É normal vomitar durante o parto?

29 de maio de 2018
Quando as mulheres trazem um bebê ao mundo, elas estão em um momento de tensão e ansiedade e isso pode causar uma série de reações inesperadas. Os enjoos e os vômitos são algumas dessas reações.

Algumas mulheres ficam preocupadas quando sentem uma enorme vontade de vomitar durante o parto. Mas isso é uma situação pela qual qualquer mulher pode passar; mesmo aquelas que nunca tiveram esse sintoma durante toda sua gravidez. Sendo assim, todas estão sujeitas a esse desconforto durante o nascimento do bebê.

É normal vomitar durante o parto?

Ainda que não seja habitual para todas as mulheres, costuma ser um acontecimento rotineiro nas salas de parto. Não é motivo para deixar os pais ainda mais preocupados. Vomitar durante o parto não indica necessariamente que se está frente a algum problema de saúde.

Contudo, é importante estar atento à frequência e também à quantidade de vômito, já que a partir disso uma desidratação pode estar a caminho.

É bom vomitar durante o parto?

O ato de vomitar sempre é uma situação desagradável e quando isso ocorre durante um nascimento se torna ainda mais incômoda. Contudo, por pior que seja tem seu lado positivo.

Vomitar durante o parto implica para a mulher exercer um esforço extra, que provoca um aumento da dilatação.

O esforço que a mãe faz ao vomitar, na verdade ajuda o bebê a se posicionar da melhor maneira no colo uterino. Algumas mulheres afirmam que, quando se vomita durante o nascimento, é porque ele está chegando ao final, já que o que falta do trabalho de parto acabará rapidamente.

Quais são as razões que levam uma mulher a vomitar durante o parto?

Podem ser bastante variadas as razões que levam a parturiente a sentir vontade de vomitar. Estas são as mais frequentes:

Não ter ingerido nenhum alimento durante um longo período

Algumas parturientes apresentam falta de apetite quando estão próximas a dar a luz.  Para outras, o trabalho de parto parece não deixar um momento livre para comer, assim preferem não se alimentar.

mulher respirando em trabalho de parto

Ao estar com o estômago vazio e diante de um momento de grande ansiedade e intensidade, o corpo sofre alterações na pressão arterial . Então ocorrem as náuseas, que em geral culminam em vômitos.

Produção dos hormônios prostaglandinas

O hormônio prostaglandina é liberado em quantidades significativas durante a primeira fase do parto. Como primeira fase nos referimos ao momento em que se iniciam as contrações que modificarão seguidamente o colo uterino.

A produção em grande quantidade de prostaglandinas pode propiciar um aumento nos movimentos naturais do intestino e, em consequência disso, causar náuseas e vômitos. Quando o parto se inicia, é provável que a mulher sinta incômodos estomacais. Isso é perfeitamente normal.

“Ainda que não ocorra com todas as mulheres, costuma ser um acontecimento rotineiro nas salas de parto. Não é motivo para deixar os pais ainda mais preocupados”

Dores intensas

Uma dor de cabeça muito forte também pode causar as náuseas e a vontade de vomitar. dor ao dar à luz é com certeza uma das mais fortes que uma mulher pode enfrentar. Portanto, não é de se admirar que as parturientes sintam tanta vontade de vomitar durante o parto.

Nesse momento, a mulher está em um ambiente altamente estressante; os médicos e a família de um lado; a dor, a pressão, o medo e a ansiedade do outro. Isso cria a fórmula perfeita para sentir necessidade de colocar para fora tudo o que tiver ingerido.

Reações adversas à anestesia

Em alguns casos, a epidural e a oxitocina sintética (medicamento utilizado no parto) provocam náuseas e vômitos como efeito colateral. Essa pode ser mais uma causa para que a parturiente sinta vontade de vomitar durante o parto.

Diminuição da pressão arterial

A anestesia epidural ou a posição de decúbito dorsal podem provocar uma queda substancial na pressão arterial; como consequência, pode ocorrer a hipoxemia (falta de oxigênio no sangue). Ambas podem causar vômitos.

casal momento do parto

Distensão intestinal e contrações

O movimento brusco no corpo causado pelas fortes contrações e a distensão das vísceras digestivas podem provocar vômitos durante o processo de parto.

Consideramos assim que, as causas que podem levar uma mulher a vomitar durante o parto são geralmente normais nessas situações. As futuras mamães sempre sentem medo na hora de trazer ao mundo seus tão esperados filhotes. O motivo principal desses medos é que possa surgir alguma complicação no momento do nascimento.

Seu corpo estará a todo o momento respondendo aos impulsos naturais. Por esse motivo, não existe nenhuma razão para se preocupar se você sentir vontade de vomitar.

É totalmente normal vomitar durante o parto. É necessário somente ficar atento se ocorrer seguidamente, para evitar complicações relacionadas a uma gastrite ou outro tipo de problemas estomacais.

Recomendados para você