Como enfrentar os quatro obstáculos do parto

28 de abril de 2019
O parto gera muitas dúvidas e medos entre as mulheres. Por isso, neste artigo, vamos tratar dos obstáculos que as futuras mamães enfrentam durante esse momento crucial de suas vidas.

Os obstáculos do parto estão presentes durante os nove meses de gestação. Por isso, é muito importante que você aprenda a conviver com as muitas questões que podem gerar ansiedade.

Certamente, o parto é um momento de perigo, tanto para a mãe como para o bebê. Ao longo do período de gestação, os rituais são contínuos na tentativa de garantir a segurança da mãe e do bebê.

Conscientes das perguntas sem resposta que atormentam as futuras mamães, trazemos uma lista com os obstáculos do parto que consideramos terem mais impacto na preparação do nascimento do pequeno.

Os quatro obstáculos do parto

Abaixo, listamos os obstáculos do parto que são enfrentados pelas futuras mamães:

1. Medo

O medo é um sentimento muito comum em mulheres grávidas, na maioria dos casos, é produzido pela inexperiência e pelos temores em garantir o bem-estar do bebê.

Além disso, as mudanças produzidas pelo nascimento e as enormes mudanças fisiológicas e psicológicas do corpo também causam preocupação na mulher.

No entanto, você deve saber que ter medo é algo inútil durante o parto e o trabalho prévio de parto. Sobretudo no momento do nascimento, já que faz com que os níveis altos e prolongados de adrenalina reduzam a liberação de oxitocina e o fluxo sanguíneo da placenta, o que afeta as contrações.

Então, recomendamos que você seja corajosa e não tenha medo do parto, principalmente durante os meses de gestação. Não se esqueça de que, para ter uma gravidez saudável, você deve aprender a relaxar, comer bem e aceitar as mudanças em seu corpo de forma gradual.

Se você conseguir manter o medo longe, chegará na data do nascimento com muito mais confiança e entenderá melhor todo o processo.

Para superar qualquer episódio de pânico, é necessário que você peça ajuda aos outros e possa contar como se sente. Passar tempo com pessoas de confiança fará com que você se sinta mais forte, segura e preparada.

a massagem perineal na gravidez

2. Perda de controle

Se você tende a ser uma pessoa muito controladora, o parto pode te desestabilizar, já que é uma daquelas situações extremas que fogem do controle. Além disso, lembre-se de que os médicos e enfermeiros já viram e ouviram de tudo; nada do que você disser ou fizer os deixará surpresos ou chateados.

“A maneira pela qual as pessoas foram paridas influencia seu destino de um modo determinante.”

—Alejandro Jodorowsky—

3. Ansiedade

Em algum momento durante o parto as futuras mães tendem a experimentar um aumento da ansiedade. Em todo o caso, é compreensível que você se sinta ansiosa por dar à luz. As mães de primeira viagem, e até mesmo as mulheres que já têm filhos, sentem ansiedade de enfrentar o desconhecido.

Para combater essa ansiedade, você deve aprender a relaxar. A meditação, a yoga e os exercícios de respiração ajudam a acalmar a ansiedade durante a gravidez e o trabalho do parto.

Além disso, recomendamos os banhos longos e as caminhadas relaxantes; pois são exercícios perfeitos para promover o relaxamento e reduzir a ansiedade.

4. Impaciência

Os nove meses de espera e os inconvenientes que acompanham a gravidez vão de encontro ao desejo e a impaciência das mães de conhecer o pequeno. De fato, a falta de paciência é um dos obstáculos do parto que as mulheres têm mais problemas de digerir.

Além disso, lembre-se de que o trabalho de parto é um episódio muito enriquecedor. Apesar de encontrar dificuldades, os obstáculos do parto existem para serem superados. Você deve aprender a esperar o grande dia sem sentir agonia devido ao desconforto ou cansaço.

obstáculos do parto

Certamente, a impaciência pode fazer com que você não aproveite um momento tão especial como esse. Portanto, recomendamos que, durante esse longo percurso, você tenha paciência para enfrentar todos os obstáculos provocados pela ansiedade e espera do nascimento do bebê.

Para finalizar, lembre-se de que durante os nove meses você terá muitas perguntas em sua cabeça. Por isso, conhecer os obstáculos do parto te ajudará a enfrentar da melhor maneira possível esse momento tão especial da sua vida.

Além disso, como recomendação final, também aconselhamos que você fale com o seu médico para resolver todas as dúvidas que possa ter. Ele te ajudará a dissipar todas as incertezas.