Construindo lembranças inesquecíveis ao seu lado

07 Agosto, 2018
As recordações de uma mãe são memórias perpétuas. Não há quem diga que uma mulher não é capaz de recordar cada detalhe do nascimento de seu filho, da primeira vez que o viu, quando o segurou no colo ou quando o amamentou.
 

As vezes que trocou as fraldas, quando deu de comer, o banho, a ida ao parque de diversões, um beijo ou um abraço… qualquer momento tem seu valor para ser lembrado. Até o mais simples deles pode ser o que precisamente se memorize durante os próximos anos.

Ela, como uma verdadeira escritora, deixa registrado tudo que viveu e vive ao lado do filho. Por isso, não há quem duvide que a mãe é um ser especial, de uma memória afetiva prodigiosa. Certamente, alguém que é capaz de fazer evocações ou construir lembranças inesquecíveis sobre a maternidade, o nascimento e a infância de seu filho.

Minhas lembranças inesquecíveis…

Os chutes na barriga eram um sinal de que você estava lá

No âmbito da memória, uma das primeiras recordações que pode ser um verdadeiro tesouro para uma mãe é o momento dos chutinhos de seu bebê. É um momento insólito quando seu filho começa a se mexer pela primeira vez mediante uma leve vibração e uma cãibra ao mesmo tempo, que com o passar das semanas, e para surpresa e alegria, começam a se tornar mais fortes.

A mulher vê sua barriga oscilar, quando o bebê se mexe de um lado para o outro. O pequeno gira como um redemoinho, enquanto “nada” dentro do líquido amniótico.

lembranças inesquecíveis
 

As recordações desse período não são esquecidas. Em certas ocasiões, ela pode imaginar se vendo com a barriguinha grande e até sentir os incômodos que sentia quando seu filho se colocava debaixo de suas costelas. Ou quando se “chateava” de tal forma que eram chutes para lá e para cá, e ela se encostava nas costas do pai para que ele também pudesse apreciar o momento e receber a mensagem de felicidade, vida, boa saúde, energia, esperança e amor que seu filho lhes dava.

Em nenhum outro olhar encontrarei o que via em seus olhos

Os olhares de um filho que ama a sua mãe são magníficos. Quando ele consegue enxergar o rosto de sua mãe, fica quietinho observando seus detalhes. De repente, encontra seus olhos e os observa com surpresa, calma, alegria e amor. Esses minutos lhe dão a oportunidade de ver a mulher que ele sempre tem presente, de conhecer o olhar mais puro do mundo para desenhar em sua mente e desfrutar depois.

O olhar de um filho à sua mãe é o registro verdadeiro da devoção entre ambas as partes. Uma relação enriquecedora que alimenta o espírito de ambos os seres.

São recordações inesquecíveis seu sorriso, sua voz, sua carinha, seus pés, suas mãozinhas. Você todo!

A risada de uma criança alegra até a casa mais triste. Ainda mais quando existem motivos para a aflição. Se a criança ri em casa, ela está feliz e, assim, os adultos também encontram o sossego. O sorriso de um filho é alegria que energiza qualquer ambiente.

A voz de uma criança tem uma musicalidade. São cordas vocais vibrando tudo que podem enquanto dois pequenos pulmões deixam sair o ar que a mamãe tanto ama. Aquele ar que ela gosta de sentir sempre de perto.

 
lembranças inesquecíveis

O rostinho de um filho, para a mamãe, é a imagem mais perfeita do mundo. Não existe outra mais linda, vista pelos olhos de seu coração.

Sem dúvida, os pés e as mãos do bebê ficam gravados em várias recordações. Quando levanta as mãozinhas para que o peguem. Sempre que acorda e se espreguiça com esses pezinhos que ficam esticados por alguns segundos e permitem que os dedinhos se separem. Nas muitas vezes que necessita tocar com as mãos e os pés o rosto de sua mãe para se sentir protegido, acompanhado, amado e feliz.

Um filho e os milhares de momentos vividos ao seu lado, certamente, são lembranças inesquecíveis para o bem-estar de sua mamãe; sem dúvida, uma das melhores partes da memória autobiográfica que ela poderá ter na vida.