Móveis para o quarto do recém-nascido

26 Maio, 2020
Escolher os móveis para o quarto do recém-nascido não é algo que deva ser feito de qualquer jeito. E, embora existam muitas opções, sempre é recomendável comprar o básico e, se necessário, incluir mais coisas depois.

Quando descobrimos que vamos ser pais, muitas dúvidas começam a surgir. Uma delas é: onde o bebê vai dormir? Embora seja verdade que, a princípio, o berço ficará ao lado da cama da mãe, também é bom que o bebê tenha um espaço próprio. A seguir, vamos listar quais são os principais móveis para o quarto do recém-nascido.

Móveis para o quarto do recém-nascido: orçamento

Chegou a hora de preparar tudo para a chegada do bebê e, é claro, queremos que tudo seja perfeito. Quando fazemos contas e pesquisamos os preços dos berços e outros móveis, percebemos que o orçamento é muito mais caro do que o planejado.

Não há necessidade de se preocupar ou ficar chateado, pois essa fase é uma das mais bonitas para os futuros pais. Embora os produtos para bebês geralmente sejam mais caros do que os produtos para adultos, temos a opção de reduzir os móveis ao máximo ou de pesquisar em lojas diferentes. Você certamente encontrará algo que esteja de acordo com a sua renda ou economias!  

A escolha e a disposição dos móveis para o quarto do recém-nascido não deve ser uma tarefa estressante ou cansativa, muito pelo contrário. Por isso, para começar, recomendamos que você escolha apenas o básico. Se precisar de outras coisas depois, adicione aos poucos à decoração.

Já são muitas as necessidades de um bebê para termos que nos preocupar se há uma estante ou armário a mais. As pessoas que compram todos os tipos de móveis depois percebem que eles não eram de importância vital e que poderiam ter usado esse dinheiro para outras coisas.

Além disso, é aconselhável comprar móveis ou objetos que possam ser adaptados posteriormente. Isto é, que tenham a alternativa de serem aumentados conforme o pequeno for crescendo – e isso acontece mais rápido do que você imagina!

Móveis para o quarto do recém-nascido

Quais móveis escolher para o quarto do recém-nascido?

Pode-se dizer que existem elementos que não podem faltar no quarto do seu bebêTodo o restante são acessórios ou elementos adicionais que dependerão do orçamento, do espaço e dos gostos dos pais. Em resumo, esses são os móveis considerados ‘básicos’ para o quarto do recém-nascido:

1. Berço

Sem dúvida, o bebê terá que dormir em um lugar que esteja de acordo com as suas necessidades. Mas cuidado: nas lojas, existem centenas de opções e tamanhos, além de outras ‘comodidades’ e designs que podem aumentar bastante o preço.

Você não precisa comprar um moisés ou berço para as primeiras semanas. O melhor é comprar algo que possa ser transformado em uma cama posteriormente. Enquanto o bebê for pequeno, existem algumas ‘barreiras’ muito eficazes que impedem a criança de se ‘perder’ em um berço tão grande.

Algumas outras dicas para o berço: o espaço entre as barras não pode exceder seis centímetros, a altura deve ser ajustável e, apesar de robusto, é melhor que ele seja leve.

2. Trocador de fraldas

É verdade que você pode trocar o bebê em qualquer lugar, mas sem dúvida você vai agradecer por ter um trocador para evitar ter que se inclinar tanto. Existem muitos tipos e modelos, mas recomendamos aqueles que podem ser colocados em cima do berço.

Você não precisa removê-lo e colocá-lo sempre que for trocar a fralda da criança, pois ele pode ser fixado no pé do berço, usando a outra parte para acomodar o bebê enquanto ele estiver dormindo. Segurança, estabilidade e conforto são as três condições que um trocador deve atender.

Móveis para o quarto do recém-nascido

“Muitos pais que compram todos os tipos de móveis depois percebem que eles não eram de importância vital e que poderiam ter usado esse dinheiro para outras coisas.”

3. Cômoda para o armazenamento das roupas

Um guarda-roupa, uma cômoda ou um móvel com gavetas é muito importante para guardar todas as roupas e fraldas do pequeno. Existem modelos especiais para quartos de bebê, com gavetas e cabides projetados para o tamanho dele. No entanto, é melhor comprar um que possa ser usado quando ele se tornar uma criança ou adolescente.

Além de um guarda-roupa, pode ser muito útil instalar prateleiras para colocar coisas pequenas ou cotidianas, tais como itens de higiene pessoal ou até mesmo alguns bichos de pelúcia que também podem servir como decoração.

Por fim, não é essencial, mas seria muito útil ter uma poltrona, um sofá ou uma cadeira de balanço no quarto do bebê para que você possa colocá-lo para dormir, amamentá-lo e embalá-lo sem precisar sair desse espaço tão pessoal.

Lembre-se de que os móveis para o quarto do recém-nascido são mais caros e que o seu uso é bastante curto. Por isso, recomendamos que eles sejam comprados de olho no futuro.