Escutar música ajuda seu bebê a aprender a falar mais rápido

· 7 de setembro de 2017

O estímulo auditivo e o desenvolvimento da linguagem estão diretamente relacionados. O ouvido é uma janela que permite estimular, de muitas formas, o desenvolvimento da fala do bebê. A música é uma delas, pois permite e incentiva a aprender a identificar sons, a cantar músicas e a realizar atividades.

Existem muitos estudos científicos que indicam que a música estimula positivamente as crianças. Um deles, feito pelo Departamento de Psicologia da Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos, concluiu que o aprendizado musical e o desenvolvimento da linguagem operam mecanismos similares.

Outro estudo realizado na Universidade de Washington, em Seattle, nos Estados Unidos, atestou que as crianças que estão mais expostas a padrões musicais durante o dia, aumentam os níveis cerebrais nas zonas relacionadas à fala. Os cientistas perceberam que a exposição à música melhorou a capacidade das crianças de prestarem atenção a padrões de sons, habilidade importante para o início da fala.

A música estimula positivamente a criança

A música traz benefícios para o seu filho desde antes dele nascer, e depois de nascido, muito mais. A música chama muito a atenção da criança, por isso ela é usada como uma ferramenta terapêutica. 

Um dos melhores recursos para ajudá-la a falar é cantando músicas com ela, segundo destacou em uma entrevista publicada na Internet, a logopedista e psicopedagoga Claustre Cardona, membro da Associação Espanhola de Logopedia, Foniatria e Audiologia.

Essa especialista assegura que o exercício de cantar junto com o seu filho gera uma interação muito importante e propicia que a linguagem que ele usa nesse momento seja significativa.

Isso quer dizer que a criança começa a relacionar os sons às coisas, sobretudo se você usar uma música infantil. Por isso, cantar junto com o bebê é uma das atividades realizadas por terapeutas de linguagem com crianças que têm problemas para desenvolver a linguagem.

Sem música, a vida seria um erro

-Nietzsche-

Além disso, a música é utilizada como uma ferramenta muito eficaz e valiosa para tratar transtornos, como a dislexia e o autismo, já que ela ajuda a criança a desenvolver e a melhorar as capacidades cognitivas em qualquer uma de suas etapas de crescimento.

Cantar com o bebê é uma ferramenta que ajuda o seu filho a falar

Cantar com o bebê é benéfico, pois podemos ensiná-lo a memorizar as letras de variados assuntos, a pronunciar corretamente as palavras, e a abrir bem a boquinha ao falar. Para que esse exercício funcione as músicas devem ser curtas e precisam conter sons que a criança possa associar à coisas que elas conheçam.

As músicas são uma das ferramentas mais eficientes para estimular a fala do bebê. “A música é um canal que conecta os pais às emoções do filho”, explicou em uma entrevista na Internet Benjy Montoya, músico e diretor criativo da Baby radio, uma emissora que conta com uma programação especialmente dirigida a crianças (e aos seus pais).

A música pode mudar o mundo, pois tem o poder de mudar as pessoas.

-Bono Vox, da banda irlandesa U2-

Dessa forma, as músicas infantis, que são ricas em frases com rimas que costumam ser repetitivas, permitem que o bebê forme as bases necessárias para entender e desenvolver a linguagem. Estas permitem que os bebês imitem os sons musicais e repitam um som durante muito tempo, começando assim, a construir a linguagem de forma intuitiva.

A música é sempre uma ferramenta positiva

Além de ajudar a criança a falar, a música estimula de muitas formas positivas os pequenos, pois contribui no desenvolvimento cerebral e mental. A música estimula a criatividade das crianças, melhora a memória dos pequenos e diminui os níveis de ansiedade que podem acometer o seu filho.

A música contribui no desenvolvimento neurológico dos bebês, cujo cérebro é ativado de diferentes maneiras ao escutar diferentes sons. Toda essa atividade neuronal forma novas conexões que favorecem no desenvolvimento cognitivo, psicomotor e na linguagem.

Estimular o seu bebê com música é sempre uma boa opção, pois o relaxa, o diverte e o ensina. Não é à toa que as mães cantam de maneira intuitiva para os seus filhos com o intuito de tranquilizá-los e ajudá-los a dormir. Isso se deve ao fato de que a música além de ajudar a desenvolver a linguagem nas crianças, ajuda a relaxá-las, por ser uma fonte confiável que traz prazer e serenidade.