9 coisas incríveis que um bebê faz dentro do útero

· 30 de novembro de 2018
A gravidez é uma das experiências mais bonitas que uma mulher pode viver. Sentir como o bebê vai se desenvolvendo e crescendo dentro do útero, como evolui pouco a pouco e, inclusive, como dá seus chutes, é uma sensação indescritível. Algo tão especial que somente pode ser compreendido por outra mulher grávida.

O que muitas das futuras mamães não têm ideia é do que o bebê faz dentro do útero. São coisas incríveis!

Rotações que só podem ser vistas através de ecografias, mas que a grávida pode sentir. A partir das 18 semanas, por exemplo, já se pode sentir o movimento dos cotovelos e das mãos, que continuarão até o momento do parto.

Além disso, graças aos avanços tecnológicos, cada vez se torna mais fácil observar com mais detalhes o feto. Em muitos exames ginecológicos, já podem ser observados outros tipos de movimentos, alguns bastante curiosos.

Quais são os outros movimentos que meu bebê faz dentro do útero?

Tem soluço

O soluço fetal é sua maneira de se preparar para respirar. Quando nascer, o bebê terá que se adaptar para respirar fora do útero e isso requer um treinamento prévio.

Geralmente, a mãe costuma sentir um ligeiro formigamento rítmico até por volta da 27ª semana. Em alguns casos, esses movimentos podem, inclusive, durar até pouco antes do parto.

Chupa o dedo

A sucção é um reflexo inato. Trata-se de uma forma de treinamento para aprender a mamar, a atividade que vai proporcionar o alimento ao bebê durante seus primeiros meses de vida.

Isso começa a ocorrer a partir da 18ª semana, quando o bebê mede por volta de 14 centímetros.

Bebe líquido amniótico

Esse líquido é responsável por auxiliar o sistema digestivo. Ele se forma a partir da quarta semana da gravidez e serve para alimentar, esquentar e proteger o feto.

Na 15ª semana, o bebê começa a desenvolver o sentido do paladar e consegue saborear os alimentos que a mãe come, ainda que não saiba diferenciá-los. Ele costuma beber mais líquido quando a mãe consome alimentos doces e menos líquido se são amargos.

Consegue espirrar

A partir da 10ª semana de gravidez, o feto começa a espirrar. Esse reflexo não aparece até que os receptores olfativos do bebê já tenham se desenvolvido.

Dessa forma, qualquer pequena molécula que sente através de sua respiração pode provocar esse espasmo involuntário.

faz dentro do útero

Ri e chora

O choro pode ser percebido nas ecografias, já que o lábio inferior do bebê vibra. Ele também pode rir, já que a partir da 28ª semana de gravidez a criança começa a gesticular.

Ambas as expressões, juntamente com o bocejo, serão as mais habituais que serão observadas quando o pequeno nascer.

Abre os olhos

Ainda que já possa mover os olhos a partir da 16ª semana de gravidez, o bebê não os abre até a 26ª semana.

Ele não consegue enxergar muito, já que se encontra na escuridão do útero, mas pode perceber alguns reflexos. Um deles é a luz que passa através do abdômen e que ele não costuma gostar.

Diante de uma claridade forte, o bebê costuma se virar ou, inclusive, se tapar com as mãos.

Reconhece a voz da mãe

Durante a 19ª semana, a criança começa a afinar seu ouvido. Isso se deve ao desenvolvimento do cérebro e permite que ela escute a voz da mãe.

Segundo os especialistas, é recomendável que a mãe e o pai fale ou cante para que, quando a criança nascer, possa identificar as vozes de seus progenitores. Dessa forma, se sentirá protegida uma vez fora do útero materno.

Jamais na vida encontrarás ternura melhor e mais desinteressada que a de tua mãe

-Honoré de Balzac-

faz dentro do útero

Urina dentro do útero

Os bebês começam a urinar a partir da 11ª semana da gravidez, pois este é o momento em que seus rins começam a filtrar os fluídos e se livram das toxinas.

Nesse sentido, a função renal permite que o feto consuma o próprio líquido amniótico, pois está composto por uns 90% de urina. Isso lhe proporciona proteínas, lipídios, ureia e outros componentes que ajudam no seu desenvolvimento.

Sonha

Por fim, o bebê tem a capacidade de sonhar dentro do útero. A partir da 30ª semana de gravidez, já consegue entrar na fase REM, também conhecida como sonho ativo.

Durante o oitavo mês, começa a ocorrer uma espécie de alternância no sonho. Em alguns, o feto está mais calmo e seu coração bate mais lento. Em outros, o coração acelera e o corpo da criança se agita.

É um bom indicador de que sua atividade elétrica cerebral funciona adequadamente.