É seguro fazer massagem quando estamos grávidas?

· 14 de junho de 2017

Quando estamos grávidas nos preocupamos com nosso bem-estar e queremos estar o mais relaxadas possível. Entretanto, as dúvidas tomam conta de nós diante de qualquer atividade diferente. Por exemplo, podemos até ter vontade de fazer uma massagem, mas ficamos em dúvida se é seguro ou não em nosso estado atual.

Uma especialista nos explica o quão segura e benéfica pode ser uma massagem durante a gravidez. Como sabemos, tudo o que contribua com nossa saúde mental e física é bem-vindo nesta etapa. Apesar de que algumas práticas poderiam estar contra indicadas pelos especialistas. Vejamos o que nos contam em relação às massagens.

Massagens para grávidas

A fisioterapeuta Flor María Trujillo é especialista em saúde feminina; ela nos conta que a dúvida diante das massagens no período da gravidez é generalizada. Ate hoje não conhece uma grávida que tenha chegado à sua consulta sem dúvidas a respeito.

Na maioria dos casos, as massagens buscam a estimulação dos sentidos por meio de uma conexão corpo-mente. Também são necessários diante da presença de dor ou contrações.

Uma mulher em estado de gestação pode requerer uma massagem para buscar alívio. Contudo, a ela também cai bem realizá-la somente por prazer. Entretanto, tudo depende da altura da gravidez e sua situação particular. É por isso que em certas ocasiões é preciso determinar o possível prejuízo para ela e para o bebê.

De acordo com a experiência da doutora Trujillo, sim podemos fazer uma massagem se estivermos grávidas. Não obstante, é absolutamente necessário que nos coloquemos nas mãos de um profissional. A disso respeito é conveniente que a pessoa que nos fará a massagem tenha conhecimento sobre o nosso corpo e sobre a gravidez.

A fisioterapeuta também aconselha que esperemos até depois do terceiro trimestre de gestação para começar com as massagens. É logo após as 12 semanas, quando se torna evidente a gravidez, portanto, que começam a aparecer as dores físicas.

As massagens podem trazer muitos benefícios, mas em cada mulher é diferente. Nesse sentido, é preciso a opinião do obstetra diante de qualquer dúvida. O corpo da mulher tem seus próprios caminhos, portanto um diagnóstico preciso poderá favorecer qualquer terapia.

Quais são as massagens mais benéficas durante a gravidez?

As massagens para as gravidas tem como propósito melhorar vários aspectos da saúde da mulher. Na atualidade, é um exercício comum e são desenhadas pautas específicas para cada caso. As massagens mais recomendadas nesta etapa são as seguintes:

Massagens para as costas

As dores nas costas são comuns nas grávidas, mas elas podem ser aliviadas com uma massagem específica. A razão dessas dores se deve às mudanças na musculatura e na estrutura dos ossos. Diante deste tipo de dores é conveniente a realização de terapias de massagens para proporcionar alívio.

Além disso, durante as sessões de massagens para as costas os profissionais ajudam a prevenir as posturas incorretas. O fisioterapeuta aconselha a grávida sobre a postura que melhor convém, tanto para aliviar as dores, como para evitá-las.

Massagem perineal

Este tipo de massagem possui uma técnica especial, por essa razão, somente alguém com experiencia pode aplicá-la. Tende a ser mais complexa que as outras massagens e é muito importante durante a gravidez. Nem todas as grávidas fazem este tipo de terapia, mas é bastante recomendável.

Através da massagem perineal o solo pélvico é estimulado para que a musculatura adquira força e flexibilidade para o parto.  Uma massagem como essa é delicada, mas pode facilitar a dilatação quando chegue o momento de dar a luz.

Massagem para drenar

Durante a gravidez se torna mais evidente e problemática a acumulação de líquidos. Por esse motivo é recomendável procurar sessões de massagens cujo propósito seja o de ajudar a drenar aqueles líquidos que estão a mais.

É muito importante também na região das pernas, onde se produz a maior parte da inflamação. Essas massagens contribuem com o alívio das dores causadas pelo acumulo de líquidos e também melhoram a circulação.