Como fazer do seu filho um cavalheiro

26 de dezembro de 2016

Explicar ao nosso filho o que é o cavalheirismo e como implementá-lo não tem por que ser uma tarefa difícil. Ensinar nossos filhos a serem cavalheiros preparará o terreno para as relações interpessoais estabelecidas ao longo de sua vida.

O cavalheirismo, de acordo com a sua definição mais essencial não é nada mais do que tratar as mulheres com cortesia e respeito. Resumindo, ser um cavalheiro!

O modelo mais próximo cavalheirismo perto dos pequenos sempre será seu pai e seus avós. A maneira pela qual os homens do seu ambiente se comportam com as mulheres ao seu redor é fundamental para o processo de aprendizagem porque as crianças tendem a imitar o comportamento das figuras paternas.

É natural que os meninos copiem em tudo o que seu pai faz, do jeito que anda, fala, gostos e até mesmo os gestos.

O pai é o seu exemplo e seu modelo ideal. Por isso não é incomum encontrar gerações diversas, avós, pais e filhos compartilhando a mesma profissão ou a tendência a uma área em comum.

A expressão “quero ser como meu pai” é uma das mais comum entre os pequenos.

Nossas ações sempre serão o melhor exemplo para nossos filhos. Em sua memória serão gravadas algumas situações e experiências na qual se lembrarão quando se verem diante de algo parecido.

A maneira que o pai corteja a mãe e a paciência ou delicadeza com que ele fala com sua mãe idosa são ações que o filho certamente se lembrará. Tudo isso é parte dessa ligação especial que é criada entre pai e filho.

Quão complicado é fazer do seu filho um cavalheiro?

um-cavalheiro-500x281

O que devemos fazer é mais básico do que pensamos. Cuidar da imagem que projetamos como pais é fundamental.

Apesar do pai, avôs e irmãos terem um papel importante a responsabilidade não cai somente sobre os homens da casa.

Como mães temos um presente especial, o dom de ser capaz de aproximar dos nossos filhos através das palavras. Sem dúvida, nós mulheres lidamos melhor com a comunicação.

Todo o ensino é baseado em fatos. Explicar claramente a importância de ser cavalheiro permitirá que a criança a tenha uma visão mais positiva de suas ações.

Ele vai entender que se comportar como um cavalheiro não é uma imposição mas sim uma garantia de ser um homem melhor no futuro. Será consciente de que todos em torno dele merecem um tratamento honesto, amigável e cortês.

Estas recomendações lhe ajudarão:

um-cavalheiro2-500x332

Entre as regras de ouro que todo cavalheiro cumpre está em dirigir-se aos demais com respeito, ainda que isso implique em dizer coisas que não concordam.

É vital que seu filho saiba que expressar suas ideias, opiniões ou discordâncias diante outras pessoas. Isso é um ato perfeitamente válido se for feito com respeito e cortesia.

  • Ajude-o a perceber quem está a sua volta. Seja na escola, na casa de amigos ou família, isso lhe ajudará na capacidade de se dar bem com todos e dos princípios de tolerância e aceitação.
  • Educação é tudo. Quando você está diante de uma mulher grávida ou um idoso ofereça o seu lugar. Explique que como um futuro homem deve tratar as pessoas mais vulneráveis com consideração. Isso o ajudará a entender melhor o papel de um cavalheiro em nossa sociedade.
  • Qualquer atividade é propícia para reforçar os valores da casa. O café da manhã, a hora de ajudar na tarefa, ou mesmo os momentos em que estamos presos no trânsito são oportunidades para conversar com seu filho sobre os valores da família cujo cavalheirismo também faz parte.
  • Diga-lhe com firmeza quando ele cometer um deslize com outra pessoa. Mostre seu erro, assim no futuro será capaz de reconhecer suas falhas e corrigi-las com a elegância e o coração de um cavalheiro.
  • O comprometimento e a convicção em fazer o bem é essencial em um cavalheiro. As ações fazem corações, por isso ensine-o a agir proporcionando um impacto positivo que vai além dos interesses próprios.
  • Reconheça suas ações. Parabenizá-lo ou dizer algumas palavras de encorajamento e reconhecimento quando ele se comportar como um cavalheiro vão permitir que ele veja que o cavalheirismo é parte do dia a dia, que é algo normal e cotidiano.