Como trabalhar as emoções com o teatro

8 de março de 2019
O teatro é uma ferramenta perfeita para que as pessoas aprendam a controlar as emoções. Neste artigo, vamos te mostrar alguns exercícios para conseguir fazer isso, além de te contar tudo o que você deve saber sobre esse assunto.

O teatro é uma atividade que tem muitos benefícios terapêuticos. De fato, é uma atividade que permite trabalhar, liberar e expressar sentimentos. Por isso, neste artigo, vamos rever como trabalhar as emoções com o teatro.

Expressar os aspectos mais sombrios da experiência humana pode ser extremamente reconfortante para as pessoas. Atuar fornece muitas oportunidades para explorar as sombras e os aspectos que permanecem no nosso interior. O fato de interpretar personagens nos dá a oportunidade de nos transformar a nível pessoal.

Além disso, o aspecto mais importante de se expressar de maneira criativa é que isso oferece oportunidades para trazer à tona os aspectos mais sombrios que habitam dentro de cada um.

Ao interpretar personagens que são tirânicos, egoístas e destrutivos, a energia negativa reprimida que ficou aprisionada dentro da pessoa é liberada. Se não for externalizada, pode gerar grandes problemas que afetam a saúde mental e psicológica.

O teatro contribui para o desenvolvimento dos mais jovens

O teatro é um elemento que contribui para o desenvolvimento e bem-estar das pessoas. É uma oportunidade para os jovens aprenderem a trabalhar as emoções, vivenciando e se perguntando sobre a relação com o corpo, com o outro, com a beleza, com a ideologia e com os valores, questões que são muito importantes atualmente.

Os adolescentes encontram no teatro uma combinação de situações e emoções que vivenciam todos os dias, mas que são um pouco transcendidas com a dimensão artística. Isso significa que eles passam por uma experiência gratificante, à medida que constroem a sua relação com o mundo.

Entre outras coisas, o teatro oferece aos jovens o conhecimento de seus próprios corpos, de suas próprias emoções e reações. Além disso, também fornece a habilidade de escuta, do trabalho em equipe, da empatia, da melhoria nos relacionamentos e do aumento da autoestima.

O teatro contribui para o desenvolvimento dos mais jovens

Por sua própria natureza, o teatro gera um espaço para representar diversas situações, recriando e interpretando papéis para poder utilizá-los com um propósito.

De fato, cada vez mais escolas estão incorporando o teatro ao seu projeto pedagógico, uma vez que a educação emocional desempenha um papel muito importante no desenvolvimento integral das pessoas.

A ideia de ter aulas de teatro permite que os alunos trabalhem esse aspecto, o que é uma excelente maneira de conectá-los ao mundo das emoções.

Exercícios para trabalhar as emoções através do teatro

Se você quiser trabalhar as emoções através do teatro, deve ficar sabendo que existem alguns exercícios simples. Tome nota, pois vamos explicar alguns muito simples a seguir:

1. Dado para expressar as emoções

Para fazer o primeiro exercício, é necessário um dado grande que contenha 6 faces representando cada emoção que se queira trabalhar. Por exemplo, é possível incluir tristeza, admiração, medo, etc.

Os alunos devem se sentar em um círculo e cada participante deve esperar a sua vez. Depois de jogar o dado, cada um deve expressar a emoção que tiver saído e explicar o que já sentiu em relação a esse estado no passado.

Expressar-se de maneira criativa oferece oportunidades para trazer à tona os aspectos mais sombrios.

2. Dramatização

O segundo exercício é, sem dúvida, o mais divertido dos três. É necessário ter vários participantes, que vão ser responsáveis por manter uma conversa entre si, representando diferentes papéis e emoções.

Antes de começar, vamos distribuir alguns papéis com diferentes emoções para cada um. Então, no final do exercício, devemos descobrir que tipo de emoção cada participante estava representando.

 Adivinhe as emoções

3. Adivinhe as emoções

Por fim, apresentamos um exercício muito simples para trabalhar as emoções. Da mesma forma que na primeira atividade, as crianças devem se sentar em círculo, uma ao lado da outra. Cada participante deve representar uma emoção e os colegas devem adivinhá-la. Quando conseguirem, a vez passa para o próximo.

Antes de terminar, vale a pena ressaltar que o teatro é uma ferramenta fantástica para trabalhar a educação emocional não só dos jovens, mas também dos mais velhos. De fato, todos podem utilizar as habilidades que são praticadas com essa atividade.

O teatro, portanto, permite que as pessoas controlem as emoções de uma maneira positiva, mas também que treinem habilidades essenciais para o desenvolvimento pessoal e social. Ao fazer teatro, melhora-se a autoestima, a empatia, a responsabilidade, o trabalho em equipe e a confiança, tanto nos outros quanto em si mesmo.

  • Daste C.; Jenger, Y. y Voluzan, J. (1978). El niño, el teatro y la escuela. Madrid: Villalar.
  • Eines, J. y Mantovani, A. (1997). Didáctica de la Dramatización. Barcelona: Gedisa.
  • Navarro Solano, M. (2007). Drama, creatividad y aprendizaje vivencial: algunas aportaciones del drama a la educación emocional. Cuestiones pedagógicas, 18, 163-174. https://idus.us.es/xmlui/bitstream/handle/11441/12845/file_1.pdf?sequence=1
  • Núñez Cubero, L. y Romero, C. (2004). La educación emocional a través del lenguaje dramático. Addenda a la II Ponencia: Los lenguajes de las Artes. Escenas y Escenarios en Educación, XXII-Site-Sitges Conference.
  • Núñez Cubero, L.; Bisquerra Alzina, R.; González Monteagudo, J. y Gutiérrez Moar, M.C. (2006). Emociones y educación: una perspectiva pedagógica. En J.M. Asensio; J. Carrasco García; L. Núñez Cubero y J. Larrosa (Coords.) La vida emocional. Las emociones y la formación de la identidad humana (171-196). Barcelona: Ariel.
  • Tejerina, I. (1994). Dramatización y teatro infantil. Dimensiones psicopedagógicas y expresivas. Madrid: Siglo XXI.