A importância de conversar com o bebê durante a gravidez

· 12 de março de 2019
Conversar com o bebê enquanto ele ainda está na barriga ajuda a formar uma forte ligação afetiva que vai nos acompanhar pela vida toda.

Muitas mulheres acham que conversar com o bebê durante a gravidez não é importante, pois o feto pode não ouvir nada. A verdade é que, hoje em dia, ninguém censura o fato de ser benéfico para a criança começar a ouvir as vozes dos seus familiares desde quando ainda está na barriga da mãe.

Quando conversamos com o bebê na barriga, favorecemos o seu desenvolvimento neuronal e emocional. Além disso, aumentamos os laços afetivos com ele de maneira significativa. Essa atividade pode ser muito estimulante, pois muitas vezes o feto pode reagir a uma determinada voz com movimentos.

A audição é o primeiro sentido a se desenvolver. A partir da 24ª semana de gestação, o bebê já consegue escutar. A voz da mãe se move por meio das vibrações que vêm através dos ossos, e o bebê pode senti-las durante o tempo que permanecer no útero.

Por que é importante conversar com o bebê durante a gravidez?

É importante que o bebê ouça a voz da mãe, pois isso vai despertar o seu desejo de ouvir. Ele vai começar a se mover ou brincar com o seu corpo, a girar, a flexionar os joelhos, a dar chutes ou a saltar no ritmo da voz e dos murmúrios de sua mãe.

Esse som pode eliminar o estresse e a ansiedade do feto, principalmente nas fases finais da gravidez.

A partir da 36ª semana de gestação, o bebê ouve e diferencia a voz da mãe de todos os outros sons. Além disso, ele fica mais sensível a ruídos altos, como por exemplo uma porta batendo, bem como à música que soa fora do útero.

A voz do pai não tem uma frequência tão alta porque é um estímulo externo. No entanto, também é muito importante para a criança.

Os bebês dentro do útero geralmente são mais ativos e receptivos à estimulação durante a noite. Dessa forma, falar com eles nessa hora do dia vai permitir que a criança se sinta mais confortável e amada. Ouvir as vozes de seus pais, uma após a outra, vai ser útil para começar a distingui-las.

Porque é importante conversar com o bebê durante a gravidez

O que dizer ao bebê durante a gravidez?

Enquanto a mãe conversa com o bebê, é importante que ela acaricie a barriga para lhe dar uma sensação de calor. Muitas mulheres não sabem o que dizer na primeira vez.

Algumas dicas são: começar falando sobre como foi o seu dia, as coisas que já compraram, a cor que escolheram para o quarto ou como se sentem estando grávidas.

Também podem cantar canções ou contar histórias fantásticas, dando ênfase às onomatopeias, se estiverem presentes nessas leituras. É aconselhável compartilhar essa atividade com o pai, para que as duas vozes se misturem e o feto sinta a conexão emocional.

Por outro lado, ouvir música também pode ser uma boa opção. Nesse caso, devemos escolher a melodia mais apropriada para o bebê. Essas atividades são recomendadas a partir do quinto mês de gestação, quando a audição já está bem desenvolvida.

A voz da mãe se move por meio das vibrações que vêm através dos ossos, e o bebê pode senti-las durante o tempo que permanecer no útero.

Vantagens de conversar com o bebê durante a gravidez

A comunicação

Esse ‘diálogo’ fortalece a relação entre os pais e o bebê durante a gravidez. Essa atividade faz com que a criança responda a toda as informações que vêm de fora, sejam elas boas ou ruins.

Sensação de bem-estar

Conversar com o bebê durante a gravidez contribui para que ela transcorra com calma. Além disso, uma vez que a criança vier ao mundo, isso vai ajudar os pais a tranquilizá-la mais facilmente quando ela não conseguir dormir. Apenas ouvindo o som de suas vozes, ela vai se acalmar.

Desperta habilidades

Conversar com o seu bebê antes de ele nascer vai estimular suas habilidades linguísticas, mas também vai estimular o desenvolvimento da audição em idade precoce. Isso ajuda a descartar um distúrbio de linguagem ou dislexia.

Vantagens de conversar com o bebê durante a gravidez

Grande incentivo

A voz da mãe estimula o interesse do bebê e favorece o seu desenvolvimento emocional e neuronal. Além disso, também estimula os movimentos dentro da barriga, como, por exemplo, saltos, chutes e mudanças de posição.

Conversar com o bebê durante a gravidez é o começo de uma grande conexão entre mãe e filho. Sentir o bebê se mover dentro da barriga ao ouvir a sua voz, sem dúvida, é uma das melhores experiências que você pode ter na vida.

Alimente o amor através da conversa intrauterina e, assim, comece a garantir o desenvolvimento adequado do seu bebê desde quando ele ainda está na barriga.