Para que as crianças sejam respeitosas, primeiro devem ser respeitadas

9 de julho de 2018
Para que as crianças tenham respeito é vital que sinta na própria pele o respeito que se tem por elas.

As crianças devem ser conscientes de como é agradável ser escutadas, ter suas opiniões levadas em consideração para as decisões e ser aceitas do jeito que são.

Neste artigo pretendemos que você veja a importância de respeitar seu filho, desde pequeno, como o ser humano que ele é.

O respeito entre as crianças

O respeito entre as crianças ocorre quando elas:

  • Se tratam bem entre si, evitando violência verbal, grosserias e gritos
  • Se colocam no lugar do outro (são empáticas)
  • Utilizam as normas da cortesia para se relacionar
  • Não se agridem fisicamente
  • Não enganam seus colegas
  • Aceitam as diferenças dos demais (diversidade)
  • Escutam atentamente as opiniões dos outros
  • Não menosprezam os sentimentos e gostos das outras crianças
  • Colocam em prática o compromisso da cidadania, de admitir a forma de ser, pensar e sentir de todos.
ser respeitadas

Incutir na criança a ideia de que se comporte dessa maneira é educar, preparar para que possa viver dentro da sociedade e ensinar a ser uma pessoa civilizada.

O respeito é um dos valores que garantem a convivência, e nos permite viver em família, em paz com nossos semelhantes.

As relações humanas que se baseiam no respeito e na cordialidade entre seus membros. Elas trazem consigo a harmonia e o equilíbrio nas comunidades. Contudo, para que isso aconteça, o respeito deve vir de todas as partes.

As crianças imitam os adultos e absorvem como esponjas seus bons e maus exemplos. Se você, como educadora, exige que seu filho respeite o próximo, você também deve respeitá-lo. Lembre-se de que a melhor maneira de educá-lo é sendo o melhor exemplo.

O respeito pelas crianças e seus direitos

As crianças tem o direito, e além disso, são merecedoras do mesmo respeito que se tem pelos adultos.

Não se deve insultar as crianças, ignorá-las ou exigir mais do que podem dar. Suas ideias e sonhos jamais devem ser menosprezados. Não se deve bater nem agredir verbalmente as crianças.

Devemos entender e escutar as crianças. Suas opiniões devem ser levadas em conta, sobretudo nas situações em que são afetadas diretamente. Todas as relações que temos com elas devem ser sustentadas com base no amor.

Não se deve discriminá-las por sua raça, sexo, religião, nacionalidade, posição econômica, maneira de ser ou suas incapacidades. Jamais se deve privá-las de proteção, afeto, educação, alimentação, nem assistência médica.

Devemos dar-lhes tempo, espaço e recursos para julgar. Não porque sejam mais fracas e indefesas, os adultos têm a possibilidade de moldá-las.

ser respeitadas

Nós, os pais, devemos nos dedicar, ainda que apenas algumas horas por dia, a atendê-los e estar com eles para dar carinho, escutar, dar atenção e fazer todas as peripécias que queiram fazer, rir e brincar juntos. Elas têm esse direito. E cumprir com isso também é uma forma de respeito.

A infância é uma etapa de aprendizagem, exploração, liberdade, crescimento físico, pessoal e cognitivo. Nenhum adulto deve privar o saudável desenvolvimento de uma criança. A infância deve ser respeitada pelo que ela significa: o começo de uma nova e maravilhosa vida.

Para que as crianças sejam respeitosas, primeiro devem ser respeitadas

Mamãe, respeite seu filho como respeita a si mesma. Porém, cuide também para que os demais adultos da família ou da escola também o respeitem. Lembre-se de que a educação começa em casa, mas se estende a todos os lugares que seu filho frequenta.

Eduque-o para que respeite a si mesmo e essa será a melhor maneira para que os demais também o respeitem. Que não se mantenha calado diante das ameaças ou das reclamações dos outros.

Ensine-o a defender seus direitos como defende seu brinquedo preferido ou o pedaço de pão que a outra criança quer pegar dele. Também é importante que você incuta o respeito que deve ter com seus semelhantes: incluindo outras crianças e, principalmente, os adultos.

Por último, conversem sobre o bem que se sente quando se é respeitado e levado em conta. Faça ele ou ela verem que o mesmo ocorre com aqueles que os rodeiam.

“Quem soube preservar seu decoro, sabe valorizar o próximo, e o respeita.”

-José Martí-