O choro do seu bebê a fez acordar de um coma

· 4 de julho de 2018
Acordar de um coma é uma situação que acontece com mais frequência do que pensamos. Entretanto, trata-se de um estado de inconsciência do qual a maioria das pessoas não costuma acordar.

O coma é uma condição muito próxima da morte e ocorre por diversas razões médicas. Mas uma característica particular dessa condição é que a pessoa não é capaz de responder a nenhum estímulo externo.

De modo geral é considerado incrível o fato de uma pessoa conseguir reagir em um estado de coma, sobretudo se esse estado já dura algum tempo. Para outros representa um milagre divino. Para os cientistas, esse fato configura um enigma. O certo é que o ser humano não deixa de se maravilhar de si mesmo.

Mesmo sabendo que o cérebro de uma pessoa em coma não é capaz de responder a estímulos externos, nos deparamos com casos como o de Shelly Cawley. Uma mulher estadunidense que acordou de um coma devido ao choro do seu bebê. Essa surpreendente notícia comoveu o mundo. Mas, mais uma vez, representa o poder dos laços que unem uma mãe aos seus filhos.

A maravilhosa história

Shelly Cawley é uma jovem que aos 23 anos de idade deu à luz um bebê nos Estados Unidos. Isso aconteceu por meio de uma cesárea de urgência no mês de setembro de 2014. Aparentemente, desde o momento do nascimento da pequena Rylan, Shelly sofreu um coágulo de sangue nos pulmões que provocou um coma imediato.

A jovem não se recuperou após a cesárea. Mas sua filha nasceu em perfeito estado. Os especialistas não davam muitas esperanças. Pois ela estava em estado grave, em um coma absoluto que a havia impedido de conhecer sua pequena filha.

Essa notícia foi revelada somente um ano após o acontecimento, quando a família decidiu contar a história no Facebook. O marido de Shelly e pai da criança, Jeremy Cawley, conta que foram momentos angustiantes. Uma mistura de emoções que envolvia o nascimento da filha e a iminente perda da esposa.

acordar de um coma

Entretanto, os especialistas e, sobretudo, a enfermeira responsável sabiam que existe uma conexão que costuma funcionar para ajudar na reação dos bebês: o contato com a pele da mãe. Por esse motivo, a família da jovem permaneceu com ela durante horas. Até que a enfermeira teve a ideia de trazer a recém-nascida e aproximar a pequena da mãe inconsciente.

Essa seria a prova inversa. Dessa vez o objetivo era fazer a mãe reagir ao ter contato com seu bebê. A enfermeira Ashley Manus disse que essa conexão, que é tão benéfica aos bebês, se deve aos laços que os unem às respectivas mães. Por isso, o contrário também deveria funcionar.

O episódio que a fez acordar de um coma foi gravado pela família e publicado na rede social YouTube. No vídeo é possível observar Jeremy aproximar a filha Rylan da mãe que continua alguns instantes inconsciente e de repente começa a reagir. Soube-se que, após essa reação, Shelly demorou mais uma semana para terminar de se recuperar.

acordar de um coma

No momento em que aconteceu a aproximação da pequena Rylan, Shelly Cawley não conseguia se movimentar, não acordava e seu prognóstico era bem pessimista. Entretanto, graças a essa incrível ação, hoje ela pode desfrutar da sua pequena filha.

A mãe conta que se lembra de que estava em um sono profundo do qual se sentiu obrigada a acordar devido ao choro do bebê. Em termos científicos, isso é algo completamente incrível. Pois a pessoa que está em coma vive e está dotada de uma função não cognitiva que é semelhante ao sonho.

Mesmo que uma pessoa em estado de coma possa perceber o que acontece no ambiente a sua volta, ela não é capaz de responder ao que acontece nele.  É natural que Shelly tenha escutado seu bebê chorar e tenha notado muitas coisas que aconteceram ao seu redor. Mas não podia pensar nem compreender nada. É por isso que, mais uma vez, a força do amor supera os obstáculos entre uma mãe e seu filho.