Dieta para gestantes com sobrepeso

Gestantes com sobrepeso precisam prestar atenção especial à dieta. Neste artigo, vamos contar quais são os aspectos que merecem atenção. Não perca!
Dieta para gestantes com sobrepeso

Última atualização: 07 julho, 2022

A dieta para gestantes com sobrepeso consegue melhorar o desenvolvimento do feto. Ao mesmo tempo, reduz a incidência de certas patologias metabólicas complexas que podem colocar em risco a saúde das mulheres e seus filhos.

Por isso, vamos apresentar dicas nutricionais para que você saiba quais pontos observar e quais nutrientes é importante fornecer ao corpo nessa fase.

Antes de começar, devemos dar uma especial ênfase à necessidade de manter um bom estado de composição corporal ao longo da vida. Em algumas ocasiões, o sobrepeso e a obesidade são causados por condições genéticas, mas na maioria das vezes é um estado influenciado por questões ambientais. E isso pode ser resolvido com algumas mudanças de hábitos.

Continue lendo e descubra como combater o excesso de peso durante a gravidez.

Dieta normocalórica para gestantes com sobrepeso

Durante a gravidez, recomenda-se seguir uma dieta levemente hipercalórica para atender às necessidades da mãe e do feto em desenvolvimento.

No entanto, no caso de uma mulher com sobrepeso, este não deve ser necessariamente o caso. De fato, nesse contexto, pode-se propor um menu equilibrado ou ligeiramente deficiente em termos energéticos, uma vez que as reservas de tecido adiposo podem garantir que a demanda extra seja satisfeita.

“Comer por dois” não é um padrão saudável durante a gravidez. Na verdade, no caso de mulheres com sobrepeso, pode ser bastante prejudicial.

Ingestão de proteínas por gestantes

Apesar das calorias, o que é necessário enfatizar no caso das gestantes é a ingestão de proteínas. Em certas fases da vida, as demandas são altas, como evidenciam pesquisas publicadas na revista Annals of Nutrition & Metabolism. A gravidez seria uma delas e nessa fase é fundamental ter incluído na dieta os aminoácidos essenciais e, idealmente, alimentos de origem animal.

Açúcar e gordura na dieta da gestante com sobrepeso

Outro ponto fundamental da dieta para gestantes com sobrepeso é a ingestão de carboidratos. Esses nutrientes são fundamentalmente energéticos, mas têm sido associados ao desenvolvimento de patologias metabólicas complexas, especialmente os do tipo simples.

De acordo com um estudo publicado na revista Current Diabetes Reports, considerando que as mulheres com sobrepeso correm maior risco de diabetes gestacional, o consumo excessivo desses nutrientes é preocupante.

Talvez a melhor das alternativas não seja a supressão desses nutrientes do menu, mas sua otimização. Não é necessário que os carboidratos estejam presentes em todas as refeições. Caso estejam, os carboidratos complexos devem ser priorizados. Isso porque eles têm uma elevada percentagem de fibra no seu interior, retardando sua digestão e reduzindo seu impacto na glicemia.

Por fim, devemos falar sobre gorduras. O que a gestante com sobrepeso deve evitar é a ingestão de ácidos graxos do tipo trans. Esses nutrientes não têm funções positivas no corpo e apenas aumentam os níveis de inflamação e oxidação no ambiente interno.

Pelo contrário, é necessário promover a contribuição de lipídios poli-insaturados, como é o caso do ômega-3. Esses compostos favorecem o desenvolvimento do sistema nervoso central do feto e presume-se que possam reduzir a incidência de alergias no futuro.

grávida é pesada balança balança barriga barriga
Estar acima do peso durante a gravidez é uma situação de risco para a saúde da mãe e do bebê. É por isso que esse estado deve ser monitorado de perto e evitado o máximo possível.

Otimize a dieta para gestantes com sobrepeso

Como você viu, é fundamental otimizar a alimentação das gestantes, principalmente quando estão acima do peso antes ou durante a gravidez. Caso contrário, podem se desenvolver patologias metabólicas que podem colocar em risco a saúde de ambos ao longo dos anos.

Além disso, quando a mãe está acima do peso de forma não controlada, o feto pode se desenvolver com algumas alterações físicas ou no funcionamento do seu metabolismo.

Por fim, não esqueça que é conveniente promover juntos uma série de bons hábitos, além de manter uma alimentação saudável. A atividade física regular é importante, mesmo durante a gravidez. Será necessário apenas adaptar a carga à situação específica, mas não é uma boa alternativa parar de treinar completamente.

Pode interessar a você...
Conheça as 7 vitaminas e minerais que uma gestante precisa
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Conheça as 7 vitaminas e minerais que uma gestante precisa

Vitaminas e minerais importantes durante a gravidez são ácido fólico, vitamina D, C e B12, ferro, cálcio e iodo.



  • Richter, M., Baerlocher, K., Bauer, J. M., Elmadfa, I., Heseker, H., Leschik-Bonnet, E., Stangl, G., Volkert, D., Stehle, P., & on behalf of the German Nutrition Society (DGE) (2019). Revised Reference Values for the Intake of Protein. Annals of nutrition & metabolism74(3), 242–250. https://doi.org/10.1159/000499374
  • Yoshida, Y., & Simoes, E. J. (2018). Sugar-Sweetened Beverage, Obesity, and Type 2 Diabetes in Children and Adolescents: Policies, Taxation, and Programs. Current diabetes reports18(6), 31. https://doi.org/10.1007/s11892-018-1004-6