Educar adolescentes: 7 hábitos que devem ser evitados

· 22 de março de 2018
Para educar adolescentes, é preciso paciência, esforço e um bom exemplo. Além de também saber identificar alguns comportamentos que não são convenientes.

Quando se trata de educar adolescentes, você deve ter muito cuidado com as palavras e as ações. Lembre-se de que, nessa fase da vida, as pessoas estão formando seu caráter e decidindo o que querem ser. É preciso evitar ao máximo tanto a indulgência quanto a rigidez para que os adolescentes tenham um comportamento equilibrado.

Mesmo que você queira que seu filho não sinta nenhum tipo de desconforto ou sofrimento, ambos são indispensáveis. Por quê? Porque você não estará para sempre ao lado dele para proteger e defender. Portanto, não poderá evitar as dores para sempre. A vida adulta é cheia de obstáculos e as crianças devem estar preparadas. Ensine seus filhos a se defenderem sozinhos.

Os erros mais comuns quando se trata de educar adolescentes

1.- Fazer os filhos acreditarem que são o centro do universo

Com certeza seus filhos são a coisa mais importante da sua vida. E não tem problema demonstrar seu amor a eles. No entanto, uma criança que, mais do que amada, é praticamente idolatrada cresce pensando que o mundo gira ao seu redor.

Ame o tanto que você puder e como quiser, mas evite que sejam criados na base do egoísmo e do complexo de superioridade. Assim, você os ajudará a ter uma autoestima sólida, mas com os pés no chão.

2.- Pensar que seus filhos são perfeitos

Os conselheiros escolares e os docentes são testemunha de que os pais não querem ouvir nada negativo relacionado aos filhos. A reação de um pai ao saber alguma coisa que não esperava pode ser atacar quem o informa. Receba abertamente as opiniões das outras pessoas que convivem com seus filhos.

O melhor que você pode fazer pelos seus filhos adolescentes é escutar desde o início para que a situação não se complique ainda mais. As crianças ainda estão construindo sua identidade. Assim, ainda há tempo para ajudá-las a corrigir alguns comportamentos.

educar adolescentes

3.- Viver através dos filhos

Os filhos não são extensões dos seus sonhos e das suas expectativas. Eles têm suas próprias metas, desejos e aspirações. Comemore o sucesso deles, mas não pressione.

Cada coisa que fizerem deve estar direcionada a lutar pela própria felicidade, e não aumentar a satisfação dos pais. Os filhos adolescentes não são segundas oportunidades para os pais. Eles são seres autônomos que devem trilhar o próprio caminho.

4.- Agir como se fosse seu melhor amigo

Um dos grandes problemas da sociedade atual é que muitos pais não se comportam como pais e não estão aptos a educar adolescentes. O desejo de receber amor e aceitação por parte dos filhos faz com que o papel de pai e mãe acabe se confundindo.

Tenha em mente que é normal que seus filhos às vezes fiquem bravos com você e não estejam de acordo com as suas decisões. A permissividade deve ser evitada ao máximo se você quer ensinar respeito aos seus filhos.

“A superproteção é muito perniciosa porque gera pessoas dependentes e às vezes muito tirânicas porque crescem pensando que o mundo gira ao redor delas, que são os reis da casa, e não mais um membro de uma família.”
-Javier Urra-

5.- Perder o tempo em família

Não há nada mais enriquecedor para uma família que passar tempo de qualidade junto. Embora os horários de trabalho e escola, o cansaço e as tarefas domésticas dificultem, sempre é preciso encontrar uma maneira.

A parte boa de seus filhos serem adolescentes é todo o caminho que já percorreram para chegar até essa fase. Um pai ou uma mãe presente é o melhor presente que você pode oferecer.

6.- Esquecer da importância do bom exemplo

As atitudes falam mais do que as palavras. Os pais têm a difícil tarefa de ser o exemplo das atitudes que exigem dos filhos. Se você quer que seu filho seja a melhor versão de si mesmo, esse é o momento para você também começar a ser. Lembre-se de que eles te observam permanentemente e aprendem com tudo que você faz.

educar adolescentes

7.- Evitar que passem por adversidades

Para que uma criança ou adolescente tenha caráter, confiança, resiliência e persistência, precisa superar seus próprios desafios. Cada dificuldade superada na vida diária agrega valores na vida da pessoa. A satisfação de se sentir capaz e independente, fará com que a criança ou o adolescente se torne um adulto bem-sucedido e forte.

No longo caminho de educar adolescentes, nos deparamos com grandes desafios. Embora não exista uma única maneira de fazer as coisas, evitar esses erros vai levar você por um caminho mais seguro. Acompanhe seus filhos em uma das fases mais bonitas e difíceis das suas vidas.