Benefícios de praticar natação durante a gravidez

· 15 de maio de 2018
Se você deseja praticar esportes enquanto estiver grávida, deve pensar que a natação envolve muitos benefícios para as futuras mamães. Vamos contar tudo para você a seguir.

Praticar natação durante a gravidez é uma atividade especialmente adequada para as futuras mamães. Se você está esperando a chegada do bebê, deve pensar que se trata de um exercício aeróbico que você pode realizar a partir do terceiro até o nono mês de gravidez.

Diferentemente de outros esportes mais pesados e cansativos, a natação é um exercício leve e propício para praticar durante a gestação. As futuras mães podem nadar no primeiro trimestre da gravidez, obviamente depois dos exames médicos que vão analisar o estado de saúde completo do bebê e da mãe.

6 benefícios de praticar natação durante a gravidez

A seguir, vamos apresentar 6 benefícios de praticar natação para as futuras mamães:

1.- Reduz a dor nas costas

É um esporte que envolve uma redução significativa do peso da criança na coluna vertebral da mãe. Durante as atividades aquáticas, seja nadar ou fazer hidroginástica, o corpo não está sujeito à gravidade e é sustentado pela água.

Isso permite realizar movimentos sem nenhum peso sobre a coluna vertebral ou as articulações. Nesse tipo de exercício, as articulações não são sobrecarregadas e isso é benéfico especialmente em casos de sobrepeso e obesidade.

2.- Benefícios corporais

A natação, praticada com regularidade e moderação, é uma atividade que permite queimar calorias. Além disso, ajuda muito a estimular o relaxamento do corpo e, ao mesmo tempo, tonifica e afina a silhueta.

Nadar durante a gestação faz com que seja mais fácil eliminar os quilinhos a mais que ganhamos durante a gravidez e contribui para melhorar o tônus muscular.

3.- Alivia o estresse e a rigidez muscular

A massagem constante da água permite que as futuras mamães aliviem o estresse e a rigidez muscular que acompanham o período de gestação.

Você deve saber que durante a gravidez a acumulação de líquidos, especialmente nas extremidades inferiores, favorece o inchaço. Por exemplo, nos tornozelos.

Na água, você flutua e pesa um décimo do que pesa fora dela. Esse fato provoca um alívio na pressão dos membros inferiores e superiores.

Ao mesmo tempo, a natação é uma atividade muito relaxante que permite alongar os braços e as pernas, além de aliviar a tensão muscular.

“Se sentir gorda dura nove meses, mas a alegria de se tornar mãe dura para sempre”
—Nikki Dalton—

4.- Você vai se sentir mais leve

A futura mãe que escolhe nadar na piscina durante a gravidez ajuda seu corpo a se sentir melhor. Essa atividade deve ser realizada de forma consciente, com acompanhamento e aconselhamento médico.

Entre outras coisas, a natação ajuda a futura mãe a desinchar, promove a diurese e faz com que se sinta mais leve. 

Nadar, portanto, permite que as mamães grávidas aliviem rapidamente todos os incômodos e lhes permite alcançar um bom nível de bem-estar físico.

5.- Benefícios psicológicos

As futuras mães que decidirem praticar natação durante a gravidez também vão ter benefícios psicológicos com essa prática. A natação permite aliviar o estresse e a tensão, além de se desconectar dos problemas cotidianos. Por fim, ajuda a garantir o bem-estar físico e mental.

6.- A água alivia o inchaço

Os pés e os tornozelos tendem a ficar inchados na gravidez devido à conhecida retenção de líquidos. Quando se nada com as extremidades imersas, os líquidos são empurrados novamente na direção dos rins. Assim, depois são eliminados na urina.

Ao mesmo tempo, nadar também melhora a circulação sanguínea do corpo. Todas essas consequências permitem que os pés e os tornozelos eliminem a maior parte dos fluidos.

Praticar natação durante a gravidez

Os estilos de natação mais adequados para grávidas

Certamente, o estilo peito é o mais adequado para as mulheres grávidas, pois não requer uma rotação do torso e não exige esforços significativos.

Na gravidez, a coluna vertebral e a pélvis tendem a se inclinar para frente. Por isso, mexer os braços dessa forma fortalece todos os músculos das costas e relaxa.

Outro método muito adequado para as grávidas é o estilo costas. Não envolve nenhum risco para o bebê e ajuda a aliviar as dores musculares que tendem a se acumular.

Para finalizar, é importante destacar que, antes de praticar natação durante a gravidez, é essencial consultar seu médico e seu ginecologista. Dessa forma, evitamos qualquer problema que possa surgir em decorrência da prática esportiva.