O que fazer quanto à queda de cabelo durante a gravidez?

· 23 de maio de 2018
Parecer radiante durante a gravidez é o que todas as futuras mães querem. É possível que, em alguns casos, haja dificuldades com a estética, por isso é sempre bom ter alguns truques na manga para evitar ou lidar com essas dificuldades.

Entre a grande variedade de mudanças que o corpo de uma mulher experimenta na gestação, é possível que se apresente a queda de cabelo durante a gravidez. Vamos ver como lidar com esse problema para continuar com uma boa aparência nesta fase.

As futuras mães, em seu desejo de atender a todos os aspectos de suas vidas até a perfeição, não negligenciam sua aparência no período de gestação. O cabelo para uma mulher é o seu cartão de visita; elas investem muito tempo e dinheiro para mantê-lo saudável.

A perda de volume do cabelo nunca será bem-vinda; por esta razão, devemos estar atentas e prevenidas quanto às ações que devem ser tomadas se a queda de cabelo ocorrer durante a gravidez.

Possíveis causas da queda de cabelo durante a gravidez

Frequentemente, as razões para a perda de volume no cabelo durante o período de gestação estão ligadas às alterações hormonais próprias do período. As defesas baixas devido à pouca ingestão de nutrientes essenciais também podem ser culpadas.

É importante lembrar que as necessidades do feto nesse sentido são importantes, de modo que a mãe deve consumir quantidades suficientes de nutrientes para atender às necessidades do desenvolvimento do bebê e as do seu próprio corpo.

Nesse sentido, os desconfortos do primeiro mês de gestação, como vômitos e náuseas, podem causar falta de apetite na mãe e, consequentemente, diminuir os níveis de vitaminas que ela consome. Isso pode desencadear, entre outras coisas, a queda de cabelo.

fortalecimento do cabelo

O mais comum é apresentar perda de volume de cabelo no período pós-parto. Neste momento, o corpo está restaurando os níveis habituais de hormônios e essas mudanças podem causar essa perda.

Por outro lado, o aumento nos níveis de progesterona também causa ressecamento nos cabelos. Como resultado, ele se torna mais propenso à quebra.

Esse fenômeno ocorre com mais frequência no último período da gravidez. É possível que a quebra ocorra no nível da raiz e dê a impressão de que o cabelo está caindo, quando a realidade é bem diferente.

A queda de cabelo durante a gravidez é incomum; no entanto, não deve ser um motivo de preocupação para a mãe a menos que esteja acontecendo de maneira excessiva; em todo caso, é sempre aconselhável consultar o médico para tomar as precauções necessárias.

Cuidados para evitar a queda de cabelo durante a gravidez

Primeiramente, você tem que ser paciente com seu cabelo. Recomenda-se pentear-se suavemente com uma escova que não tenha cerdas muito finas. Além disso, é necessário evitar exercer força sobre o cabelo enquanto estiver molhado.

Se você perceber que seu cabelo está mais fraco, é importante escolher um bom xampu e condicionador; os mais recomendados são aqueles com um pH neutro, no caso dos cabelos normais.

Além disso, também é bom seguir estas outras recomendações:

  • Máscaras nutritivas com efeito reparador podem ser aplicadas se o cabelo apresentar ressecado extremo.
  • Se o tipo de cabelo é oleoso, então é aconselhável utilizar xampus suaves para uso diário.
  • A lavagem deve ser feita com água morna e uma suave massagem no couro cabeludo, com as pontas dos dedos.
  • Evite o uso de aparelhos muito quentes, como chapinhas e secadores. Eles podem ser utilizados às vezes, com temperaturas mais baixas para acelerar a secagem natural do cabelo.
  • Diminua o uso de elásticos muito apertados, rabos de cavalo ou tranças.
  • Caso se decida por usar tratamentos antiqueda, é melhor consultar antes o ginecologista para receber as instruções pertinentes.

Pode acontecer de alguns dos componentes desses tratamentos não serem recomendados durante a gravidez. Por isso, repetimos a importância de consultar o médico antes de optar por eles.

alimentos ajudam no fortalecimento dos cabelos

Quais alimentos ajudam a fortalecer o cabelo?

Um dos primeiros passos para tornar o cabelo saudável antes, durante e depois da gravidez é cuidar da alimentação. Uma alta ingestão de legumes e frutas ajudará a fortalecer o cabelo e promover seu crescimento, além de proteger o folículo piloso.

Além disso, a levedura de cerveja é ideal para melhorar a saúde do cabelo e prevenir a queda devido ao seu alto teor de vitamina B. Ela pode ser encontrada em vegetais desidratados, sopas e massas.

Frequentemente, as razões para a queda de cabelo durante o período da gestação estão ligadas a alterações hormonais”

Além disso, vegetais verdes como espinafre, agrião, alface ou brócolis, entre outros, fornecem quantidades significativas de vitamina A e C. Elas produzem a segregação de sebo, que ajuda na hidratação natural do cabelo.

As cenouras, por sua vez, contêm betacaroteno, que é o responsável por lhes dar aquela linda cor laranja. O betacaroteno ajuda na produção de óleos que fortalecem o couro cabeludo.

Também leguminosas como grão-de-bico, feijão e outros grãos contribuem com zinco, ferro e biotina; esses nutrientes impedem a quebra do cabelo, fortalecem as raízes e os folículos pilosos.

Finalmente, a ingestão do ômega 3 presente em peixes como sardinha e atum contribui para a maciez e brilho dos cabelos. Além disso, ajudam a fortalecer os folículos pilosos e estimulam o crescimento do cabelo.