Dia Internacional da Mulher: a luta pelo equilíbrio social continua

As mulheres continuam avançando em sua batalha pela equidade em diferentes espaços da sociedade. Portanto, o dia em sua homenagem nos faz lembrar as grandes conquistas e o caminho que ainda falta percorrer.
Dia Internacional da Mulher: a luta pelo equilíbrio social continua

Última atualização: 27 Março, 2021

O Dia Internacional da Mulher, que é comemorado no dia 8 de março, tem como objetivo apoiar a luta pela igualdade de gênero, para que as mulheres tenham oportunidades em diferentes áreas sem distinção. De fato, as mulheres, mães, profissionais, guerreiras e uma infinidade de qualificadores preponderantes, têm o empoderamento como seu foco principal.

Quando começou a luta das mulheres? Em essência, sempre existiram grupos que se opunham aos estigmas sociais. No entanto, em 8 de março de 1857 em Nova York, uma luta sob o lema “Pão e Rosas” por trabalhadores têxteis foi um ponto de inflexão. Então, em 1911, uma tragédia em que 123 mulheres morreram em condições precárias de trabalho mudou a perspectiva geral.

O primeiro grande avanço foi representado pela Carta das Nações Unidas de 1945, documento responsável por tornar visível a importância do equilíbrio entre mulheres e homens. Em suma, o Dia Internacional da Mulher acontece desde 1977 como resultado de sua oficialização pelas Nações Unidas. Apesar disso, as comemorações começaram a ganhar força nos anos 1990.

Essa última década foi o período em que o crescimento das mulheres em suas reivindicações foi exponencial, o que nos traz a 2021 com o lema “Mulheres líderes: por um futuro igualitário no mundo da Covid-19”.

Dia Internacional da Mulher.

Mulheres (mães) que abriram portas de imparcialidade

A pressão em forma de protestos, oposição e rejeição de medidas injustas deu resultados. Porém, sem as mulheres e mães que com suas contribuições para a humanidade deram espaço ao gênero, isso não teria sido possível. A seguir, apresentamos três idealistas icônicas.

Elizabeth Cady Stanton (1815-1902)

Foi uma sufragista nascida nos Estados Unidos que estabeleceu o caminho para o direito ao voto feminino em seu país. Além disso, ela planejou e organizou em 1848 o que ficou conhecido como a primeira convenção em favor dos direitos das mulheres.

Ela fez tudo isso enquanto cumpria seu papel como mãe de 7 filhos: Daniel Cady Stanton, Henry Brewster Stanton, Gerrit Smith Stanton, Theodore Weld Stanton, Margaret Livingston Stanton Lawrence, Harriot Eaton Stanton Blatch y Robert Livingston Stanton.

Marie Curie (1867-1934)

A polonesa de nacionalidade francesa conseguiu abrir um nicho no mundo acadêmico quando a maioria das portas estava fechada para as mulheres. Suas descobertas a respeito da radiação permitiram que ela fosse a primeira mulher a ganhar o Prêmio Nobel de Física (1903) e Química (1911).

Além disso, pouco se diz que ela foi mãe e promotora das carreiras posteriores de Irène Joliot-Curie (também ganhadora do Prêmio Nobel de Química) e de Ève Curie.

Emmeline Pankhurst (1858-1928)

Uma ativista inglesa que contribuiu enormemente para que as mulheres pudessem exercer seu direito de voto na Grã-Bretanha. Sua organização, chamada União Política e Social da Mulher, mudou o pensamento do meio sobre o que era correto na época.

A luta seguiu seu curso sem pausas enquanto ela desempenhava o papel de mãe de seus 5 filhos: Christabel Pankhurst, Sylvia Pankhurst, Francis Henry, Adela Pankhurst y Henry Francis.

Frases determinantes no Dia Internacional da Mulher

A palavra tem muito poder de mudança. Portanto, decidimos coletar algumas das melhores frases determinantes para comemorar o Dia Internacional da Mulher. Preste atenção às seguintes expressões motivacionais:

Punhos erguidos para o Dia Internacional da Mulher.

  • “Uma mulher inteligente sabe que não tem limites.”
  • “O maior defeito de uma mulher é não reconhecer seu valor.”
  • “Quando a vida ficar difícil, lembre-se de que você é a mais forte do mundo.”
  • “Mulheres benditas que em seu caminhar diário fazem da história um grito de liberdade, amor e esperança”.
  • “Uma mulher forte não segue a multidão. Ela é ela mesma.”
  • “Seja a heroína da sua vida.”
  • “Ame a si mesma”.
  • “Meu valor como mulher não é medido pelo número de homens que me amam.”
  • “A mulher nasce e permanece livre.”

A importância do Dia Internacional da Mulher

O poder da mudança profunda é uma batalha que exige não apenas das mulheres, mas também dos homens dispostos a dar lugar à justiça social definitiva. Na união está a força e a almejada harmonia de gênero.

Em última análise, o objetivo final é que as possibilidades equitativas não sejam mais a exceção à regra em alguns ambientes e se tornem a normalidade. Viva as mulheres!

Pode interessar a você...
Educar em igualdade e respeito
Sou MamãeLeia em Sou Mamãe
Educar em igualdade e respeito

Vivemos em um mundo cada vez mais globalizado. A tecnologia e as mudanças no estilo de vida fizeram com que as fronteiras dos países se diluíssem e vivêssemos cada vez mais em contato com pessoas de diferentes partes do mundo. Educar em igualdade e respeito se torna transcendental para encurtar as diferenças