10 dicas para o dia do parto

· 12 de novembro de 2018
Neste artigo, apresentamos 10 dicas para o dia do parto para que você aproveite a experiência ao máximo e consiga relaxar.

Depois de nove meses de gestação chegamos a esse maravilhoso dia de conhecer a nosso bebê: o dia do parto! Tudo vai dar certo.

A seguira, confira 10 ótimas dicas para o dia do parto.

10 dicas para o dia do parto

1. A bolsa para a maternidade

A data prevista para o parto se aproxima e você deve pensar o que tem que levar para o hospital. O ideal é que um mês antes você já tenha tudo pronto.

Assim, se o parto começar fora de casa e você se ver obrigada a ir rapidamente ao hospital, alguém poderá ir até sua casa e pegar sua bolsa.

É importante que seja bastante grande, já que você precisará levar todas as suas coisas e as do bebê.

Esse tipo de bolsa pode ser facilmente encontrado na maioria das lojas de roupa infantil ou em shoppings.

No entanto, se você não quer investir muito dinheiro, uma bolsa grande que você tiver em casa, servirá da mesma forma.

2. A documentação

dia do parto

Antes de sair de casa reveja se você está com toda a documentação adequada. Mas esse não é o momento ideal para pensar em quais documentos você vai precisar.

Assim, um bom conselho é deixar tudo preparado com várias semanas de antecedência, ou inclusive um mês antes.

O ideal é que quando você prepare a bolsa da maternidade guarde tudo o que precisa.

Não esqueça: documento de identidade, carteirinha do plano de saúde e todas as informações que os médicos foram te dando durante a gestação (ultrassons, exames, medicamentos, etc.).

3. O enxoval

Nos hospitais públicos, te dão tudo o que você precisa, tanto para a mãe como para o bebê.

Mas em hospitais particulares não é assim. A mãe deve levar o que necessitará tanto para ela como para o bebê.

Para nós, devemos levar:

  • camisola com botões na frente para facilitar a amamentação
  • sutiã de amamentação
  • roupa íntima
  • nécessaire
  • tênis e roupa confortável para sair do hospital

Para o recém-nascido:

  • pijamas
  • bodies
  • fraldas
  • toalhinhas
  • sabonete
  • creme hidratante
  • chupeta
  • pomada para o bumbum
  • gorrinho
  • luvas
  • manta
  • roupa para a saída do hospital

4. A tecnologia

O celular é importantíssimo e seu carregador também. Quando você tiver com seu precioso bebê no colo, terá que comunicar à família.

Nada melhor que uma selfie para isso! Além disso, provavelmente você receberá muitos telefonemas.

5. Cuidados de beleza

Embora possa parecer uma bobagem, é muito importante ir ao cabeleireiro uns dias antes do parto.

Quando você já tiver o bebê com você, receberá muitas visitas no hospital e vai querer estar bonita. Além disso, não se esqueça da depilação.

Os médicos não prestam atenção nas suas pernas. Assim, a decisão é sua, já que é você que precisa se sentir confortável nesse momento.

Ademais, você tem levar em consideração que até que você possa voltar a se depilar passará muito tempo.

Também não se pode esquecer de usar o cabelo preso, já que te colocarão uma touca no centro cirúrgico. Um bom conselho: utilize xampu seco.

6. Não use produtos cosméticos

O ideal é que antes de ir ao hospital, você tome um banho com sabonete neutro.

Não use nenhum creme para o corpo, já que pode dificultar a tarefa dos médicos caso tenham que fazer uma intervenção mais séria.

Além disso, não pinte as unhas. Isso é importante porque se a situação se complicar e seu nível de oxigênio no sangue baixar bruscamente, a cor das suas unhas muda.

Mas os médicos não conseguem constatar esse sintoma se as unhas estiverem pintadas com esmalte.

7. A câmera fotográfica

É cada vez mais comum imortalizar para a posteridade os momentos especiais de nossas vidas. Sem dúvida, o nascimento de um filho é um desses episódios.

Na maioria dos hospitais particulares, há um fotógrafo que te oferece o “book” ali no quarto mesmo. Entretanto, geralmente, é um serviço bastante caro.

Então, se você não quiser gastar muito dinheiro, com certeza seu parceiro pode tirar umas fotos bem bonitas.

8. Coma e beba antes do parto

dia do parto

Um pouco de pão ou um iogurte desnatado, fruta, suco, etc.

As conclusões de um estudo recente colocam em dúvida a recomendação geral de não comer durante o período de dilatação.

Sugere-se que mulheres com gestações de baixo risco podem comer com segurança uma dieta leve nos momentos prévios ao parto.

9. O plano de viagem

É necessário pensar com seu parceiro qual é o caminho mais curto para chegar ao hospital no qual você decidiu dar à luz.

Provavelmente, se for de madrugada você não vai encontrar muito trânsito.

Mas se o parto começa em plena “hora do rush”, pode existir um grande congestionamento. Então, é conveniente ter rotas alternativas planejadas.

Entre 1% e 2% dos nascimentos começam sem que a mãe note as contrações.

Se isso ocorrer e não dê tempo de chegar ao hospital, peça ajuda, ligando para o telefone da polícia (190) ou dos bombeiros (193).

10. O carinho

Geralmente, quando chega o dia do parto, a mulher desconhece praticamente todos os procedimentos aos quais será submetida no hospital. Entretanto, pouco a pouco, essa situação vem mudando.

Um dos protocolos mais aplaudidos e requeridos pelas parturientes é conhecido como “pele com pele”, que consiste em deixar o bebê repousar no corpo da mãe durante suas primeiras horas de vida.

Geralmente, esse processo dura uma meia hora. Tempo no qual, provavelmente, o pequeno já vai tentar começar a se alimentar, favorecendo, assim, a amamentação.

É muito importante ser amável com as parteiras e todos os funcionários do hospital, já que todos e cada um deles fazem seu trabalho para que tudo corra muito bem.

Agora sim, você já está com tudo pronto. Te desejamos muita sorte!