor do equilíbrio. Ajuda a melhorar  o estado de saúde das pessoas.
  • O amarelo melhora o humor e a parte digestiva. Mas também acelera o metabolismo, então você tem que equilibrar isso.
  • O rosa é a cor do amor, do afeto, da emoção, e tanto os meninos quanto as meninas precisam dele.
  • O branco é a síntese de todas as cores. Elimina os bloqueios, a depressão, ajuda a melhorar o pulmão. Ele trabalha contra o sofrimento, melhora a adaptação e otimiza a criatividade.
  • O laranja protege o sistema imunológico, fortalece os pulmões, o pâncreas e vasos sanguíneos. Vivifica as emoções, cria bem-estar e alivia espasmos.
  • Roxo e violeta. Transmitem serenidade, tranquilidade, equilíbrio, cura, evolução espiritual e consciência. Eliminam os pensamentos negativos e é um sinal de proteção. Fisicamente, ajuda a aliviar o tensões, dores de cabeça, cansaço, etc…

Por isso, a cor é um aspecto fundamental que deve ser avaliado na hora de adaptar ou decorar o quarto do bebê ou da criança. Segundo a especialista, a primeira coisa que você deve saber é que todas as crianças são diferentes e que cada etapa é diferente.