Como acalmar a criança durante uma birra?

Cada criança (e cada birra) é diferente, então não há uma recomendação específica que se aplique a todos os casos. No entanto, vamos dar algumas dicas que podem ajudar você a controlar seus filhos.
Como acalmar a criança durante uma birra?

Última atualização: 04 Junho, 2021

Uma birra é basicamente um acesso de raiva, uma irritação que as crianças sentem quando seus desejos e caprichos não são satisfeitos. Esse tipo de reação é mais comum em crianças de até 3 anos de idade, mas o fato de ocorrer ou não com frequência e estar presente em outras idades depende da criança e do ambiente familiar em que ela cresce. Veja como impedir, ou pelo menos acalmar um pouco, o comportamento frenético de seu filho quando você diz: “Não”.

Crianças que não entendem o “Não”

Existem crianças que obedecem às ordens dos pais e como se fossem adultos e entendem bem frases como: “Você não pode ir ao parque agora”, “Não pode comer doce antes do jantar”, “A mamãe não pode comprar brinquedos hoje”.

Dificilmente encontraremos essas crianças fazendo birra. Mas também existem muitas outras que se acostumaram a expressar suas frustrações e irritações por meio das birras.

Elas não entendem o “Não”, ou melhor, entendem, mas são incapazes de assimilá-lo e acatá-lo. Parece até que elas vieram ao mundo com essa “predisposição genética”.

 

Quando a situação se torna incontrolável, é difícil para os pais lidar com essas crianças em público porque seus anjinhos simplesmente transformam todos os seus protestos em birras: eles se jogam no chão, chutam, gritam, desferem golpes em todas as direções, deixam o corpo rígido e não querem mais se mover, etc.

Se você é mãe de uma criança que costuma fazer birra por qualquer coisa, em Sou Mamãe apresentamos algumas dicas.

Duas maneiras de evitar as birras das crianças

Antes de aconselhar você sobre como acalmar seu filho quando ele fizer birra, vamos apresentar duas maneiras de impedir que a situação chegue nesse ponto.

Preste atenção à criança

Não é incomum que as birras de uma criança sejam causadas pela falta de atenção dos pais.

Pode ser que ela apenas queira beber água, mas a mãe, que não percebeu isso porque, por exemplo, está terminando um relatório que não teve tempo de fazer no escritório, não ouve o que seu filho está dizendo, o que dá lugar à birra.

Quando você quer que a criança faça algo que ela não quer fazer

Se você quer que seu filho faça algo que você sabe que ele não vai querer fazer, você deve buscar alternativas para que ele ache que está no controle da situação e que a decisão está em suas mãos.

Digamos, por exemplo, que você quer que ele faça xixi antes de dormir, mas toda vez que você pede ele recusa. E quando você o força, ele acaba fazendo uma birra que o deixa alterado e o impede de conciliar o sono.

Para evitar essa situação, sua estratégia deve ser diferente.

Antes do horário que seu filho costuma se deitar, independentemente do que ele estiver fazendo, diga que é hora de ir ao banheiro. Dê a ele opções e deixe-o escolher qual quiser. Entre as opções, recomendamos que você inclua uma alternativa divertida:

  • Fazendo xixi no banheiro.
  • Fazendo xixi no penico.
  • Fazendo xixi no penico em cima da cama.

Temos certeza de que algumas mães verão isso como uma forma de mimar a criança, mas garantimos que esse tipo de atitude, em muitas ocasiões, evita as birras dos pequenos. Mas se você não quiser fazer muitas concessões ao seu filho, pode oferecer as duas primeiras opções e deixá-lo escolher enfatizando que ele deve fazer xixi para não acabar fazendo xixi na cama.

Como acalmar a criança durante uma birra?

 

Mãe conversando com o filho sobre as birras.

Mamãe, para acalmar seu filho durante uma birra, você deve:

  • Faça-o esquecer a birra. Para isso, é preciso desviar sua atenção com algo que o interesse: “Olha, passou um gato na janela. Vamos olhar!” ou “Nossa, o que foi isso?!”. Toda mãe sabe quais são os interesses dos seus filhos e as coisas ou objetos que podem atrair sua atenção e acalmá-la durante essas emergências.
  • Abrace-o e sussurre em seu ouvido para acalmá-lo. Diga a ele que você o ama, faça comentários sobre outras questões não relacionadas ao que causou a birra, converse sobre o que você vai fazer agora… É importante que seu filho saiba que você está ao lado dele mesmo quando ele está fazendo birra porque você não está lá. Quando a raiva diminuir, ele continuará a chorar, mas de maneira desconsolada. Nesse momento, abrace-o com mais força e conforte-o.
  • Se a criança rejeitar e não quiser que você a abrace, não insista. Não grite nem vá conversar mais de perto, pois ele pode machucar você. Apenas supervisione para que seu filho não se machuque e o deixe no chão esperando que se acalme.
  • Ninguém vai fazer birra para sempre, então não desista. Não tente acalmar a birra cedendo ao capricho ou desejo que a desencadeou. Isso apenas vai mostrar que toda vez que a criança quiser algo, ela poderá fazer uma birra para conseguir.
Pode interessar a você...
Aspectos positivos das birras das crianças
Sou MamãeLeia em Sou Mamãe
Aspectos positivos das birras das crianças

As birras das crianças preocupam muito os pais. No entanto, devemos entender que as birras fazem parte do crescimento da criança.