O que é a disciplina consciente

11 Junho, 2020
Você sabe o que é e do que trata a disciplina consciente? Você precisa conhecer esse tipo de disciplina para aplicá-la na educação dos seus filhos.

A disciplina consciente não é um tipo de disciplina que simplesmente está na moda, e sim um tipo de disciplina necessária para a boa educação das crianças. Como pais, queremos fornecer aos nossos filhos as ferramentas necessárias para que eles tenham uma vida feliz e saudável.

A criação dos filhos mudou desde a época da nossa infância. Temos acesso a mais recursos e informações sobre a educação dos filhos do que os nossos pais tinham quando fomos criados. Uma filosofia e recurso para os pais que está tendo um impacto extremamente positivo, tanto para as crianças quanto para os adultos que a apoiam, é a chamada disciplina consciente.

O que é a disciplina consciente?

É reconhecida como um dos melhores programas socioemocionais disponíveis tanto para as escolas quanto para os pais. A disciplina consciente é um programa socioemocional que ensina as crianças a regular e gerenciar as emoções para que possam tomar decisões seguras e saudáveis.

No entanto, ela foca primeiramente nos pais. Isto é: para ajudar melhor os nossos filhos com essa abordagem, precisamos primeiramente fazer o trabalho em nós mesmos e com as nossas próprias emoções. Somente dessa maneira seremos capazes de ajudar as crianças a sentir e a trabalhar as emoções.

Disciplina consciente versus disciplina tradicional

A disciplina consciente adota uma abordagem muito diferente da disciplina que podemos ter experimentado durante a nossa própria infância. Tem mais a ver com conexão do que com punição.

a disciplina consciente

Quando pensamos em como os pais tradicionalmente reagiam às grandes emoções que as crianças sentem e expressam, podemos nos lembrar de reações que iam desde ficar com raiva até minimizar os sentimentos e preocupações.

A disciplina consciente ensina os adultos a controlar as próprias respostas emocionais com as crianças para que possam estar no momento presente e conectar-se com o pequeno para trabalhar em conjunto através dos sentimentos da criança.

Dra. Becky Bailey, escritora, educadora e criadora da disciplina consciente, analisa como os pais devem repensar a disciplina e controlar a si mesmos antes de lidar com o comportamento dos filhos. É preciso uma mudança de mentalidade em relação a como fomos criados para não pensarmos na disciplina como punição, e sim como uma oportunidade para ensinar habilidades perdidas.

Os pais usam as ferramentas para controlar as suas emoções e, por sua vez, transmitem essa calma para os filhos. As habilidades que essa disciplina ensina vão garantir que a criança permaneça conectada aos pais enquanto eles a ensinam e orientam.

Com base em pesquisas sobre o cérebro humano e sobre o desenvolvimento infantil, a disciplina consciente foi pensada para fazer mudanças na vida dos adultos e, depois, na das crianças. Portanto, essa abordagem pode ser realmente benéfica para toda a família.

Por que usar a disciplina consciente em casa?

Às vezes, a disciplina usada na criação dos filhos pode nos fazer sentir frustrados ou descontrolados. Podemos até mesmo sentir que estamos falhando como pais. Se alguma dessas situações ocorre na sua casa, então a disciplina consciente é necessária para a educação dos seus filhos:

a disciplina consciente

  • Lutas pelo poder.
  • Desobediência.
  • Ataques verbais.
  • Intimidação.
  • Agressão física.
  • Dificuldade para manter o filho focado na tarefa.

Esse tipo de disciplina pode eliminar a frustração e os sentimentos de impotência desses momentos cotidianos da educação e transformá-los em momentos de ensino.

Quais são as sete habilidades da disciplina?

De acordo com a disciplina consciente, existem 7 habilidades que os adultos precisam sentir como poderes, tendo consciência delas e da sua importância para a educação:

  1. Calma.
  2. Coragem.
  3. Assertividade.
  4. Opções.
  5. Empatia.
  6. Tentativa positiva.
  7. Consequências.

As consequências na disciplina consciente

Na disciplina tradicional, geralmente há consequências, mas esse tipo de disciplina tem uma abordagem diferente. A disciplina consciente primeiramente fornece à criança uma sensação de segurança, compaixão e conexão.

Quando nós, como adultos, mantemos o controle das nossas emoções e usamos as sete habilidades, modelamos as habilidades que esperamos ensinar.

Adultos e crianças não apenas podem se sentir melhor e aprender uns com os outros nesses momentos de ensino, como também podemos fornecer aos nossos filhos uma base para aprender e crescer como pessoas em um nível diferente. Uma criança com habilidades socioemocionais pode aprender qualquer coisa. 

Portanto, o uso de ferramentas de disciplina consciente não apenas ajudará o seu filho a obter inteligência emocional, como também vai prepará-lo para o sucesso no ambiente escolar.

Criar um local seguro

Criar um local seguro para o seu filho é um componente essencial da disciplina consciente. Um local seguro NÃO é um “cantinho da disciplina”. Pelo contrário, é um espaço designado ao qual você vai com o seu filho para ajudá-lo a mudar o estado interno dele de irritado para centrado.

a disciplina consciente

Esse espaço pode ser algo como um canto aconchegante, um pufe ou um tapete macio. Nele, incentive o seu filho a respirar ou a usar uma ferramenta relaxante. É um lugar para praticar a liberação das grandes emoções e é um espaço que você pode incentivar o seu filho a visitar quando ele se sentir triste, zangado ou frustrado.

Estratégias de disciplina consciente

Quais são algumas estratégias de disciplina consciente que os pais podem experimentar imediatamente? Confira algumas ideias:

  • Modele o comportamento que você gostaria de ver no seu filho. Mostre autocontrole em momentos difíceis ou quando o comportamento infantil te provocar.
  • Dedique tempo suficiente para compreender o estágio do desenvolvimento no qual o seu filho está, para que você possa ver as coisas a partir da perspectiva dele.
  • Diga às crianças o que você espera delas, em vez de dizer o que elas não devem fazer.
  • Quando as crianças são mandonas ou cruéis com os outros, sempre dê atenção primeiramente à vítima para capacitá-la e para que ela possa aprender a lidar com a situação. Depois, dirija-se à criança que está agindo de forma cruel e ajude-a a praticar limites claros e se comunicar de uma maneira mais útil.
  • Quando as crianças parecem não te ouvir, não grite com elas para chamar a sua atenção. Dirija-se a elas e mantenha contato visual para formar uma conexão.
  • Quando você ajuda o seu filho a desenvolver habilidades socioemocionais por meio da disciplina consciente, você está equipando-o com ferramentas que podem ajudá-lo a prosperar e aprender. Com essa disciplina, a sua casa será muito mais harmoniosa e vocês se sentirão bem uns com os outros.