Brinquedos de água para a banheira do bebê

03 Fevereiro, 2020
A hora do banho pode se transformar no momento mais divertido do dia. Nesse momento, a proteção e a diversão se unem com o objetivo de divertir e criar hábitos de higiene.

A hora do banho pode ser muito divertida. Os brinquedos de água para a banheira do bebê são uma ferramenta para que os pequenos apreciem essa atividade. Com eles, as crianças conseguem associar esse momento de higiene com a brincadeira e o entretenimento.

O banho representa uma parte importante da rotina diária, que marcará os hábitos do bebê desde cedo. Para os pais, igualmente, chega a ser um momento de paz, união, confiança e intimidade, que os une de uma maneira emocional.

Para os bebês recém-nascidos, estar na banheira costuma ser uma experiência muito relaxante e, nesse lugar, eles descobrem novas sensações. À medida que passam os meses, essa tarefa desperta os sentidos e começa a ser apreciada de maneira diferente.

Os bebês já são capazes de segurar objetos com as mãos, batem na água e querem passar mais tempo curtindo essa atividade.

Quando notarmos que eles já são capazes de fazer tudo isso, esse é o momento preciso para começar a introduzir os brinquedos de água para a banheira do bebê. Eles não vão apenas divertir as crianças, pois também as ajudarão a aumentar as suas capacidades motoras e visuais.

Além disso, devemos levar em conta a idade do pequeno. É necessário procurar os brinquedos mais adequados para o momento e, certamente, também os menos perigosos.

Brinquedos de água para a banheira do bebê

O hábito do banho pode ser apresentado de maneira divertida e estimulante para os pequenos de casa. Essa rotina deve contar com a presença da mãe pelo menos até os 8 anos de idade, ou seja, é bastante tempo para compartilhar e se divertir.

Além de cuidar da pele e evitar doenças, pode-se encarar esse tempo como algo positivo e relaxante para o bebê. Os brinquedos vão ajudar a fazer com que o hábito do banho seja visto como uma necessidade de satisfação e alegria, em vez de ser uma obrigação.

Brinquedos de água para a banheira do bebê

Os bebês menores de 3 meses vão ter sua atenção atraída por qualquer tipo de objeto ou brinquedo, não importa a sua forma ou se ele emite algum som. Para eles, os mais apropriados são aqueles que flutuam na água, como, por exemplo, os patinhos de borracha, os barquinhos, os chocalhos ou as bolinhas.

A melhor maneira de utilizar esses brinquedos é por meio da dinâmica de “afundar e esperar que eles apareçam”. Essa atividade, sem dúvida alguma, vai divertir o bebê e vai transformar o banho em uma hora cheia de alegrias e sorrisos.

Quando estiverem maiores, podem ser usados brinquedos como, por exemplo, buchas ou boias pequenas, bonecos de borracha, funis e tigelas ou xícaras. Eles permitem que o bebê brinque com a água, pegando com o recipiente e jogando para cima. O resultado: eles brincam e ajudam a se limpar.

Por outro lado, as bolhas de sabão poderiam ser o elemento mais mágico e divertido que o bebê vai ver no banho. O pequeno vai tentar pegá-las e vai curtir todas as tentativas.

Esse momento pode ser acompanhado de canções alegres que nomeiem animais aquáticos e praias, movimentos de mãos e salpicos de água.

Usar brinquedos de água para a banheira do bebê exige uma supervisão extrema por parte de um adulto. Ou seja, por estar no banho e, portanto, rodeado de substâncias escorregadias e ensaboadas, os acidentes podem ocorrer a qualquer momento.

Divertir-se de maneira segura é a única opção. Isso é alcançado com os cuidados e a observação minuciosa dos pais.

A segurança no banho do bebê

No banho, devemos estar cientes de tudo. Isso porque qualquer detalhe ou descuido pode terminar em um acidente. Assim, prevenir sempre é o melhor.

“Estar na banheira, para os bebês recém-nascidos, costuma ser uma experiência muito relaxante e, nesse lugar, eles descobrem novas sensações”.

Afogamentos

Esse é o principal risco para os bebês quando estão na banheira. É por isso que os pais devem prestar muita atenção na hora do banho.

O afogamento pode ser silencioso. Para que ele ocorra, basta a submersão debaixo da água sem salpicos. Sendo assim, dar as costas para o bebê não é uma opção.

Sistemas de segurança

Os assentos de banho e objetos similares não são muito confiáveis sem a vigilância permanente de um adulto. Os tapetes antiderrapantes são uma alternativa na hora de sair da banheira para as crianças maiores.

Temperatura da água

Com a mão, o cotovelo ou um termômetro, pode-se checar o estado da temperatura da água, que não deve ser maior do que 38°C.

Tenha tudo à mão

Para não descuidar do bebê, é necessário ter à mão tudo o que vai ser utilizado. Ao tirá-lo da tina, é bom envolvê-lo rapidamente com uma toalha, dessa forma é possível evitar resfriados.

Além disso, os produtos que vão ser utilizados na higiene deles devem ser feitos para crianças. Os mais recomendáveis são os de glicerina ou os neutros.

Brinquedos de água para a banheira do bebê

Limpeza da banheira e dos brinquedos

É recomendável que esses objetos sejam higienizados profundamente, já que podem acumular fungos que afetam o bebê.

A água fervente serve para eliminar as toxinas que podem estar nas banheiras e nos brinquedos. Mantê-los secos evita a proliferação do mofo. Dessa forma, assim que os utilizarmos, devemos secá-los na sequência.

Definitivamente, o banho pode ser o momento mais divertido do dia, tanto para a mãe quanto para o bebê. Essa experiência é cheia de emoções, sensações e aprendizagem para ambos.

Tomando as devidas precauções e utilizando esses brinquedos especiais para esse momento, cultivaremos, junto com os nossos pequenos, momentos de risos e encantadoras experiências cheias de bolhas. Vamos levar os brinquedos de água para a banheira do bebê e nos divertirmos juntos!