Estrear como pais aos 70 anos

15 Agosto, 2018
Recentemente a opinião pública mundial se surpreendeu com a notícia de um casal indiano que teve seu primeiro filho depois de 46 anos de casamento, no momento em que ambos os pais tinham mais de 70 anos de idade.

A surpresa foi gerada não só pela idade dos pais, mas também por se tratar de uma mãe de primeira viagem.

No mundo, ocorrem milhões de nascimentos todos os dias. Mas nem todos com tantos elementos que dão muitas notícias. O que para a maioria dos casais é algo normal e consolidado, para outros é muito difícil; pois ter filhos não é algo fácil e os tratamentos nem sempre são eficazes.

Esses cidadãos de origem indiana estrearam como pais aos 70 anos de idade, depois tentar naturalmente por mais de quarenta anos. Daljinder Kaur, é, quem sabe, a mãe de primeira viagem mais velha que temos conhecimento. Em abril, ela deu à luz Armaan, produto de um processo de fertilização em vitro.

Um sonho realizado

Para a cultura indiana, um casal estéril é muito mal visto. De acordo com as crenças dessa cultura, trata-se de um castigo divino. Por causa disso, Daljinder Kaur e Mohinder Singh Gill sentiram vergonha pro não poderem ser pais por mais de quarenta anos casados. As tentativas foram inúteis por muitos anos e embora parecia que tinham perdido as esperanças, finalmente conseguiram realizar o sonho deles.

Ao que parece, é um fato bastante comum nesse país que as mulheres se tornem mães depois dos sessenta anos de idade. Inclusive, em outras partes do mundo, isso também já aconteceu. No entanto, no caso desse casal, os próprios médicos desconfiavam dos resultados que deram positivo para a eficácia da fertilização.

aos 70 anos

Depois de vários testes, os especialistas concluíram que o casal estava em ótimas condições para tentar uma fertilização em vitro utilizando seus próprios gametas. Uma clínica local se encarregou de processar o óvulo e o esperma do casal por meio de um tratamento de fertilização que acabou tendo um resultado bem-sucedido.

O bebê nasceu saudável, pesando aproximadamente dois quilos e trazendo alegria aos pais. A partir de agora, a vida dos pais de primeira viagem aos 70 anos se transformou. Eles perderam a vergonha, sentimento que invadia seus corações, e estão dispostos a usar toda a energia deles na criação de seu pequeno filho.

Pais aos 70 também enfrentam críticas

Daljinder Kaur teve que se defender das críticas sobre sua idade para ter seu primeiro filho, argumentando que tem energias suficientes para criar sozinha o filho. Além disso, garante que não é tão velha. Quanto ao papel de seu marido, a mãe de primeira viagem afirma que ele é muito dedicado e vai colaborar no que puder.

Apesar dos ataques, o casal garante que se sente completo finalmente. Eles se sentem agradecidos pela bênção que chegou às vidas deles, depois de tanto pedir por isso em orações. Embora eles pudessem ter tido o filho por meio de outras alternativas, dizem que se sentem abençoados por terem podido ter um filho por eles mesmos, assim como queriam.

aos 70 anos

De acordo com os costumes desse país, a maioria das pessoas não têm certidão de nascimento que especifique a real data de nascimento. Pelo que se sabe Kaur e seu marido têm 72 e 79 anos de idade, respectivamente. Nesse sentido, tanto especialistas como o público em geral fizeram duras críticas pela idade em que esse casal estreou como pais.

A ética da clínica que tratou o caso, a dos especialistas e a dos próprios progenitores foi questionada, pois existe certo ceticismo sobre se é certo ou não permitir que casais com idade avançada se tornem pais. Sobre esse tema, o secretário-geral da Sociedade de Fertilidade da Índia afirmou que, na verdade, a lei determina a idade das mulheres que podem se submeter a esse tipo de tratamento.