As 5 frutas mais recomendadas para as crianças

5 de abril de 2019
Saber quais frutas são as mais recomendadas para as crianças é algo necessário para poder oferecer aos seus filhos o que eles precisam. Todas são muito nutritivas e podemos oferecê-las tanto no verão quanto no inverno.

Para conseguir ter uma dieta saudável, nossos filhos devem consumir todos os tipos de alimentos e nutrientes, desde que não tenham nenhuma doença ou intolerância alimentar.

As frutas que vamos apresentar neste artigo são fundamentais devido ao seu alto teor de vitaminas, fibras e outros componentes. Você já conhece as frutas mais recomendadas para as crianças? Descubra!

Neste artigo, vamos te contar quais são as frutas mais recomendadas para as crianças para que, dessa forma, você possa oferecê-las diariamente. Tente experimentar receitas divertidas com elas, como por exemplo espetinhos doces ou sorvetes naturais. Boa sorte!

Por que as frutas são tão importantes?

Ajudam a prevenir doenças

Vitaminas, fibras, antioxidantes, minerais… As frutas e os legumes são essenciais na dieta das crianças porque, entre outros benefícios, “ajudam a reduzir o risco de desenvolver várias doenças, tais como obesidade, doenças cardiovasculares, alguns tipos de câncer, colesterol alto e diabetes tipo 2, entre outras”, de acordo com o portal de saúde “Faros”.

Portanto, os pediatras recomendam que os pais incluam frutas todos os dias em todas as refeições, seja como sobremesa, no lanche ou nos momentos em que a criança está com fome e não queremos (nem devemos) dar uma guloseima.

Nesse sentido, é essencial que você estimule bons hábitos alimentares desde cedo para que, dessa forma, as crianças não se sintam “forçadas” a comer frutas e verduras.

as frutas ajudam a prevenir doenças

Introdução das frutas para os bebês

As primeiras frutas permitidas para as crianças são a maçã, a pera e a banana. Posteriormente, você poderá incluir outras, como, por exemplo, a ameixa, a cereja (ambas sem caroço), as uvas (sem sementes e sem casca), o kiwi e o abacaxi.

A partir dos 12 meses, a criança também já pode consumir pêssego, damasco, nêspera, laranja, tangerina, melão, melancia, manga e mamão.

“O nascimento dos incisivos marca a introdução das frutas, dos legumes e dos cereais”

-Marina Fernández Martín, enfermeira-

Continuando com as vantagens das frutas, elas fornecem uma boa quantidade de água (cerca de 90% de sua composição é de água), de modo que evitam a desidratação no verão.

Além disso, elas também fornecem grande quantidade de vitaminas e minerais, assim como indicamos anteriormente, e uma dose interessante de carboidratos simples e fibras vegetais.

“Evidencia-se que as crianças consomem mais purê de frutas ou de verduras após uma exposição diária repetida durante 8 a 9 dias. No caso do sabor amargo, a rejeição é inata e as crianças vão precisar de mais exposição a esses sabores”

-Maria Soledad Tapia, pediatra-

Uma dose extra de energia!

Além disso, as frutas fornecem açúcar de fácil absorção. E, ao mesmo tempo, fornecem grande parte da energia de que as crianças precisam e gastam diariamente.

Por sua vez, ao consumir as frutas, os pequenos evitam a ingestão de outros alimentos menos saudáveis, como, por exemplo, doces, bolos ou farinhas, já que em geral elas costumam saciar bastante.

 as frutas mais recomendadas

Quais são as frutas mais recomendadas para as crianças?

Embora as crianças possam comer todos os tipos de fruta após o primeiro ano de vida, existem algumas variedades mais recomendadas do que outras:

1. Maçã

É a fruta por excelência para as crianças, pois é a primeira que elas comem (em forma de purê ou papinha). Além disso, é muito completa, pois fornece fibras, potássio, cálcio, magnésio, sódio, ferro, vitaminas e carboidratos.

A maçã é muito refrescante e hidratante porque sua composição é de 85% de água. Ela também é fácil de digerir (principalmente sem a casca) e contém açúcares naturais e saudáveis.

2. Banana

A banana é rica em potássio, ácido fólico e vitamina C. Ela controla a retenção de líquidos e permite que o cálcio se fixe melhor nos ossos.

3. Pera

As propriedades dessa fruta são semelhantes às da maçã e, pelo seu sabor adocicado e consistência úmida, ela é umas das preferidas pelas crianças.

A pera contém uma boa dose de fibras e vitaminas, reduz os problemas de estômago e pode ser combinada com outras frutas em sobremesas ou papinhas.

4. Morango

Para algumas crianças, os morangos são um pouco ‘fortes’ e ácidos. Por isso, elas não gostam muito deles. No entanto, quando experimentam um bem doce, geralmente adoram. O morango é muito nutritivo, pois fornece vitaminas, potássio, ferro, fósforo e cálcio.

É importante que você evite misturá-los com açúcar. Se quiser, pode suavizar um pouco o sabor com suco de laranja, por exemplo.

5. Pêssego

Tomando o cuidado de remover o caroço de dentro, o pêssego é outra das frutas mais recomendadas para as crianças principalmente porque as ajuda a ir ao banheiro quando sofrem de constipação e reduz as dores de estômago. Além disso, também fornece vitaminas, ferro, magnésio, potássio e cálcio.

Agora que você já sabe quais são as frutas mais recomendadas para as crianças, é hora de aprender a prepará-las: há muitas opções! Desde um purê até um suco, passando por um smoothie e um sorvete ou então misturadas com iogurte ou gelatina. E, é claro, lavadas e bem geladas no verão!

  • Martín, M. F. (2006). Introducción de la alimentación complementaria. Medicina naturista, (10), 190-198
  • Tapia, M.S. (2013). Determinando las preferencias alimentarias en la edad pediátrica: importancia de la inclusión de frutas y hortalizas. Archivos Venezolanos de Puericultura y Pediatría, vol. 76, núm. 2, abril-junio, 2013, pp. 47-48