Quando ensinar o bebê a tomar água no copo?

28 de março de 2019
A partir dos 7 ou 8 meses, o bebê pode começar a deixar a mamadeira um pouco de lado para alternar com tomar água no copo. A princípio, ele vai precisar de ajuda mas, pouco a pouco, vai conseguir fazer isso sozinho.

Os bebês, pouco a pouco, vão enfrentando desafios que são gigantes para eles, como, por exemplo, aprender a andar, falar ou tomar água no copo. A separação do seio da mãe e mesmo da mamadeira implica um processo psicológico, motor e emocional, mesmo que seja apenas por alguns momentos durante o dia.

Progressivamente, a criança terá que aprender a dizer adeus àqueles elementos que geram segurança, tranquilidade e prazer, de tal forma que deixá-los de lado não é nada fácil.

Quando ensinar o bebê a tomar água no copo?

Aos 6 meses, costuma-se dar água ao bebê pela primeira vez, pois no período anterior ele só precisava da amamentação exclusiva. A menos que os pequenos estejam doentes ou esteja fazendo muito calor, não devemos oferecer água antes dos seis meses de vida.

É nesse momento que começa a introdução da alimentação complementar. A ingestão de leite materno é reduzida, sendo complementada com água, sucos ou leite de vaca. Para isso, o mais aconselhável é ensinar o bebê a beber diretamente no copo em vez de usar a mamadeira.

É claro que até os 7-8 meses o bebê certamente ainda não tem um desenvolvimento motor suficiente para segurar o copo ou a mamadeira e teremos que ajudá-lo.

Esse processo vai permitir que o pequeno amadureça, deixando um pouco de lado o apego e a dependência criados pelo vínculo com o seio materno, a mamadeira, a chupeta ou até mesmo o dedo.

Para começar, recomenda-se usar copos de plástico com alças e bicos, para evitar que se quebrem se caírem no chão, ou então garrafas especiais para bebês que sejam fáceis de manusear.

 Ensinar o bebê a tomar água no copo

Algumas dicas

Tipos de copo recomendados

  • Fabricado com materiais não tóxicos. Como não é aconselhável que seja feito de vidro para que não se quebre, a melhor opção é o silicone. Trata-se de um material de borracha elástica, sem cheiro, sem gosto, sem substâncias nocivas e muito resistente a altas temperaturas.
  • Com desenhos e cores atraentes para despertar a atenção e a curiosidade de usá-lo por parte da criança.
  • Bico macio, também feito de silicone.
  • Com alças e tampa antigotejamento (para evitar que derramem tudo)

Tempo de transição entre a mamadeira e o copo

Nem todas as crianças são iguais, cada uma tem o seu tempo e processo de desenvolvimento. Portanto, a destreza varia mesmo que tenham a mesma idade. Dessa forma, os pais não devem se estressar se a criança tiver dificuldade para usar o copo. Mesmo assim, com um ano elas geralmente já sabem beber sozinhas.

Nas primeiras vezes, apesar do bico, é normal que a criança engasgue e se molhe. Conforme tomar água no copo for se tornando parte da sua rotina, ela vai adquirindo destreza até conseguir fazer isso sem deixar cair uma única gota.

O copo “de adulto”

Aos 2 anos de idade a criança deve saber beber em um copo normal sem bico, que deve ser removido progressivamente.

Tempo de transição entre a mamadeira e o copo

Recomendações finais

  • Seja paciente e sempre respeite os ritmos de desenvolvimento do seu filho.
  • Umedeça o bico do copo com leite materno e dê à criança para que, através dos sabores e do olfato, ela faça uma associação e queira beber o seu conteúdo.
  • Troque o conteúdo. Além de água, você pode oferecer sucos ou até mesmo leite materno.
  • Verifique as válvulas antiderrame que alguns modelos de copo contêm. Muitas vezes o bebê suga e não sai nada, causando desconforto.
  • Ensine através da imitação.
  • Não use o bico por muito tempo. Assim que o bebê conseguir segurar o copo, é necessário tentar fazer isso sem a tampa.
  • Cuide bem da higiene do copo e do bico, pois pequenas porções de líquido podem ficar dentro dos sulcos e das dobras, facilitando assim o crescimento de bactérias e mofo.