Casar faz bem para a saúde?

30 de março de 2019
Casar é bom ou é melhor continuar morando sozinho? Realmente existem muitos benefícios em viver a vida em casal e alguns deles até mesmo foram comprovados cientificamente. Um deles é a diminuição do risco de doenças cardíacas.

O casamento não é apenas relevante para o bem-estar emocional dos casais, mas também pode ser importante para a saúde geral. As pessoas que são casadas, em geral, têm menos risco de sofrer com doenças cardíacas.

Casar é bom para sua saúde

Embora seja difícil de entender, o fato de se casar pode ser extremamente benéfico para a saúde dos casais. Todos os anos, as doenças cardiovasculares são responsáveis ​​por muitas mortes em todo o mundo.

Segundo os especialistas, o casamento reduz o risco de doença cardiovascular. Por que esses benefícios são produzidos?

Análise e estatística

Em termos estatísticos, é possível determinar que 80% das doenças cardíacas têm a ver com fatores de risco como: sexo, níveis de colesterol, pressão arterial, tabagismo, diabetes, entre outros. No momento da pesquisa, os cientistas tentaram determinar o que influenciou os 20% restantes.

Para realizar essas pesquisas, foram entrevistados mais de dois milhões de pessoas com idades entre 42 e 77 anos em lugares como Escandinávia, Europa, América do Norte, Ásia e Oriente Médio.

Os diferentes resultados revelaram que, comparando pessoas casadas com aquelas que não eram casadas, ou seja, solteiras, divorciadas ou viúvas, estas últimas apresentavam maior predisposição e risco de desenvolver doenças cardiovasculares.

Trata-se de uma descoberta e uma novidade para o mundo. Casar-se pode reduzir significativamente suas chances de desenvolver doenças cardíacas, derrame e outros riscos que podem causar a morte.

Com a contribuição dessa pesquisa, cientistas e especialistas determinaram que o estado civil pode e deve ser incluído como um fator de risco para doenças cardíacas.

Benefícios oferecidos pela vida a dois em termos de saúde

A magnitude alcançada pelo casamento em termos médicos é verdadeiramente incrível. Literalmente, é excelente para a saúde do coração. Como vimos, casar-se reduz significativamente a possibilidade de doença cardiovascular.

Talvez o principal benefício do casamento seja o apoio social que ele oferece. Para pessoas com tendência à solidão, introvertidas ou com algum desequilíbrio psicológico, o fato de estar acompanhada é muito saudável.

Em outras palavras, o casamento não serve apenas para prevenir o desenvolvimento de doenças em pessoas saudáveis, mas também diminui as chances de morte naqueles que sofrem de doenças cardiovasculares. Ou seja, a proteção conjugal oferece maior estabilidade à saúde das pessoas.

Para aquelas pessoas com tendência à solidão, introvertidas ou com algum desequilíbrio psicológico, o fato de estar acompanhado é muito saudável.

O casamento é equivalente a vários benefícios saudáveis

Muitas pessoas se perguntam o que acontece com o casamento no que diz respeito à saúde. Em primeiro lugar, pode-se observar que as pessoas que não são casadas apresentam níveis mais elevados de colesterol e maior incidência de hipertensão e insuficiência cardíaca.

Em resumo, alguns benefícios de viver um casamento ou ter uma vida em casal seriam:

  • O risco de transmissão de doenças sexualmente transmissíveis pode ser reduzido caso não haja outros parceiros sexuais envolvidos. Faz sentido pensar que quanto mais parceiros sexuais, maior a probabilidade de contrair uma DST.
  • Suporte e cuidado mútuo. Quando um dos cônjuges está doente e precisa de ajuda com comida, remédios, etc., você encontrará tudo no casamento. Com outros tipos de casais mais liberais e sem convivência, a ajuda mútua nesses casos talvez não seja tão simples.

  • O controle do estresse. A vida como casal costuma ser mais ordenada e mais harmoniosa. Com isso, nossa mente relaxa e levamos um estilo de vida mais equilibrado. Embora pareça algumas vezes que as discussões de um casal sejam estressantes, realmente há um equilíbrio mais vital.
  • Tolerância e respeito. A vida em casal oferece o desenvolvimento da tolerância e do respeito pelos outros. Dessa forma, ganhamos em valores sociais e nosso corpo alcança uma melhor saúde.
  • Planos em casal. A ilusão é o motor da vida e sem ela há apenas monotonia e risco de depressão. É muito positivo para o casal planejar viagens juntos, passeios, etc. Mesmo se houver crianças, você também pode encontrar tempo para fazer as coisas como um casal.

Embora nem todos os momentos de um casamento sejam totalmente felizes, a realidade é que a vida como casal pode trazer mais equilíbrio para a pessoa. Se nos atentarmos apenas para o fato de compartilhar, de nos envolver com o outro, já alcançamos valores que podem melhorar nossas vidas.

  • Nealey-Moore, J. B., Smith, T. W., Uchino, B. N., Hawkins, M. W., & Olson-Cerny, C. (2007). Cardiovascular reactivity during positive and negative marital interactions. Journal of Behavioral Medicine. http://doi.org/10.1007/s10865-007-9124-5 Eaker, E. D., Sullivan, L. M., Kelly-Hayes, M., D’Agostino, R. B., & Benjamin, E. J. (2007).
  • Marital status, marital strain, and risk of coronary heart disease or total mortality: The Framingham Offspring Study. Psychosomatic Medicine. http://doi.org/10.1097/PSY.0b013e3180f62357