Fotos de amamentação em redes sociais: sim ou não?

31 de agosto de 2018
Hoje em dia, nós temos acesso a diversas redes sociais nas quais podemos nos comunicar com nossos contatos, amigos e familiares. Além disso, podemos publicar textos, imagens e vídeos para mostrar tanto os gostos pessoais, assim como detalhes da nossa vida pessoal.

Se você for uma mãe que desfruta o momento da amamentação, não terá problemas se olharem quando você fizer isso. Mais do que isso, talvez você se junte ao grupo de famosas no Instagram e também tire fotos enquanto o seu bebê mama. Assim, todos poderão ver essa maravilha da natureza. É uma forma bonita de compartilhar com os seus contatos esse momento tão terno.

Cada pessoa é livre para mostrar o que quiser nas redes sociais desde que respeitemos as regras de cada um.

Sobre a questão da amamentação, o fato de as mulheres postarem imagens amamentando seus filhos pode ter uma resposta bastante polêmica, mesmo dentro do seu círculo de amigos. Embora fotografias de mulheres amamentando sejam a coisa mais natural do mundo, em nossa sociedade, ainda há pessoas que pensam que isso pode ter caráter sexual ou obsceno.

Essas imagens são inapropriadas?

em redes sociais

Pode haver pessoas que classifiquem essas imagens como pouco apropriadas. Mas na verdade não é assim. São fotos naturais e todos deveriam se acostumar a enxergá-las como tal. Não são fotos de pessoas nuas, nem têm natureza sexual. São apenas imagens de uma mãe alimentando seu bebê através do melhor alimento que existe para a cria de todo mamífero: o leite materno.

Pessoas postam imagens de suas vidas cotidianas de diferentes maneiras. E um desses momentos do dia a dia é a amamentação. Não há nada mais natural do que isso. E é necessário que todos encarem como algo normal. O que não é normal é condenar mulheres que tornam público a alimentação de seus filhos e achar normal a exibição de imagens com caráter sexual na televisão em horário infantil.

É preciso acabar com a hipocrisia social que não é capaz de enxergar os seios de uma mulher simplesmente como uma ferramenta para a alimentação de seus bebês e em vez disso os vê com um alto teor sexual. Quem está errado nesta história? A pessoa que alimenta o bebê ou aquela que têm pensamentos obscenos quando vê um seio e só o relaciona com conotações sexuais?

Normalizar a amamentação em público

em redes sociais

Essa questão ainda é polêmica e cheia de controvérsias. Mas é importante que se normalize e que as pessoas não se escandalizem por ver uma mulher amamentando seu bebê. Seja em uma fotografia nas redes sociais ou em vias públicas. É por isso que muitas famosas e mães exibem imagens alimentando seus bebês em redes sociais. Muitas vezes, o objetivo é tentar normalizar a situação.

O fato de mostrar essas imagens em redes sociais e permitir que os seus contatos vejam, ou ainda, que qualquer um veja, caso o seu perfil seja público, é uma decisão que só depende de você. Se você quiser mostrar, ninguém vai te impedir. Além disso, você estará contribuindo com a tentativa de normalizar essa prática tão natural e importante para a vida humana. A amamentação não é uma coisa obscena, é necessária.

Independente disso, você terá que avaliar se realmente quer mostrar essas imagens. E, acima de tudo, estar preparada para as consequências positivas e negativas que isso pode trazer diante da reação de outras pessoas. Pode ser que tenha um impacto positivo e que as pessoas entendam a maravilha da amamentação. Ou pode ter um impacto negativo. Poderá haver pessoas que te critiquem por não manter essas imagens em sua intimidade.

Para evitar comentários de pessoas que você não se importa, é necessário configurar bem a sua privacidade nas redes sociais. Dessa forma, somente os seus contatos poderão ver essas imagens. Assim, você poderá compartilhar livremente as fotos do que quiser com quem quiser no seu círculo de confiança.