Cisto dermoide em crianças

12 Outubro, 2020
O cisto dermoide é um tumor benigno em crianças que geralmente aparece no rosto. Vamos contar tudo o que você precisa saber sobre ele.

Um cisto dermoide é uma protuberância que geralmente se localiza no rosto ou na cabeça e que pode estar presente desde o nascimento ou aparecer durante a infância. Aqui, vamos contar tudo o que você precisa saber sobre essa patologia.

O que é o cisto dermoide?

O cisto dermoide é uma doença congênita benigna. Ou seja, as crianças já nascem com ela, porém, por causa do seu tamanho, talvez ela seja detectada apenas alguns meses depois, quando já tiver crescido o suficiente. É de natureza embrionária, o que significa que se deve a uma anormalidade no desenvolvimento do feto.

Os cistos dermoides são tumores arredondados que podem ter diferentes consistências e tamanhos e que geralmente são encontrados no rosto e na cabeça, embora também possam ser encontrados em qualquer outra parte do corpo.

O que acontece é que, durante o desenvolvimento fetal, em uma determinada área do corpo, as camadas da pele não crescem juntas como deveriam. Isso faz com que sobre um espaço, uma lacuna sob a pele, que vai acabar sendo ocupada por outras substâncias do corpo. Podem ser glândulas sudoríparas, glândulas sebáceas ou folículos capilares.

crianca-carne-esponjosa-exame-medico-pediatra-cisto

Quais são os sintomas?

O cisto dermoide é um tumor de crescimento lento. Costuma ser é arredondado e um pouco mole. A pele da sua superfície pode se mover facilmente sobre ele. Geralmente é da mesma cor da pele, embora às vezes também possa ter uma coloração ligeiramente azulada.

O cisto em si geralmente não apresenta sintomas. No entanto, como geralmente surge no rosto ou na cabeça, áreas onde há muitos nervos e estruturas do corpo, isso acarreta certos riscos.

As complicações do cisto dermoide aparecem quando, conforme ele vai crescendo, passa a afetar outras estruturas sensíveis do corpo. Essas complicações geralmente são neurológicas ou oftálmicas.

Além de afetar outras áreas próximas, por causa da sua localização geralmente facial, o cisto também pode causar problemas de desconforto e baixa autoestima para a criança, os quais devem ser levados em consideração durante o tratamento. Além disso, por causa do acúmulo de substâncias em seu interior, o cisto pode infeccionar e dar origem a abscessos.

Diagnóstico de cisto dermoide

Assim que começarmos a notar algo estranho no corpo do nosso filho, devemos procurar um especialista. É ele quem vai examinar o cisto e a área ao redor e, se julgar necessário, solicitar outros exames.

crianca-carne-esponjosa-exame-medico-pediatra-cisto

Além do exame clínico e médico do cisto, o especialista pode recomendar raios-X, tomografia computadorizada ou ressonância magnética. Esses exames podem ser necessários para estabelecer se realmente se trata de um cisto dermoide e para diferenciá-lo de outros tipos de tumores infantis. Tais exames também vão ajudar a definir sua localização exata e verificar se ele está afetando outras áreas próximas.

Qual é o seu tratamento?

O tratamento do cisto dermoide geralmente consiste na remoção total através de uma cirurgia. Como sempre, será o especialista quem vai decidir quando e como realizar esse procedimento, pois isso dependerá, entre outros fatores, da localização e do tamanho do cisto, bem como da idade da criança.

O que devemos levar em consideração em relação ao cisto dermoide é…

É uma patologia benigna que geralmente será diagnosticada e tratada sem acarretar grandes consequências para a criança e, por isso, não devemos ficar excessivamente preocupadas.

Contudo, devido à sua possível confusão com outros tipos de tumores infantis, caso note qualquer protuberância no seu filho – seja nova ou já examinada que comece a crescer – você deve procurar o especialista. É ele quem vai confirmar o diagnóstico e estabelecer os passos a serem seguidos.