Dicas para que as “broncas” realmente sirvam para alguma coisa

· 11 de maio de 2017

Dicas para que as broncas não sejam somente repreensões, mas também uma forma de educar. Aqui damos algumas dicas para que as “broncas” realmente sejam benéficas à educação de seus filhos.

A disciplina é fundamental para que os filhos se transformem em pessoas de bem. Alguns pais parecem acreditar que a disciplina implica em um tratamento severo, que inclui ameaças, insultos e humilhações. Entretanto, disciplina combinada com crueldade não educa nem corrige as crianças. Ao contrário, deixa claro que os pais devem repreender com amor.   Certamente, em algumas ocasiões talvez você tenha que impor algum castigo. Mas, mesmo nesses casos, seu filho sempre deve entender o motivo.

O mais importante para repreender um filho é demonstrar que você deseja o melhor para ele como filho e, por isso o está repreendendo. Muitos pais não explicam porque estão chamando a atenção dos seus filhos. Dessa forma, a criança, ao não entender a situação, se revolta e busca orientação com outras pessoas, às vezes colegas da escola, amigos ou vizinhos.

Não há uma dica mágica para que as broncas sejam efetivas. Mas, como tudo na vida, a soma de muitas coisas atinge o resultado desejado e mais efetivo.   Quais são alguns pontos-chave para que as “broncas” realmente sirvam para alguma coisa?

broncas2

Conheça alguns pontos-chave

  • Pais unidos: os filhos notam a tensão dos pais quando se toma uma decisão. Por exemplo: pode ser que a mãe repreenda seu filho por não terminar a tarefa, não pegar a roupa do chão, não limpar o quarto, etc… O pai, ao invés de apoiar a decisão da mãe, dá desculpas e, inclusive, insinua que ele mesmo também não cumpre suas tarefas. Assim, a bronca vai passar despercebida. Por isso, vocês devem se apoiar na disciplina.
  • Tome o controle: demonstre quem é a chefe da casa, e que você está no controle.
  • Seja clara e direta: não é preciso maquiar as ordens. Senão você vai confundir a criança. Exemplo: “Meu amor, você quer arrumar seu quarto, por favor?”. A bronca deve ser clara e firme para a criança entender o que precisa fazer e o que não precisa.
  • Seja firme: depois de dar uma bronca porque seu filho fez algo errado ele vai fazer uma cara de bonzinho, tentando apelar para os seus sentimentos e evitar o castigo. Não permita que ele faça isso.  Se não você vai perder o controle e suas broncas vão perder o efeito.
broncas

  • Disciplina: a disciplina é a instrução de uma pessoa com o objetivo de fazer a criança aprender a obedecer e a se controlar por meio de regras e de castigos. Certamente, você nunca deve ser irracional ou maltratar uma criança. Mas se você não a castigar de acordo com o que fez, ela nunca vai melhorar.
  • Seja carinhosa: a família não é uma democracia nem uma ditadura. A disciplina faz parte do processo de educação. Se você disciplina seu filho com carinho, você vai ajudar para que ele seja obediente e se sinta seguro e querido.
  • Não repreender sempre: os pais não querem parecer ogros nem desejam que a casa, ao invés de ser um lugar aconchegante, seja uma confusão o tempo todo. Ao invés de repreender imediatamente é preciso tirar um tempo para relaxar um pouco antes de falar ou repreender seus filhos.

As broncas devem ser firmes e claras. Além de representar quem está no controle e demonstrar que são benéficas tanto agora como para o resto da vida da criança. As broncas vão estar presentes no colégio, no trabalho e na família, sempre que estejam voltadas ao propósito de melhorar o rendimento da criança. É graças às broncas que observamos que estamos fazendo algo da forma errada. Todos nós erramos e precisamos de repreensões.

Não se dedique somente a dar broncas, mas também a educar, ensinar, corrigir e disciplinar com amor. Dessa forma, seus filhos vão crescer em um lar seguro, estável e com regras, e não vão pensar que é impossível agir da forma correta nem vão se sentir rejeitados. Caso contrário, as crianças poderão pensar que sempre que errarem vai haver alguém para corrigi-las. Se a situação ocorrer da forma correta, as broncas terão um efeito duradouro e efetivo.

Muitos pais não tiveram uma educação com amor. Por isso não sabem como repreender sensatamente, mas nunca é tarde para mudar. Portanto, analise a situação, corrija, e siga em frente.