Como escolher uma bomba tira-leite manual

Se você deseja retirar o leite de forma pontual, provavelmente optou por uma bomba tira-leite manual. Aqui você encontrará as informações necessárias para saber qual extrator manual escolher.
Como escolher uma bomba tira-leite manual

Última atualização: 15 Maio, 2021

Se você já está amamentando bem e agora deseja extrair leite ocasionalmente, seja para congelar de vez em quando ou para que seu parceiro ou um cuidador possa alimentar o bebê enquanto você estiver fora, você provavelmente optou por uma bomba de leite manual por todas as vantagens que ela oferece. Mas qual delas?

Com a infinidade de marcas e modelos no mercado, pode ser difícil escolher qual se adapta melhor às suas necessidades. Por esse motivo, queremos ajudar você a saber quais fatores devem ser considerados ao escolher a melhor bomba tira-leite manual.

Bomba tira-leite manual

 

Bomba tira-leite manual.

Vantagem

As bombas manuais são mais baratas do que as elétricas. Além disso, são silenciosas e práticas para extrações ocasionais. São muito leves e fáceis de transportar. Muitos modelos incluem, junto com a bomba, recipientes para armazenar o leite.

Desvantagens

A única desvantagem dessas bombas é que elas exigem trabalho extra da mãe, porque ela tem que bombear continuamente para conseguir extrair o leite. No entanto, quando as extrações são para uso ocasional, geralmente são as mais procuradas pelas mães.

Como é uma bomba tira-leite manual?

Dependendo da marca, pode variar um pouco de uma para outra, mas os componentes costumam ser praticamente os mesmos.

  • Corpo da bomba: é feito de um plástico rígido e geralmente é transparente ou semitransparente. Uma de suas extremidades termina em forma de funil, que é a parte que será colocada no seio. A outra extremidade termina em um fio, que é onde as são acoplados os recipientes para armazenar o leite. Por fim, na outra extremidade está a alavanca.
  • Funil ou copo: é a parte da bomba que fica presa à mama. É importante verificar se há uma boa conexão com o mamilo, pois se ficar pequeno ou grande, além de causar dor no seio, pode interferir na extração.
  • Almofada de silicone: como as bombas tira-leite manuais não possuem tamanhos de funil, elas vêm com almofadas de silicone que devem ser fixadas ao funil para, assim, permitirem um melhor ajuste ao seio de acordo com seu tamanho. São removíveis e laváveis.
  • Alavanca: é a parte do extrator que a mãe deve utilizar para fazer o bombeamento constante. Geralmente são ergonômicas para oferecer maior conforto à mãe enquanto bombeia.
  • Válvula interna: é uma pequena válvula responsável por criar o vácuo, por isso é muito importante não perdê-la. Sem essa peça, é impossível fazer o vácuo e a bomba não funciona.

Na hora de lavar e esterilizar, todas essas peças devem ser desmontadas. Se o seu bebê for uma criança saudável, não é necessário esterilizar toda vez que a bomba dor usada. Bastará lavá-la com água e sabão após o uso e quando for usá-la novamente. Você deve lavar cada peça separadamente. No caso de bebês prematuros, a esterilização e a lavagem da bomba devem ser mais minuciosas.

Fatores a considerar

  • Preço: muitas vezes pensamos que quanto maior o preço de um produto, melhor sua qualidade. No entanto, o preço não significa que seja o melhor para nós. Afinal, o melhor produto é aquele que melhor se adapta a você e às suas necessidades, independentemente do preço.
  • Funil da bomba: o funil deve caber confortavelmente em todos os tamanhos de seio. A pele dessa região é muito delicada, então o ideal é procurar um extrator que contenha uma almofada, para prender ao copo, feito de um material macio, como o silicone.
Mãe usando uma bomba tira-leite manual.

  • Conforto: você deve procurar uma bomba que ofereça bem-estar e conforto. Em relação ao ruído, praticamente todas as bombas manuais são bastante silenciosas, além de fáceis de transportar por serem discretas e leves. O que se pode avaliar é o formato ergonômico da alavanca extratora para que o momento da extração não seja tão cansativo.

Em relação às extrações…

É importante saber que usar uma bomba tira-leite leva tempo e exige prática. Pode ser frustrante ver apenas algumas gotas saindo no início, mas isso vai passar quando você se familiarizar com o aparelho. Aos poucos você verá como a quantidade de leite extraído aumenta.

Também é importante destacar que a quantidade de leite extraído com a bomba tira-leite não é igual ao quanto o bebê pode extrair na sucção. Nenhuma bomba, por melhor que seja, consegue imitar exatamente a forte sucção dos bebês.

Pode interessar a você...
9 dicas para usar a bomba tira-leite
Sou MamãeLeia em Sou Mamãe
9 dicas para usar a bomba tira-leite

Amamentar seu bebê é um gesto íntimo, muito carinhoso e belo. Toda essa ambiência intervém na saída do leite, que é influenciada por hormônios muit...