4 brincadeiras com bolas para crianças

Você quer que seus filhos desenvolvam suas habilidades físicas jogando bola? Confira as dicas a seguir e incentive-os nessa empreitada!
4 brincadeiras com bolas para crianças

Última atualização: 23 Setembro, 2021

Você já pensou em todos os benefícios que as brincadeiras com bolas oferecem? Possivelmente sim, mas hoje vamos compartilhar alguns outros pontos positivos dessa atividade que você nem imagina.

As bolas são uma constante em várias disciplinas humanas: o esporte, o ensino e também a saúde. Em consonância com esse ponto, as brincadeiras infantis não são exceção. Na verdade, esses elementos chamam a atenção dos pequenos de uma forma especial e representam diversão e prazer.

Aproveitando essa grande vantagem, vamos apresentar aqui algumas brincadeiras com bolas para fins lúdicos, educativos e recreativos para as crianças.

As brincadeiras com bolas estimulam diferentes habilidades físicas

Além de divertidas, as brincadeiras com bola favorecem o desenvolvimento de diferentes habilidades físicas da criança.

Existem vários tipos de bolas, dependendo do esporte ou da atividade que se deseja praticar. Mas todos os tipos podem ser usados para brincar. O ideal é familiarizar a criança com o elemento antes de iniciar a atividade. Em seguida, explique as orientações necessárias para iniciar a diversão.

A seguir, apresentamos 4 alternativas para aproveitar esse objeto simples e maravilhoso. Tome nota!

1. Jogo de coordenação visual

 

A coordenação visual e as brincadeiras com bolas para crianças

A coordenação visomotora é o uso simultâneo dos olhos e de alguns segmentos do corpo, como as mãos. Para isso, é necessário ter um alto grau de precisão.

Ao desenvolver essa habilidade, as crianças precisam se concentrar para realizar a atividade. Com o tempo, elas passarão a fazer isso de forma mais automática.

Para trabalhar essa habilidade, aconselhamos uma atividade divertida que se realiza com pouquíssimos elementos. Você só precisa de uma bola, uma corda e uma criança que queira brincar. Explicamos abaixo:

  1. Amarre a bola na corda e fique ao lado da criança.
  2. Pegue a corda e comece a balançar a bola como um pêndulo. Esse movimento deve ser feito seguindo uma linha reta perpendicular à posição da criança. Dessa forma, o pequeno só poderá observar o movimento com o canto do olho.
  3. Peça à criança para bater na bola com a mão mais próxima a ela, sempre que a sentir perto de si.

2. Jogo de coordenação dinâmica e localização espacial

A coordenação dinâmica requer o trabalho de todos os segmentos corporais ao mesmo tempo. Por exemplo, quando corremos, ambos os braços e pernas devem estar sincronizados para conseguir um movimento adequado.

Por outro lado, a localização espacial ou propriocepção é a maneira pela qual uma pessoa detecta a orientação do seu corpo e sua posição no espaço. Os conceitos que são aprendidos com essa habilidade são:

Através das brincadeiras com bolas é possível estimular ambas as capacidades e o Zigue-zague é um bom exemplo. Você conhece? Confira seus passos:

  1. Coloque várias bolas em linha reta, separadas por uma distância de meio metro.
  2. Convide as crianças a correrem entre elas, fazendo movimentos em zigue-zague.
  3. Enquanto elas correm, jogue algumas bolas de plástico. Dessa forma, elas deverão se concentrar em mover o torso para evitar que as bolas as toquem, enquanto as pernas se movem em zigue-zague.

3. Jogo de equilíbrio com a bola

O equilíbrio é outra das principais capacidades físicas do ser humano e também é estimulado por meio das brincadeiras com bolas.

  • Com a ajuda de uma bola de tênis, você pode fortalecer o equilíbrio dinâmico da criança. Basta colocá-la na cabeça da criança e desafiá-la a mantê-la ali durante o maior tempo possível sem a ajuda das mãos ou de outra pessoa.
  • Para trabalhar o equilíbrio estático, você pode usar a bola de tênis ou outra um pouco maior. Você deve colocar a criança em posição de espantalho, apoiada em uma perna e com as mãos esticadas. Em seguida, coloque a bola em uma das mãos para que a equilibrem o máximo possível.

4. Jogo para estimular a capacidade de reação

A reatividade é a maneira do corpo se ajustar a um estímulo imediato. Geralmente, em um curto período de tempo. Por exemplo, quando uma bola está prestes a atingir nosso rosto e nos movemos antes que isso aconteça.

Algumas brincadeiras com bolas podem contribuir para o fortalecimento da capacidade de reação, mas é necessário jogar em pares e em espaço aberto.

As crianças devem ficar de frente uma para a outra e manter o olhar fixo à frente. Então, uma das crianças começa a jogar a bola para trás, sem olhar. A outro deve reagir imediatamente e não deixar que a bola toque o solo. Uma vez capturada a bola, essa criança joga de volta sem olhar e a sequência é repetida várias vezes.

Dê preferência às brincadeiras com bola em casa!

 

brincadeiras com bolas para crianças e bebês

Como você viu, as opções para brincar com as bolas são muitas. Uma das maiores vantagens desse elemento é que não se restringe a uma idade específica, já que a criança sempre pode usar as bolas para brincar de diferentes maneiras.

Portanto, aconselhamos que você familiarize seu bebê com a bola o mais rápido possível. Procure fazer momentos de brincadeiras com bolas todos os dias, sempre se adaptando ao desenvolvimento maturacional da criança.

Pode interessar a você...
8 jogos para promover o desenvolvimento motor grosso
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
8 jogos para promover o desenvolvimento motor grosso

Se você quer ajudar o seu filho a promover o desenvolvimento motor grosso, não perca esses jogos para brincar em casa. Confira nossas dicas!