O café e as crianças: o que devemos saber e evitar?

31 de dezembro de 2017
O consumo de cafeína por parte das crianças pode provocar no seu organismo reações inesperadas e a sua saúde pode se encontrar ameaçada.

Existem muitas pessoas que garantem que o café e as crianças não são uma boa combinação. A cafeína costuma ativar o sistema nervoso central e esse efeito é duplicado nas crianças.

É prudente evitar que as crianças bebam café?

Muitos pais nunca dariam café para os seus filhos, já que acreditam que ele é ruim para a saúde. Quando o tomamos em doses reduzidas, nos sentimos com mais energia. Já o excesso de café pode provocar grande quantidade de problemas, especialmente nas crianças. Além disso, é preciso se lembrar que cada corpo reage de forma diferente diante desse estimulante.

menino bebendo café

Efeitos negativos do café para as crianças

1. Inquietude, nervosismo e ansiedade.

2. Dores de estômago.

3. Dores de cabeça.

4. Dificuldade de concentração.

5. Dificuldade para dormir.

6. Ritmo cardíaco acelerado.

7. Aumento da pressão arterial.

Esses sintomas não se apresentam em todas as crianças, algumas somente apresentem dois ou três, enquanto outras manifestam todos. Algumas vezes, esses sinais não são aparentes. Nesses casos é pior porque o corpo da criança sofre alterações, mas os adultos não se dão conta disso.

As bebidas com cafeína representam riscos potenciais para a saúde da criança

Às vezes, as crianças não consomem café, mas tomam refrigerantes ou bebidas com cafeína, obtendo assim os mesmos resultados. As crianças que consomem muitos refrigerantes tendem a se tornar obesas e a adquirirem possivelmente diabetes. Algumas desenvolvem outros problemas, como dificuldade para conciliar o sono ou mau comportamento. Por isso, é importante cuidar da saúde dos menores da casa.

Descalcificação dos ossos

Embora a cafeína seja prejudicial paras as crianças de todas as idades, essa situação se agrava quando elas têm entre três e oito anos de idade, já que nessa idade os ossos estão em plena formação e tomar café pode impedir que o seu corpo absorva o cálcio que necessitam. O cálcio também é importante para que os dentes cresçam fortes e saudáveis.

Possíveis cáries

A cafeína e o açúcar podem ocasionar cáries nas crianças. Dessa forma, a dentição pode ser gravemente danificada. No caso dos refrigerantes, cada latinha contém aproximadamente cinco colheres de açúcar, o que equivale a cento e cinquenta calorias.

Desidratação

A cafeína contribui para que o corpo perca grandes quantidades de água. Dessa forma, é mais fácil que a criança fique desidratada. Até o momento, não se sabe com exatidão qual é a quantidade de cafeína necessária para que a criança perca líquidos, mas o que se sabe é que isso acontece e que faz mal à criança.

Aumento da temperatura corporal

Muitas crianças costumam consumir refrigerantes nos dias de muito calor. Isso pode provocar sintomas de abstinência, dores nos músculos, mau humor e irritabilidade. Nos dias de muito calor, costumamos ficar com vontade de beber qualquer bebida gelada, por isso, você sempre deve verificar se as bebidas não contêm cafeína.

Quando a criança ainda é muito pequena, é recomendável evitar a relação entre o café e as crianças.

Transtornos nervosos

As crianças estão em pleno processo de crescimento. Por isso, quando elas ingerem algo com cafeína, o sistema nervoso se altera, podendo ocasionar, inclusive, problemas cardíacos.

Sendo assim, o café e as crianças não são uma boa combinação, já que a cafeína é capaz de interromper o crescimento. No passado, os cientistas sabiam que essa substância era nociva para o corpo, mas não sabiam o porquê nem até que ponto chegava a sua gravidade. Graças aos avanços tecnológicos, descobriu-se que os danos são muitos e que eles podem ser graves e irreversíveis. 

menina bebendo café feliz

Manter uma boa saúde

Embora exista uma grande quantidade de bebidas com cafeína, é possível evitá-las. É importante que a criança esteja sempre saudável. Apesar de uma xícara de café não gerar graves complicações, o ideal é evitar o consumo desse alimento, já que a longo prazo pode ser prejudicial. Por isso, é preferível beber refrigerantes que contenham açúcar, mas em poucas quantidades.

Os pais são os responsáveis por manterem a saúde dos seus filhos equilibrada. Embora alguns refrigerantes sejam muito atrativos para eles, é fundamental que os pais ofereçam outras alternativas. Os sucos naturais e as vitaminas feitas em casa são excelentes opções.

“Cuidar da saúde dos filhos sempre deve ser a prioridade dos pais”

Como o sistema nervoso das crianças é mais fraco que o dos adultos, alguns nutricionistas recomendam que as crianças evitem o consumo de café desde pequenas, já que isso pode trazer consequências que irão aparecer ao longo de suas vidas.