6 conselhos na hora de escolher armários para o quarto do bebê

· 7 de novembro de 2018
Atualmente, as opções de decoração são infinitas. Entretanto, em relação a determinados móveis, como os armários, não podemos esquecer outros aspectos, como a praticidade e os espaços internos que oferecem.

Um aspecto importante em relação à decoração são os armários para o quarto do bebê: no que devemos prestar atenção?

Planejar a decoração do quarto do bebê é uma das tarefas mais difíceis, mas também uma das mais bonitas, que os pais enfrentam nesta etapa.

Principalmente, o que a maioria dos pais buscam ao escolher armários para o quarto do bebê é funcionalidade.

Haverá muita roupa e elementos para guardar, por isso devemos contar com bastante espaço.

Nesse sentido, é recomendável optar por móveis com muitos espaços amplos e delimitados. De igual maneira, não podemos deixar de lado a parte estética.

Pensando em quem irá passar a maior parte do tempo nesse quarto, devemos fazer com quem o aspecto visual desse elemento contribua com a harmonia do resto do quarto.

Como você vai ver, devemos ter muitas coisas em mente. Para que você saiba de que maneira isso se aplica na prática, daremos mais detalhes sobre algumas ideias de armários para o quarto do bebê que te ajudarão a tomar uma decisão.

Conselhos para escolher armários para o quarto do bebê

1. Armário com prateleiras a vista

Quando você tem um bebê, é muito importante contar com prateleiras para colocar fraldas e elementos de higiene.

Se ficarem a vista, é ainda melhor. Com o bebê no colo, pode ser complicado procurar em gavetas até encontrar o que você precisa.

Assim, você evitará deixá-lo sozinho até achar todas as coisas. Dentro dessa categoria, você encontrará muitas opções que te permitirão escolher a que mais gostar.

Armários para o quarto

2. Armários embutidos

Na hora de decorar o quarto do bebê, o principal é deixá-lo harmonioso. Não deve ter muita informação e deve ser um lugar em que seja possível caminhar.

É evidente que também deve ser seguro para quando a criança começar a se locomover sozinha.

Diante desse panorama, uma opção excelente é colocar armários embutidos. Você pode encontrar modelos muito bonitos, de diferentes tamanhos e estilos.

O melhor de tudo é que você pode adequá-los ao espaço disponível no quarto. Com certeza o espaço aumentará muito graças a esses móveis.

Além disso, você também pode aproveitar as vantagens oferecidas pelas camas modulares.

3. Aposte nas cores

Os designs modernos de armários para quartos de bebê incorporam tons clássicos como rosa, azul e também outras novidades, como verde-claro, azul-marinho, laranja, entre outros.

O bom de escolher cores chamativas é que, sem dúvida, o quarto irá adquirir um tom mais estimulante.

No entanto, não exagere nesse quesito: as cores intensas também podem gerar estímulo excessivo no estado de ânimo com o passar dos dias.

4. Armários de criança

Os armários para bebês são projetados para roupas pequenas. Isso quer dizer que o espaço para pendurar e as gavetas são pensadas para roupas de tamanhos pequenos.

Isso é indiscutivelmente uma graça. Mas se você prefere algo com uma vida útil maior com o passar do tempo, é possível optar por um guarda-roupa de criança.

“O que a maioria dos pais buscam ao escolher armários para o quarto do bebê é funcionalidade. Haverá muita roupa e elementos para guardar, por isso devemos contar com bastante espaço”

5. Não se esqueça da praticidade e do espaço

Diferente dos quartos de adultos, os de crianças costumam ter outros móveis. Além disso, também haverá brinquedos e enfeites por todos os lugares.

Por isso, tente ser o mais prático possível na hora de escolher um armário. Não adianta nada ter espaço de sobra no quarto se é necessário sacrificar metros do cômodo.

Outro segredo é escolher materiais simples e leves. Estamos falando de móveis de fácil manutenção e fáceis de movimentar.

Lembre-se de que isso será necessário na hora de limpar o lugar e também quando você desejar mudar alguma coisa.

Armários para o quarto

6. Gaveteiro ou cômoda, grandes aliados

Se você é amante de roupas de bebês ou se seu pequeno teve a sorte de ganhar muitos presentes, pode ser que os armários no quarto não sejam suficientes.

Neste caso, recorra a móveis complementares, como as cômodas ou gaveteiros. Neles, você poderá guardar roupas para ocasiões especiais ou aquelas que não são da estação atual.

Por fim, também são excelentes para guardar roupas que estejam pequenas. No fim das contas, é muito provável que o possível irmãozinho precise delas no futuro.

Imagens cortesia de Adaptacija-stana