3 coisas que só se aprende quando se é mãe

12 de janeiro de 2017

Mesmo quando uma mulher pode conhecer através de outras o que envolve criar um filho, apenas ao se tornar uma mãe ela é capaz de conhecer o sacrifício e o prazer de tão nobre proeza.

coisas que só se aprendem quando se é uma mãe. Não importa que você tenha convivido com os filhos de outras pessoas e contribuiu com seus cuidados.

Ser a única ou a pessoa mais responsável pela criação de um bebê lhe traz emoções e tarefas inesperadas.

A seguir, eu gostaria de dizer 3 coisas só se aprendem quando se é mãe.

Quando se é mãe você aprende que o dia não tem 24 horas

Durante a gravidez, especialmente se você não tiver outros filhos tem todo o tempo do mundo para se arrumar e ficar linda. Para as novas mães é encantador passar horas na frente do espelho verificando que está bonita e adornando sua barriga.

Há tempo suficiente para dormir, tomar banho, pentear-se, maquiar-se, fazer as unhas, ir ao cabeleireiro, dobrar e desdobrar mil vezes a roupa do bebê que está chegando… As horas sobram. Mas com a chegada da criaturinha tudo muda.

A criança pequena consome a maioria das horas do dia e da noite; só sobra tempo para que a mãe se alimente, descanse e até tome banho.

Se antes você tinha muitas horas de sono, passava um tempo debaixo do chuveiro e escovava o cabelo delicadamente, após o nascimento quase não fechará os olhos, terá que passar pelo chuveiro com a velocidade de um raio e vai ficar com com o cabelo sempre preso para evitar penteá-lo.

A maquiagem, fazer as unhas, ir ao cabeleireiro e todos os outros afazeres de hoje você deixará para amanhã, de amanhã ficará para depois de amanhã, e depois de amanhã você vai continuar adiando.

Quando se é mãe solteira você conta com as horas de sono da criança para realizar outras tarefas, tarefas que também se executam após o bem bem-estar do bebê, como lavar suas roupinhas, esquentar a mamadeira, preparar o banho…

O tempo durante a criação de um bebê não chega e os amanheceres se unem com as noites e as noites com os amanheceres até se converterem em uma só jornada composta por 365 dias.

Quando você é mãe aprende que amor à primeira vista existe

O amor à primeira vista existe e isso se comprova quando você vê seu filho pela primeira vez.

Sabe-se que as mães amam seus filhos enquanto ainda estão dentro do útero; no entanto, após o nascimento, elas experimentam uma emoção, devoção e carinho colossal. Por mais que você tenha amado alguém na vida, percebe que jamais amou alguém como você ama a seu filho.

A esse pequenino que pouco conhece você é mais fiel do que ninguém e o ama como a si mesma e ainda mais.

Quando você é mãe aprende que a felicidade também vive no sacrifício

Se antes de seu filho nascer você já estava feliz com a sua chegada, esse bem-estar é incrementado.

As noites sem dormir, os sacrifícios, os excessos de tarefas e você nunca ter tempo para si mesma lhe fazem a pessoa mais feliz do mundo.

Quando você é uma mãe seu descanso passa a ser segundo plano. Não importa se durante a madrugada o bebê acorda a cada hora; toda vez que ele reclama em seu berço você se levanta e o carrega com a mesma alegria da primeira vez.