Dieta recomendada para a fertilidade

· 5 de novembro de 2018
A busca por uma dieta recomendada para a fertilidade é uma das principais preocupações quando se tenta engravidar. Há uma série de ações que podem ser colocadas em prática, além de dar preferência a certos alimentos para realizar o objetivo de ter um bebê.

A escolha de uma dieta recomendada para a fertilidade é uma ação fundamental quando se decide ter um filho.

Ser pai e mãe é um acontecimento único na vida das pessoas. Ao mesmo tempo em que proporciona felicidade, também exige responsabilidade.

Viver a gravidez sem problemas e dar à luz um bebê saudável não depende apenas da genética e de intervenções médicas.

Existe uma série de ações que, principalmente, a mulher deve colocar em prática mesmo antes de começar a planejar engravidar.

A dieta recomendada para a fertilidade é um fator fundamental, pois corpo da mulher deve estar preparado para abrigar uma nova vida.

A futura mamãe, portanto, deve ter consciência de que o bebê vai se alimentar de seu corpo durante as quarenta semanas de gravidez.

Portanto, ela deve manter uma dieta balanceada, que permita fortalecer o óvulo e o processo de desenvolvimento do feto.

Além disso, você deve cuidar de seu corpo para que se mantenha saudável e não enfraqueça.

Alimentos que compõem a dieta recomendada para a fertilidade

Toda mulher que quer ser mamãe deve saber que existem muitos alimentos que favorecem a fertilidade e que, portanto, aumentam as chances de engravidar. Alguns deles são:

Frutas, verduras e legumes 

Esses tipos de alimentos oferecem os seguintes benefícios:

  • Fornecem antioxidantes: que são fundamentais para o equilíbrio hormonal, o sistema imunológico e a qualidade dos óvulos. 
  • São ricos em vitamina B e folatos: uma dieta recomendada para a fertilidade deve incluir o consumo de ácido fólico. Consumir esses nutrientes antes e durante a gravidez contribui para prevenir possíveis malformações do bebê.
  • Possuem vitaminas C: que intervêm no processo de absorção do ferro, um mineral fundamental para a gravidez.
dieta recomendada para a fertilidade

A recomendações é consumir pelo menos cinco porções de frutas, legumes ou verduras por dia.

Para garantir um consumo adequado, a sugestão é ingerir vegetais de todas as cores.

Assim, algumas excelentes opções são: kiwi, laranja, morango, ameixa, brócolis, tomate, cenoura, espinafre, pimentões, entre outras.

Estes alimentos podem ser consumidos sólidos ou em forma de suco.

Cereais, leguminosas, ovos, leite e seus derivados

Os benefícios desses ingredientes são:

  • Fornecem ácido fólico: assim como algumas frutas e legumes, esses alimentos fornecem ao organismo boas doses de ácido fólico.
  • Oferecem cálcio: ingerir esse mineral é importante para os ossos. Além disso, também contribui para o adequado desenvolvimento do sistema nervoso e circulatório. Quando o organismo não recebe quantidade suficiente de cálcio, absorve esse mineral dos ossos, enfraquecendo-os. Os ovos, o leite e seus derivados são alimentos ricos em cálcio.
  • Incorporam fibras: as fibras são fundamentais para a saúde dos ovários.

 “Viver a gravidez sem problemas e dar à luz um bebê saudável não depende apenas da genética e de intervenções médicas.”

Carnes magras, peixes e frango 

Por sua vez, esses alimentos apresentam as seguintes características:

  • São alimentos ricos em ferro e proteínas: a carência de ferro pode provocar problemas, especialmente para a mamãe. A anemia, doença que resulta da escassez de ferro no organismo, prejudica a fertilidade. 
  • As proteínas também desempenham um papel fundamental na ovulação. É preciso prestar atenção nos peixes, pois alguns contêm teores elevados de mercúrio, que é prejudicial para o organismo e a fertilidade.

Por exemplo, é preciso evitar o peixe-espada, o atum branco, a cavalinha, as sardinhas e a garoupa.

No sentido oposto, os mariscos, o atum enlatado em água, o salmão, o camarão e a tilápia são aconselháveis. 

Água em abundância 

A água é um elemento importante em qualquer dieta, mas especialmente em uma dieta recomendada para a fertilidade.

Esse elemento mantém o organismo hidratado e livre de resíduos. A recomendação é tomar dois litros de água por dia.

Ao mesmo tempo, em uma dieta recomendada para a fertilidade, deve-se evitar: 

  • Consumo de álcool.
  • Refeições com teores elevados de carboidratos e gorduras.
  • Cafeína em grande quantidade.
  • Excesso de sal e açúcar refinado.
dieta recomendada para a fertilidade

Mas, e o homem?

O futuro papai também deve adequar sua dieta para melhorar a fertilidade.

É aconselhável tomar algum complemento alimentício que contenha zinco e selênio. Estes minerais ajudam no desenvolvimento de espermatozoides saudáveis e férteis.

Ao mesmo tempo, antecipar os cuidados também é importante. O homem deve se preparar pelo menos três meses antes de o casal tentar engravidar, pois o sêmen é ejaculado oitenta dias após ser produzido.

Em última instância, é necessário salientar que uma dieta desequilibrada, tanto para o homem quanto para a mulher, vai influenciar negativamente na fertilidade.

Portanto, é importante adotar um plano alimentar adequado.