4 cuidados que os nascimentos múltiplos requerem

06 Junho, 2020
Os nascimentos múltiplos causam surpresa e geram grande emoção, mas também levam a inquietações. Se esse for o seu caso, lembre-se dos aspectos a seguir para que tudo corra perfeitamente.

No caso de  nascimentos múltiplos, é necessário estar ciente dos riscos envolvidos. Ou seja, é uma gravidez especial, que requer mais cuidados e atenção da sua parte, além de também implicar visitas constantes ao obstetra. É por isso que você deve demonstrar o compromisso necessário para lidar com a sua gravidez e garantir a saúde dos bebês e também a sua.

Cuidados especiais para os nascimentos múltiplos

A razão pela qual os nascimentos múltiplos exigem mais atenção é que o corpo humano está preparado apenas para uma única gestação. Portanto, uma gravidez de dois ou mais bebês pode ser uma complicação. A seguir, vamos falar sobre os principais cuidados a serem considerados:

Melhor nutrição

Você deve consumir mais calorias do que se fosse uma gravidez simples. Além disso, aumentam as necessidades de ferro, proteínas e outros nutrientes.

Portanto, uma mulher com uma gravidez múltipla precisa ganhar mais peso. Naturalmente, isso dependerá da sua massa corporal, de modo que o especialista vai sugerir o aumento de peso adequado.

Mais descanso

Geralmente, durante o primeiro trimestre das gestações múltiplas, prescreve-se muito descanso para a futura mãe. Então, a partir do terceiro trimestre, recomenda-se o repouso absoluto.

Isso permite que os bebês permaneçam dentro do útero durante o maior tempo possível. Além disso, também os ajuda a ganhar peso e crescer o suficiente para ter um bom desenvolvimento.

Consultas pré-natais mais frequentes

Nos nascimentos múltiplos, o risco de complicações é maior. Portanto, eles exigem consultas médicas especializadas com frequência. É possível que o seu obstetra agende consultas a cada quinze dias durante o primeiro trimestre. Posteriormente, no entanto, talvez você precise se consultar uma vez por semana.

Prestar atenção aos sintomas da gravidez

Por se tratar de uma gravidez múltipla, é provável que você tenha os sintomas comuns, porém com maior intensidade. Os mais típicos são tonturas, náuseas e vômitos.

Também é possível apresentar complicações como diabetes gestacional e pressão alta. Por isso, você deve seguir as instruções dos médicos e executar os testes e exames que forem indicados.

cuidados que os nascimentos múltiplos requerem

Tratamentos médicos durante uma gravidez múltipla

É o seu médico que determinará o tratamento apropriado de acordo com a sua saúde, histórico médico e tolerância a diferentes procedimentos e terapias. Da mesma forma, o número de fetos e as expectativas de evolução do nascimento múltiplo também são levados em consideração.

Exames maternos e fetais

São exames e análises que o obstetra sugere para acompanhar a saúde dos fetos e para que a mãe se mantenha em condições favoráveis ​​para um nascimento múltiplo bem-sucedido.

Indicações médicas

Na maioria dos partos múltiplos, o obstetra sugere uma consulta com um perinatologistaEle é responsável por coordenar a evolução normal do feto e determinar se existem anormalidades ou complicações por meio de uma série de exames ou ultrassonografias especiais.

Cerclagem uterina

É um procedimento usado para fechar a abertura do colo do útero por meio de uma sutura. Geralmente, é praticado em mulheres com o colo do útero incompetente ou fraco.

Em outras palavras, isso impede que o colo permaneça aberto durante a gravidez. Além disso, muitas mulheres podem precisar de cerclagem se tiverem mais de dois fetos. Nessas circunstâncias, isso é feito no início da gravidez.

“Durante o primeiro trimestre das gestações múltiplas, prescreve-se muito descanso para a futura mãe. Então, a partir do terceiro trimestre, recomenda-se o repouso absoluto.”

Medicamentos com corticosteroides

Como a maioria dos bebês nasce prematura, são prescritos medicamentos com corticosteroides para a mãe. Assim, o processo de maturação dos pulmões dos fetos é adiantado e o risco de problemas pulmonares é minimizado.

Medicamentos tocolíticos

Os medicamentos tocolíticos são administrados para interromper ou reduzir as contrações uterinas em caso de parto prematuro. Eles são administrados por via oral, intravenosa ou por meio de injeções intramusculares. O mais utilizado é o sulfato de magnésio.

Complicações frequentes nas gestações múltiplas

Conforme mencionado anteriormente, existe um alto risco de complicações nas gestações múltiplas. Por exemplo, existe a ameaça de abortos espontâneos ou a chance de anemia ou descolamento prematuro da placenta.

Também podem ocorrer hemorragias, malformações nos fetos ou, em casos extremos, morte dos fetos em algum momento da gravidez.

Tipos de nascimentos múltiplos

Geralmente, são classificados em três grupos:

Gêmeos monozigóticos

Nesses casos, dois bebês são formados a partir do mesmo zigoto. Ou seja, eles surgem da mesma célula, produzida pela união do óvulo e do espermatozoide.

cuidados que os nascimentos múltiplos requerem

Gêmeos dizigóticos ou fraternos

Ocorre quando dois espermatozoides fertilizam dois óvulos ao mesmo tempo. Assim, dois bebês se desenvolvem a partir de dois zigotos diferentes.

Trigêmeos, quadrigêmeos, quíntuplos ou sétuplos

Esses casos, embora raros, aumentaram nas últimas décadas devido às diferentes técnicas de fertilização assistida.

Se você tiver os cuidados necessários para os nascimentos múltiplos, poderá experimentar a dupla felicidade de conceber mais de um bebê. Certamente, graças aos avanços tecnológicos e a todas as informações disponíveis, as chances de sucesso são muito altas.