4 soluções naturais contra prisão de ventre durante a gravidez

Vamos mostrar quais são os pontos-chave para evitar a prisão de ventre na gravidez. Assim, você vai melhorar a sensação de bem-estar.
4 soluções naturais contra prisão de ventre durante a gravidez

Última atualização: 14 dezembro, 2021

É comum ter prisão de ventre durante a gravidez, mas pode ser um desconforto em alguns casos. Por isso, vale a pena conhecer uma série de soluções para evitar o problema, diminuir o desconforto e promover o bem-estar.

Deve-se levar em consideração que a prisão de ventre é decorrente de uma alteração funcional ou como consequência de um padrão alimentar inadequado. Nesse sentido, existem vários pontos-chave na dieta que podem afetar o trânsito digestivo e, nessa situação, vale a pena consultar um nutricionista.

Soluções para combater a prisão de ventre na gravidez

A seguir, mostraremos quais são as melhores soluções para evitar e melhorar a prisão de ventre durante a gravidez. Anote!

1. Aumente a ingestão de fibras

Grávida comendo fibras

A maioria das diretrizes dietéticas aconselha o consumo de pelo menos 25 gramas de fibra por dia. Dessa forma, evitam-se alterações da função digestiva e um grande número de patologias mais complexas. É importante ressaltar que essa substância é classificada em dois tipos, solúvel e insolúvel, de acordo com sua capacidade de reter água.

De acordo com um estudo publicado na revista Nature Reviews, a ingestão de fibras aumenta o volume do bolo fecal, e isso favorece a motilidade intestinal. À medida que as fezes aumentam de tamanho, elas estimulam os mecanorreceptores no tubo com mais eficiência, causando movimentos peristálticos mais intensos.

Para atingir os requisitos de fibra necessários, é aconselhável aumentar o consumo de frutas, vegetais e grãos integrais.

2. Beba mais água

Para que a fibra atue como deveria, é essencial ingerir bastante água. Além disso, o líquido aumenta a lubrificação do bolo fecal, o que facilita sua descida pelo tubo.

Segundo pesquisa publicada no Jornal de Pediatria, um bom estado de hidratação ajuda a reduzir a prisão de ventre.

Contudo, você não deve esquecer que a melhor fonte de hidratação é a água mineral natural. Como regra geral, para reposição de líquidos, sucos e refrigerantes devem ser evitados, pois ambos contêm concentração excessiva de açúcares simples. Consumir esse tipo de bebida durante a gravidez pode aumentar o risco de desenvolver diabetes gestacional.

3. Exercite-se regularmente

Embora na gravidez existam certas atividades que devam ser evitadas, isso não significa que seja necessário recorrer ao sedentarismo. Muito pelo contrário.

Uma certa quantidade de exercícios pode ajudar a prevenir e tratar a prisão de ventre. Portanto, é recomendável manter um estilo de vida ativo.

Algumas das atividades mais recomendadas são: caminhar, subir escadas, nadar ou fazer ioga. Claro, tente não fazer atividades intensas ou de alto impacto.

4. Divida as refeições e mastigue o suficiente

É importante lembrar que a digestão começa na boca. Portanto, a mastigação correta dos alimentos facilita os sucessivos processos intestinais. Esse hábito simples é muito eficaz na redução da prisão de ventre, além de melhorar a absorção de muitos nutrientes.

Além disso, é preferível fazer várias refeições pequenas do que uma refeição grande. Quando um grande volume de comida é colocado no estômago, o risco de produção de gases aumenta.

Mulher comendo frutas durante a gravidez.

Comece com remédios naturais antes de recorrer aos medicamentos!

Existem certos medicamentos que podem ajudar a melhorar a motilidade intestinal, principalmente enemas. Porém, é sempre mais adequado promover bons hábitos antes de recorrer a eles, principalmente durante a gravidez. Lembre-se de que, nesta fase da sua vida, até os medicamentos mais comuns podem causar efeitos colaterais na sua saúde e na do seu bebê.

Como você viu, existem várias estratégias naturais que podem ser implementadas para reduzir a prisão de ventre durante a gravidez. Experimente hoje e você notará as mudanças em breve.

Porém, caso o problema não seja resolvido e você não possa ir ao banheiro, consulte um especialista. É possível que haja um distúrbio funcional que condicione o trânsito e que deva ser resolvido imediatamente.

Pode interessar a você...
Alimentos para prevenir a prisão de ventre nos bebês
Sou Mamãe
Leia em Sou Mamãe
Alimentos para prevenir a prisão de ventre nos bebês

É essencial introduzir alimentos na dieta para evitar a prisão de ventre nos bebês. Dessa forma, conseguimos melhorar seu trânsito intestinal. Conf...



  • Vriesman, M. H., Koppen, I., Camilleri, M., Di Lorenzo, C., & Benninga, M. A. (2020). Management of functional constipation in children and adults. Nature reviews. Gastroenterology & hepatology, 17(1), 21–39. https://doi.org/10.1038/s41575-019-0222-y
  • Boilesen, S. N., Tahan, S., Dias, F. C., Melli, L., & de Morais, M. B. (2017). Water and fluid intake in the prevention and treatment of functional constipation in children and adolescents: is there evidence? Jornal de pediatria. 93(4), 320–327. https://doi.org/10.1016/j.jped.2017.01.005