A importância de ensinar às crianças o valor da sinceridade

· 5 de fevereiro de 2018
Os castigos e as broncas nem sempre são eficientes na hora de tentar fazer as crianças pararem de mentir. Como pais, devemos ensinar lhes desde cedo a importância e os benefícios de sempre dizer a verdade.

Entre o castigo e as pequenas mentiras está dizer a verdade para os nossos filhos. Isso é simples: se para corrigir às vezes castigamos, as crianças vão preferir dizer alguma mentira para escapar dos castigos. Claro que um dos nossos deveres como pais é ensinar às crianças o valor da sinceridade. Além de tudo, isso pode determinar o futuro dos nossos pequenos.

O assunto não é tão simples quanto parece. Ensinar as crianças a serem transparentes não é a mesma coisa que ensinar a amarrar o cadarço. São muitos os fatores que influenciam nos aprendizados valorativos das crianças.

Mas talvez essa seja a lição mais importante. Por isso devemos nos nutrir de paciência e, mesmo que você não acredite, existem algumas dicas úteis para ensinar às crianças o valor da sinceridade.

Por que as crianças mentem?

A primeira coisa que precisamos entender é que as crianças não mentem pelos mesmos motivos que os adultos. Os psicólogos infantis enumeraram as razões pelas quais as crianças se utilizam do recurso da mentira. Conseguir coisas e chamar a atenção são as primeiras opções.

Claro que elas fazem isso sem ter uma moral definida.  Outra razão bastante comum é para evitar um castigo por parte dos pais. Talvez esse seja o motivo com o qual devemos ter mais cuidado. Muito rigor pode criar pessoas mentirosas.

valor da sinceridade

Também pode acontecer de as crianças confundirem um pouco a realidade com fatos fantasiosos. Por fim, outro motivo com o qual devemos ter cuidado é a imitação. Se uma pessoa importante começa a mentir, sem dúvida alguma as crianças vão repetir.

Quando começamos a ensinar sobre mentira e verdade?

Outro aspecto importante é que nosso ensinamento sobre valor não pode começar antes dos 3 anos de idade. Na verdade, nesse momento as percepções dos nossos pequenos e seus conceitos ainda não são suficientes. Por essas razões, nosso dever é trabalhar nisso.

Mas quando a criança completar 3 anos, o correto é ser intensivo e cuidadoso em relação ao tema. O segredo reside não apenas no que ensinamos, mas na análise que fazemos do comportamento da criança.

Isso vai nos permitir inicialmente identificar as razões particulares pelas quais a criança está mentindo. Apenas com uma análise objetiva poderemos trabalhar o problema desde o começo da formação do critério da criança.

Mais importante que castigar a mentira é premiar a verdade

O estímulo é positivo para qualquer tipo de aprendizagem infantil. Por isso, quando a criança diz a verdade, o correto é premiar para que ela associe a sinceridade com algo positivo. Isso vai ajudar a criar um ambiente de confiança dentro do núcleo familiar.

E, claro, é preciso repreender quando as mentiras forem ditas, mas nossos castigos e nossas broncas devem ser bem orientados e moderados. Rotular as crianças de mentirosas pode ser muito negativo. Afinal de contas… o objetivo não é fazer nossos filhos confiarem em nós?

O tema da verdade e da mentira vai mais além de uma disciplina ou uma postura moral. Trata-se mais de confiança e apoio mútuo para enfrentar os desafios unidos.

valor da sinceridade

Ensinar às crianças o valor da sinceridade: a importância de dizer a verdade

Com o passar do tempo, a ideia é que as crianças compreendam o valor de dizer a verdade. A primeira coisa é mostrar que dizer mentiras nos impede de ajudá-las da melhor maneira possível. Nesse sentido, ser sincero é dar e sentir proteção.

A questão da confiança é um tema essencial. Se expressarmos nosso orgulho quando confiamos mutuamente e premiarmos essa configuração, elas vão entender a mensagem. Porque, na verdade, se trata de a criança interiorizar que pertence a uma família que a protege.

Além disso, se formos autênticos, elas também serão. Partindo desse pressuposto, devemos evitar que nossos filhos nos escutem dizer mentiras, contradições ou disparates. Os pais são a imagem que as crianças vão seguir. Assim, tudo vai depender, em grande parte, do nosso próprio desempenho.

Ninguém disse que seria simples ensinar às crianças o valor da sinceridade. A verdade é que se perdermos as estribeiras, podemos gerar o efeito completamente oposto. Tolerância, paciência e confiança são nossas melhores armas para atingir esse objetivo.