Três receitas ricas em iodo para o primeiro trimestre da gravidez

9 de abril de 2019
O iodo é um nutriente fundamental durante o início da gravidez. No artigo a seguir, mostramos como podemos consumi-lo durante os primeiros meses de desenvolvimento do nosso bebê. No entanto, não hesite em consultar o seu médico se precisar de uma dose extra desse elemento.

Quase todas as grávidas estão a par de que o consumo de iodo é fundamental nessa fase. No entanto, você sabe onde pode encontrá-lo e o porquê da sua importância? Além de desvendar essas dúvidas, oferecemos algumas receitas ricas em iodo para o primeiro trimestre de gravidez.

Por que é preciso consumir iodo durante a gravidez?

Em primeiro lugar, o iodo é um nutriente fundamental na hora de transformar os alimentos em energia e extrair as suas propriedades benéficas para o organismo. Durante a gravidez, portanto, é um dos muitos artífices da maturação do bebê e é importante para o bem-estar da mãe.

No que diz respeito ao crescimento do feto, o iodo é importante para o desenvolvimento cerebral. De fato, algumas pesquisas relacionam essa carência com níveis de inteligência menor e hiperatividade.

Além disso, trata-se de um elemento muito importante para o funcionamento da glândula tireoide e para a produção de hormônios da tireoide, algo que o bebê ainda não consegue realizar. Ou seja, a mãe produz por ambos. Também é importante para a prevenção do cretinismo e outros transtornos mentais.

No caso de mulheres grávidas em que se produza hipotireoidismo por falta de iodo, aumentam os riscos de aborto e de problemas de aprendizado no futuro para seus filhos.

Da mesma forma, pode causar atrasos no desenvolvimento, como o de crescimento intrauterino, a hipoacusia e outros defeitos congênitos que são também possíveis consequências da falta de iodo.

Receitas ricas em iodo para o primeiro trimestre de gravidez

A OMS e a UNICEF, entre outros organismos, sugerem que as mulheres complementam a sua dieta com pelo menos 200 mcg diários de iodo. No entanto, essa decisão depende exclusivamente de um profissional que poderá avaliar cada caso em particular.

A título de recomendação geral, essas receitas ricas em iodo para o primeiro trimestre de gravidez podem ser de grande ajuda para levar uma dieta mais saudável durante o início da gestação.

1. Creme de espinafre e cenoura

Ingredientes

  • Sal.
  • 1 cenoura.
  • 1/4 de cebola.
  • 1/2 batata.
  • Azeite de oliva.
  • 1/2 xícara de espinafre.

Modo de fazer

  1. Descasque e corte em rodelas a cenoura e a batata.
  2. Lave e corte o espinafre e a cebola em tiras.
  3. Salteie em fogo médio os legumes (exceto a batata) em uma frigideira com azeite de oliva.
  4. Depois de 4 minutos, coloque água até cobrir os legumes e, aí sim, adicione a batata. Adicione o sal e tampe.
  5. Cozinhe por 20 minutos, até que os legumes fiquem macios.
  6. Coloque tudo no liquidificador e bata bem.
salada de atum com ovos e espinafre

2. Ovos recheados com atum e tomate

Ingredientes

  • Sal.
  • 2 ovos.
  • 1/2 litro de água.
  • 2 colheres de sopa de molho de tomate.
  • 1/2 lata de atum em conserva grande.

Modo de fazer

  1. Ferva os ovos em água com uma colher de chá de sal. Deixe que eles cozinhem por 10 minutos ou até que a água comece a ferver.
  2. Retire-os, molhe-os com água fria e descasque-os.
  3. Corte-os ao meio e retire a gema para misturá-la com o atum e o tomate.
  4. Coloque essa mistura nos ovos e sirva.

Dica: você pode adicionar queijo ralado ou gratinado aos ovos se preferir. Sugerimos também para acompanhar esse prato: uma salada com vegetais ricos em iodo, como as cenouras e a acelga.

receitas ricas em iodo

3. Grão-de-bico com acelga e bacalhau

Ingredientes

  • Sal.
  • 2 batatas.
  • 1/2 cebola.
  • 2 tomates.
  • Azeite de oliva.
  • 2 dentes de alho.
  • 1 folha de louro.
  • 1 fatia de pão.
  • 6 folhas de acelga.
  • 250 gramas de grão-de-bico.
  • 750 gramas de bacalhau sem sal.
  • 1 colher de chá de páprica

Modo de fazer

  1. Doure os dentes de alho em azeite de oliva e, depois, bata-os no liquidificador.
  2. Doure o pão no azeite por um minuto e também adicione-o no liquidificador.
  3. Frite também a páprica com o azeite que sobrou e, em seguida, coloque-o no pão frito.
  4. Adicione um pouco mais de azeite e acrescente o tomate, sem casca e em pedaços, e a cebola. Tampe para cozinhar e, depois de cerca de 10 minutos, bata no liquidificador.
  5. Adicione um pouco de água e triture.
  6. Coloque um litro de água em uma panela e deixe ferver. Quando estiver quente, despeje os grãos-de-bico lavados e a folha de louro.
  7. Coloque na panela a mistura do liquidificador junto com as batatas e as acelgas já lavadas.
  8. Tampe e cozinhe por 20 minutos.
  9. Adicione o bacalhau e cozinhe por 10 minutos em fogo lento. Se necessário, coloque mais sal no final.
  10. Sirva com cuidado, já que o bacalhau pode quebrar com facilidade.

Apesar de através dessas receitas ricas em iodo para o primeiro trimestre de gravidez você poder ingerir esse nutriente, também se pode obtê-lo através de alimentos como nozes secas, avelãs, peixes de água salgada e certas frutas, como abacaxi, maçã e figos.

Em última instância e, fundamentalmente, esse mineral também pode ser encontrado no sal iodado. Com relação ao sal iodado, o ideal é seguir as instruções do médico para o seu uso.

  • Zimmermann, M. B. (2012). The effects of iodine deficiency in pregnancy and infancy. Paediatric and Perinatal Epidemiology. https://doi.org/10.1111/j.1365-3016.2012.01275.x