5 estereótipos sobre mães que são totalmente certos

2 de maio de 2017

Há estereótipos de mães que são totalmente certos. Mesmo à primeira você não ache que seja verdade, ou de momento você tenha certas dúvidas, suas amigas que agora estão lendo este artigo podem confirmar nossa afirmação. Então vamos por partes.

Os estereótipos

Quando fazemos alusão ao termo estereótipo, claro que nos referimos às qualidades que são adicionadas a sua personalidade por causa do papel desempenhado, além do status, suas características físicas, psicológicas ou por sua maneira de se vestir e atuar.

Os estereótipos são ideias difundidas geralmente pela televisão e o cinema e aceitas como verdade pela maioria dos públicos, mas que muitas vezes não tem um fundo de verdade.

Vamos aos exemplos.
Quando na tela de um computador ou televisão uma criança que usa óculos, podemos adotar a ideia que é inteligente e estudiosa antes mesmo de refletir que ela usa esse objeto porque precisa. E assim vão surgindo outras ideias como:

  •  Os homens não choram
  •  As mulheres loiras só pela cor do cabelo devem ser sensuais
  •  As pessoas acima do peso são graciosas e simpáticas

Tendo em conta a lista anterior é necessário corroborar que nada do colocado é 100% real.

Os homens choram, nem todas as mulheres loiras são sensuais, e a obesidade nada tem a ver com ter como característica a simpatia.

Resumindo: os estereótipos, muitas vezes, carecem de fundamento.

Entretanto, há estereótipos que envolvem a figura das mães que são totalmente corretos.

A seguir, vou comentar cinco deles.

5 estereótipos de mães que são totalmente corretos

As mães são incondicionais

A incondicionalidade é a qualidade do ser humano de ser sempre fiel a outra pessoa sem importar o momento ou a situação.

Tal capacidade são poucos que a têm no mundo. Mas se existem pessoas que têm isso de maneira inesgotável são as mães

Todas as mães são incondicionais no amor a seus filhos, ao menos as que se empenham e se envolvem. Muitas fazem até o impossível por suas crianças.

Não importa se o filho ou filha já adultos, as decepcionem. As mães sabem perdoar e esquecer por completo o mal feito. Em seu amor, não há limites.

ID-100339523

As mães não descansam

As mães não descansam. É só dar a luz que é ativado um motor que as impulsiona a estar acordadas e prontas para mimar, cobrir as necessidades do recém-nascido, entreter, jogar e fazer as tarefas que tem a ver com a nova criaturinha.

As mães desempenham seu papel como se não existisse cansaço, tendo uma força quase sobrenatural.

Elas possuem um dispositivo que as estimula a levantar quando estão a ponto de desmaiar.

Toda vez que sentem que sua cria precisa delas seu instinto maternal torna-as imunes ao cansaço.

As mães não dormem

Entre os estereótipos de mães que são totalmente corretos se encontra o fato de que elas nunca dormem.

Se diz que antes de parir, uma mulher pode dormir sem maiores preocupações, mas que ao se tornar mãe, ela vai manter um olho aberto durante as horas de sono.

Quando as mulheres são mães sempre estão alertas em relação às queixas do pequeno e sabem até quando ela ou ele se move no berço.

Elas desenvolvem uma assombrosa facilidade para dormir apenas segundos depois que relaxam e deitam. Mas o sono é leve e elas sempre ficam espertas.

ID-100265347

As mães fazem sacrifícios

As mães se sacrificam por seus filhos até limites inacreditáveis. São capazes de sacrificar seus desejos, necessidades e descanso; tudo pelo bem-estar de seus filhos.

Não importa o preço ou a hora, as mães sempre estão dispostas a fazer qualquer coisa por eles.

Mãe só tem uma

Outro dos estereótipos que é construído em volta da figura materna é que mãe só existe uma  em nossa vida.

Apesar de que biologicamente essa frase é tão a prova de refutações como “pai só tem um”; fazendo alusão
à entrega, amor e dedicação, não há dúvidas: mãe só tem uma.

E por favor, não é para nenhum pai ficar ressentido: mas só uma mãe para consolar, proteger, mimar, dar carinho, ajudar, sacrificar-se e estar sempre disposta a mais.

Chegando ao final espero que, assim como nós, você esteja de acordo que há estereótipos de mães que são totalmente corretos.