É bom que as crianças assistam muita televisão?

Se o seu filho passa muito tempo na frente da televisão e você não sabe qual deve ser a sua postura como mãe, este artigo pode ajudar. Nós vamos contar mais sobre essa atividade de lazer: o lado positivo, o negativo e como controlar esse hábito.
É bom que as crianças assistam muita televisão?

Última atualização: 08 Julho, 2019

Muitos pais reclamam que os filhos ficam grudados na tela da televisão por horas. Será que é realmente um motivo de preocupação? Afinal, é bom que as crianças assistam muita televisão?


O desenvolvimento de uma criança envolve a prática de habilidades motoras e a interação com objetos e outras pessoas. No entanto, quando a criança se entretém com qualquer programa ou série de televisão, ela tem uma atitude passiva, fica capturada pela sequência de imagens que aparece na tela.

Assim, a televisão pode ser responsável pelo atraso do desenvolvimento psicomotor, pela diminuição da atenção e pelo desenvolvimento de ansiedade. Apesar disso, pode ser um ótimo meio de entretenimento e educação, desde que seja disponibilizada no momento certo e em condições adequadas.

Em muitos casos, a televisão é um dos passatempos favoritos dos pequenos. Infelizmente, se os pais não controlarem, as crianças tendem a gastar muito mais tempo na frente da tela do que em outras atividades culturais, recreativas ou esportivas.

Quanto tempo de televisão é recomendável assistir?

Os pediatras recomendam seguir algumas orientações em relação ao tempo que as crianças devem passar na frente da tela. Veja alguma delas.

  • Bebês e crianças de até 18 meses. Não é recomendável que assistam televisão.
  • Crianças de 18 a 24 meses. Podem começar com alguns minutos por dia.
Os pais têm o dever de impedir que as crianças assistam muita televisão.

  • Idade pré-escolar. Não é recomendável mais de uma hora por dia de programação educativa. Da mesma forma, essa atividade deve ser acompanhada por um dos pais ou outro cuidador que possa ajudar a criança a entender o que está vendo.
  • Crianças e adolescentes com idades entre 5 e 18 anos. Nessa fase, os pais devem estabelecer limites consistentes sobre tempo diante das telas em geral. Isso inclui televisão, redes sociais e videogames.

É bom que as crianças assistam muita televisão?

Para construir, as crianças precisam interagir com o ambiente. Brincar, desenhar ou conversar são atividades que permitem que elas descubram o mundo ao redor. De fato, elas precisam viver todas essas experiências para garantir o seu desenvolvimento motor, emocional e intelectual.

Certamente as telas acabam afastado as crianças dessas atividades. Por isso, não é bom que elas assistam muita televisão. Na verdade, essa atividade pode interferir na aprendizagem e no desempenho escolar se afetar atividades que são essenciais para o desenvolvimento físico e mental das crianças.

Ademais, passar muito tempo assistindo televisão pode interferir na criatividade e imaginação do pequeno.

Com efeito, estudos consideram que passar muito tempo diariamente diante das telas é cada vez mais considerado como um fator de risco relacionado ao desenvolvimento de doenças, independentemente do conteúdo ou do valor educativo do que a criança assiste.

“Os pais podem ajudar a reduzir os efeitos nocivos da televisão controlando o tipo de programação e limitando o tempo que as crianças passam na frente das telas”.

Por que não é bom que as crianças assistam muita televisão?

Sem dúvida, o excesso de tempo diante de uma tela pode ser negativo. Estas são as razões:

  • Crianças que passam mais de 4 horas por dia assistindo à televisão são mais propensas a ter problemas de excesso de peso.
  • As crianças que veem violência na televisão têm mais probabilidade de mostrar um comportamento agressivo.
  • Da mesma forma, personagens de programas de televisão muitas vezes apresentam comportamentos de risco, como fumar e beber. Além disso, reforçam os papeis de gênero e estereótipos raciais.

Sugestões que você deve considerar

Os pais podem ajudar a reduzir os efeitos nocivos da televisão controlando o tipo de programação, além de limitar o tempo que a criança passa em frente à tela. A seguir, listamos algumas sugestões para ajudar a estabelecer bons hábitos com o seu pequeno:

  • Programe o conteúdo apropriado que a criança verá na televisão. Procure não ligar a TV aleatoriamente.
  • Limite a televisão a 1 ou 2 horas por dia para as crianças com mais de 2 anos.
  • Assista com o seu filho e fale sobre o que acontece.
  • Desligue a TV se você considerar que o programa não é adequado para a idade da criança. Infelizmente, muitos programas que passam durante o dia não são.
  • Você deve dar o exemplo ao seu filho e não assistir muito à televisão na frente dele. Faça e incentive outras atividades, especialmente a leitura.
  • Incentive as brincadeiras e os jogos ou outras atividades divertidas em vez de ver televisão.
  • Limite o uso como recompensa por bom comportamento.
  • Não permita assistir televisão durante as refeições.

Por fim, lembre-se de que não é bom que as crianças assistam muita televisão. Isso porque ocupa o tempo que elas poderiam usar para fazer outras atividades mais positivas para o seu desenvolvimento pessoal. No entanto, quando isso acontecer, mostre como usar a televisão de uma forma inteligente.

Pode interessar a você...
Quanto tempo seu filho pode ficar grudado na frente da televisão
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Quanto tempo seu filho pode ficar grudado na frente da televisão

Nestes tempos digitais, o desafio não é só o tempo que seus filhos passam grudados na frente da televisão, mas também no computador, celular ou tab...