Como ajudar crianças sensíveis que se irritam por qualquer coisa

01 Outubro, 2020
Muitas crianças são muito sensíveis e se irritam facilmente. Às vezes, qualquer atitude pode ferir seus sentimentos. Se você quiser transformar essa sensibilidade em algo positivo, vamos mostrar algumas ideias a seguir.

Como podemos ajudar as crianças sensíveis? Essas crianças são mais emotivas, vulneráveis ​​e se ofendem com bastante facilidade, mais do que outras crianças. Por essa razão, devemos ter um cuidado especial e detectar se o nosso filho é altamente sensível.

Essas crianças interpretam tudo o que acontece com elas como algo muito ruim ou triste. Se caírem, choram de forma desproporcional e demoram muito para se acalmar. Se são repreendidas ou se alguém fala alto com elas, isso é muito doloroso e elas ficam muito tristes…

Sem dúvida, cada um de nós tem um caráter e uma personalidade, e essas crianças sensíveis vão continuar sendo assim também quando adultas. Por isso, é importante identificá-las e ajudá-las. Neste artigo, vamos explicar como você pode fazer isso.

Como são as crianças sensíveis?

Elas interpretam qualquer comportamento, olhar ou comentário de alguém como um ataque contra elas e geralmente respondem com impulsividade, seja por meio de uma birra ou do choro, ou com uma reação violenta.

Devemos ajudá-las para que se sintam bem consigo mesmas, aumentando sua confiança e, assim, melhorando seu relacionamento com as outras pessoas.

Geralmente, quando uma criança é muito sensível e se irrita por qualquer coisa, ela também pode ter baixa autoestima e essa sensibilidade é causada por ter um autoconceito negativo de si mesma, o que causa insegurança e medo de ser desvalorizada pelos outros.

ajudar crianças sensíveis que se irritam por qualquer coisa

Características das crianças sensíveis

Pontos fracos

  • Podem ser rancorosas.
  • Sentem-se culpadas facilmente.
  • Permanecem focadas no seu eu interior e são mais distraídas.
  • Reclamam constantemente.
  • Geralmente sentem pena de si mesmas e se sentem como vítimas diante de qualquer conflito.
  • Têm dificuldade para perdoar quando se sentem traídas.

Pontos fortes

  • Gostam de ajudar os outros.
  • São pessoas criativas.
  • O contato físico, para elas, é algo importante.
  • Têm clareza sobre seus desejos e necessidades.
  • Têm grande inteligência emocional.
  • Geralmente são muito empáticas, entendendo bem os sentimentos e as necessidades dos outros.
  • A comunicação pode ser um dos seus pontos fortes.

Como ajudar crianças sensíveis

  • Sempre fazer críticas construtivas, nunca ofensivas.
  • Evitar castigos humilhantes ou que façam com que se sintam mal.
  • Dar muito amor, beijos, abraços, carinhos, elogios, etc.
  • Oferecer nosso amor incondicional.
  • Fazer com que saibam que temos orgulho delas e que as amamos do jeito que são.
  • Nossas expectativas sempre devem ser adequadas às características pessoais da criança.
  • Evitar corrigir, criticar ou julgar as coisas que a criança fez incorretamente.
  • Reforçar e dar os parabéns sempre que fizerem as coisas corretamente.
  • Deixar clara a ideia de que o importante é ser uma pessoa boa e feliz, e não perfeita.

Se o nosso filho for altamente sensível e ficar irritado por qualquer coisa, temos que refletir e pensar se talvez não estamos sendo muito exigentes com ele. É verdade que a disciplina é muito importante, mas sempre de forma saudável e afetuosa.

ajudar crianças sensíveis que se irritam por qualquer coisa

Como ajudar as crianças sensíveis a transformar sua sensibilidade em algo positivo?

  • Não devemos tentar animar ou subestimar seu estado de espírito.
  • Todas as crianças precisam ser ouvidas, mas as crianças sensíveis precisam ainda mais para que possam desenvolver sua personalidade.
  • Sempre ouvir os filhos, mesmo que o que eles tenham a dizer não seja importante.
  • Estar atento aos seus sentimentos. Se a criança nos contar sobre um problema, devemos ouvir com atenção, sem julgamento. Elas não esperam que uma dar uma solução de nós, simplesmente esperam se sentir acompanhadas e ouvidas.
  • Usar frases que expressem empatia, nunca censura.
  • Devemos dar tempo e espaço a ela para que se sinta melhor. Dar o tempo de que precisarem e nunca apressá-las, pois você perderia tudo o que conquistou. Temos que ser pacientes.
  • Ajudá-las a esquecer e perdoar as decepções. Se mostrarmos empatia pelo que elas estão sentindo e as ajudarmos a administrar suas emoções, no final, elas acabarão reconhecendo que também podem cometer erros e pedir perdão.

Agora você já sabe como ajudar as crianças sensíveis e quais são as suas características. Então, só falta colocar algumas dessas ideias em prática caso você perceba que o seu filho é muito sensível. Certamente, essa sensibilidade vai acabar se tornando uma habilidade. Uma boa educação vai fazer do seu filho ou da sua filha um adulto com muita bondade.

Essas ideias podem ser úteis para todos e sempre podem ser aplicadas, mesmo que nossos filhos não sejam muito sensíveis. Coloque-as em prática!