Bebês recém-nascidos e cólicas: o que fazer?

08 Junho, 2018
Neste artigo, vamos apresentar algumas dicas para compreender e aliviar as famosas cólicas dos bebês recém-nascidos. Além disso, contaremos tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de incômodo: causas, sintomas e possíveis soluções.

A cólica é um transtorno típico dos primeiros meses de vida do bebê que se caracteriza por um choro intenso e recorrente sem causa aparente. O caso dos bebês recém-nascidos com cólicas não são preocupantes, embora seja necessário que os pais saibam como acalmar o pequeno.

Essa crise, normalmente, ocorre na mesma hora do dia, geralmente à tarde ou depois da mamadeira. Além disso, a cólica é um sintoma bastante comum entre os bebês de 0 a 6 meses.

Frequentemente, é motivo de grande preocupação para os pais, especialmente quando se trata do primeiro filho. Então, o que devemos fazer frente as lágrimas ou os choros e como aliviar as dores da cólica?

Veja os seguintes conselhos para acalmar bebês recém-nascidos com cólicas. Aliás, saiba que se nenhum medicamento se mostrou efetivo para aliviar as dores, muitas ações simples podem acalmar seu bebê.

Como acalmar bebês recém-nascidos com cólicas?

Quando o bebê está com cólicas, o choro pode se manifestar juntamente com certos comportamentos característicos. Os bebês recém-nascidos que estão com cólicas sentem dores abdominais espasmódicas que desencadeiam ataques de choro intenso e um estado de agitação, acompanhados pela liberação de gases. O rosto do bebê fica avermelhado, seus punhos se fecham e suas pernas se dobram sobre a barriga inchada.

As cólicas não são uma doença. Na verdade, são mais uma descrição de um comportamento. O único sintoma real associado é o choro intenso.

Portanto, não existe um tratamento radical, já que se desconhece a origem. No entanto, não devemos deixar e buscar formas de aliviar o desconforto do bebê. Então, oferecemos a seguir alguns conselhos para atenuar esse incômodo:

1. Balance gentilmente o bebê

Uma boa opção é dar um banho quente ou algo para chupar – mamadeira ou chupeta – já que isso tende a acalmar o pequeno, enquanto você o balança no colo. Mantenha o ambiente tranquilo e deixe o quarto à meia-luz.

2. Faça uma massagem abdominal

Coloque uma bolsa de água quente no estômago do bebê e massageie suavemente. Você pode tentar fazer uma massagem abdominal com um pouco de óleo de amêndoas para facilitar o toque suave.

Faça a massagem sempre no sentido dos ponteiros do relógio. Esse método também ajuda o bebê a eliminar o gás intestinal.

3. Prepare uma bolsa de água quente

O calor ajuda a relaxar os intestinos e aliviar os espasmos. Prepare uma bolsa de água quente envolvida em uma toalha e coloque-a na parte inferior da barriga do bebê para acalmá-lo.

4. Procure oferecer uma dieta balanceada ao bebê

Alimente o bebê com mais frequência, mas em pequenas quantidades. Assim, será possível reduzir as cólicas. Você deve manter um intervalo correto entre os horários de amamentação – duas horas no mínimo. Não ofereça nada além de leite e evite especialmente os sucos de frutas.

“Os bebês recém-nascidos que estão com cólicas sentem dores abdominais espasmódicas que desencadeiam ataques de choro intenso e um estado de agitação, acompanhados pela liberação de gases.”

5. Leite de fórmula

Prepare corretamente a mamadeira do bebê para que não contenha muito pó e respeite as quantidades adequadas de água. Também recomendamos dar a mamadeira lentamente, em um ambiente tranquilo e relaxado.

Paralelamente, considere experimentar a troca da marca do leite, sempre com a indicação médica prévia. Evite dar dois leites diferentes ao mesmo tempo, já que será mais difícil de digerir.

6. Coloque o bebê em posição vertical durante a amamentação

Para evitar que o bebê engula muito ar durante a amamentação, é aconselhável colocá-lo em uma posição o mais vertical possível. Além disso, uma boa opção é optar por uma mamadeira menor para evitar que se encha desnecessariamente de ar.

7. Ajude o bebê a arrotar

O arroto tem uma influencia significativa no aparecimento das cólicas. Por isso, é necessário separar um tempo para ajudar o bebê a liberar o gás excedente após cada amamentação.

Por exemplo, você pode segurar o bebê no colo, com a cabeça apoiada no seu ombro, e dar leves batidinhas nas costas dele ou fazer uma massagem na parte inferior das costas do pequeno quando ele estiver sentado para ajudá-lo a arrotar.

bebês recém-nascidos com cólicas

8. Preste atenção na sua dieta

Caso você amamente seu bebê, evite consumir muito iogurte e queijos frescos, já que passam para o leite e são absorvidos pelo bebê. Esses produtos lácteos contêm grandes quantidades de proteína de leite de vaca que podem estar na origem das cólicas do pequeno.

Paralelamente, evite comer repolho, brócolis e outros alimentos que causem gases. Também não consuma refrigerantes, doces ou álcool nem fume.

Por fim, essa lista de conselhos para aliviar as dores dos recém-nascidos com cólicas com certeza vai te ajudar. Lembre-se de que é muito importante manter a calma a todo momento e saber como tranquilizar seu pequeno. Se você estiver preocupada de que pode se tratar de um problema maior, não hesite em procurar o pediatra.