Como administrar as mudanças de humor durante a gravidez?

31 de julho de 2018
As mudanças de humor durante a gravidez são um sintoma recorrente na maioria das mulheres que se encontram nesse estado. Você não deve se preocupar, já que não é a única que passa por essa experiência que faz parte do processo de ser mãe.

Embora normalmente não se possa evitar, existem formas de controlar essas modificações, alterando o jeito que você se sente consigo mesma e com os demais.

Quais são as causas da mudança de humor durante a gravidez?

As causas podem ser físicas ou psicológicas. Em primeiro lugar, as físicas compreendem aspectos como o estresse, a fadiga, as mudanças no metabolismo e a ação do estrogênio e da progesterona.

Por outro lado, a concentração hormonal pode afetar o nível de neurotransmissores, que são as substâncias químicas que circulam pelo cérebro e são responsáveis por regular o temperamento.

As mudanças de humor costumam aparecer durante o primeiro trimestre da gestação, entre a sexta e a décima semana, e podem voltar a aparecer no terceiro trimestre quando o corpo começa a se preparar para dar a luz.

Recomendações práticas para controlar as mudanças de humor na gravidez

mudanças de humor

  • Mantenha uma rotina de sono restaurador para que a mente e o corpo fiquem relaxados
  • Pratique alguma atividade física que não seja de alto impacto. Além de liberar o estresse e a ansiedade que aparecem durante a gravidez, seus músculos estarão em melhores condições no momento do parto.
  • Tenha uma dieta balanceada e adequada para suas necessidades nutricionais e as do bebê.
  • Se você tem um parceiro, passe um tempo com ele. A união e o apoio mútuo são fundamentais para superar as mudanças de humor durante a gravidez.
  • Faça algo que crie uma sensação de bem-estar. As preocupações com os preparativos para o nascimento e tantas mudanças no seu estilo de vida podem te levar a perder o tempo que você dedicava ao entretenimento e às atividades que te apaixonam. Tire um cochilo, vá caminhar, faça uma massagem ou passe um tempo com seus amigos. Tudo isso vai ajudar a melhorar seu humor.
  • Converse sobre suas preocupações. Não mergulhe em seus próprios pensamentos; compartilhe eles com as pessoas de confiança, abrindo o jogo sobre todos os medos e situações que te causam ansiedade. As pessoas que gostam de você vão entender sua situação e encontrarão uma palavra de alento que você necessita.

Quais sensações você pode experimentar durante a gravidez?

Medo. O risco de um aborto espontâneo, de fazer algo que possa afetar a saúde do bebê, a dor do parto e a constante dúvida se seremos ou não uma boa mãe são os medos mais frequentes que uma mulher tem quando enfrenta uma gravidez.

Ansiedade. Biologicamente, é bastante provável que aflorem as sensações de medo e ansiedade durante a gravidez. A razão pela qual isto acontece é que o corpo cria um mecanismo de defesa para assegurar que o bebê se manterá a salvo.

Falta de memória. Os lapsos de perda de memória são bastante comuns na gravidez. O hipocampo, a área do cérebro encarregada da memória, altera seu funcionamento na gravidez. Por isso, você pode esquecer certas coisas a curto prazo.

Problemas com a imagem corporal. Durante o segundo e o terceiro trimestre de gravidez, as mudanças corporais são bastante evidentes, circunstância que leva a que a mulher se olhe diferente ao se ver diante do espelho. Aliás, é normal que em algum momento dessa etapa você se sinta menos atraente e preocupada se vai recuperar sua forma depois do parto.

mudanças de humor

Quando procurar ajuda profissional?

Se as alterações no comportamento se mantêm presentes por mais de duas semanas e não parecem melhorar, talvez seja preciso alguma ajuda adicional por parte de um profissional da área. Muitas mulheres no mundo todo experimentam depressão na etapa da gravidez. Assim, é importante identificar os sinais e tratar a tempo.

Alguns dos sinais da depressão gestacional, são:

  • Ansiedade recorrente e um aumento considerável da irritabilidade
  • Alterações severas nos ciclos do sono
  • Mudanças drásticas na maneira como você se alimenta
  • Incapacidade de se concentrar  numa atividade por um período prolongado de tempo
  • Perda de memória a curto prazo

Se um ou mais desses sintomas se mantiverem por tempo prolongado, procure um profissional assim que possível. Não perca a oportunidade de aproveitar tranquilamente uma das melhores experiências que uma mulher pode viver.